Homens se magoam com mangá de autora mulher e a editora paralisa o título

26 out

Ohayo, caros otakus! Sobreviveram aos dois dias de provas do ENEM? Estão mais aliviados que os textos falando sobre feminismo estarão apenas no seu Facebook em vez de uma prova que vale uma vaga na sua faculdade? Desculpa avisar, mas o assunto de hoje ainda tem a ver com o assunto, então lide com isso. IKIMASU ver o que deu no Shoujo Café?

himo-zairu

DEIXA EU VER SE A OTAKA AQUI ENTENDEU!

A autora Akiko Higashimura fez um mangá que fala sobre um dojo que treina rapazes que não estudam e nem trabalham a conseguirem uma esposa rica pra bancá-los, aí os leitores do sexo masculino ficaram ofendidos com a DISCRIMINAÇÃO e acusam a autora a DIFAMAR os homens. Agora o mangá está na geladeira porque a autora quer retrabalhar o título (sabemos que é mais fácil sair mais um volume de Kekkaishi por aqui que esse negócio voltar).

Eu entendo que a Kodansha segue o público e não faz sentido manter um mangá que é rejeitado (ou vocês acham que a autora decidiu paralisar por livre e espontânea vontade?), mas onde já se viu o público rejeitar um mangá que mostra mulheres tratando homens que nem objetos? Pense no oposto: sabe o que aconteceria se a Kodansha publicasse um mangá que tem um personagem principal do sexo masculino que trata mulheres que nem objeto em cenas de assédio?

NANATSU-CAPA

Ele seria um sucesso de vendas e chegaria até o Burajiru

[ATUALIZADO: Tinha uns erros de informação, mas já me avisaram no Twitter e nos comentários e agora tá tudo certo]

16 Respostas to “Homens se magoam com mangá de autora mulher e a editora paralisa o título”

  1. Panino Manino 26/10/2015 às 11:36 #

    Só para deixar claro para quem não leu as notícias originais, que quis parar o mangá para repensar sobre a ideia foi a própria autora. A editora não forçou o cancelamento não, isso foi problema entre a Akiko e os leitores dela.

    O maior motivo de alguns terem se doído tanto é que esse mangá é um daqueles “quase não ficção” da autora. Ela é uma das personagens, o cenário é o estúdio dela, povoado por assistentes e amigos. Então toda as “críticas aos homens” saem a própria boca da autora, inclusive há fotos deles no meio das páginas. Foi demais para alguns conseguirem processar. Daí pela Akiko não viver na sua caverna e ter bastante contato com os fãs ela acabou ouvindo e parando para pensar.
    Vamos ver como essa história se desenvolve.

    Curtir

  2. Agronopolos 26/10/2015 às 12:00 #

    E esse mangá sairia no Brasil e teria o anime do mesmo sendo dublado e lançado no Brasil no dia 1º de novembro pelo Netflix

    Curtir

  3. Rafael Teixeira 26/10/2015 às 15:17 #

    Nossa, que lindo um país civilizado em que reconhecem que existe ódio aos homens.

    Engraçado que feminazi censurar a capa da batgirl pode né? E jogos de video-game, e etc etc. O que mais tem em produções artisticas hj em dia é FEMALE TEARS, “Ain, pq ela num foi escolhida pro papel no batman por ser mulher negra” “Ain, pq tal filme é ofensivo pra molieres, censura”.
    E isso pq NÃO EXISTE nessas produções ÓDIO REAL CONTRA MULHERES, nem em nenhuma sociedade ocidental alias. Já que apesar do chororo mulheres são paparicadas e cheias de provilégio. Já esse mangá tem sim que ser reprimido como DISCURSO DE ÓDIO.

    Curtir

  4. Tsuss 26/10/2015 às 16:14 #

    Os únicos homens que se sentiram difamados foram aqueles que se enxergaram nos personagens masculinos do mangá. E agora tão com raiva da autora por causa disso.

    Curtir

  5. samurandre 26/10/2015 às 18:28 #

    queria ler essa bagaça. e deveriam SIM continuar a publicar esse bangue e deixarem de mimimi.

    Curtir

  6. ALBN 26/10/2015 às 19:00 #

    Fiarem reclamando por causa dessa estória é muito vacilo,se o problema for desse mangá ser destinado a shonen,é mudar o público e manter a premissa.Se não vejo problema nenhum no Nanatzu,tirando alguns fanservises e por considerar a relação entre Elisabeth e Meliodas são um para outro,já que Elisabeth só deixa ele e ele só faz isso com a Elisabeth feito um sátiro e uma ninfa,essse Himo Zairu tamabém não,além de ter uma premisse pra comédia mais interessantes. Se fosse a autora,só mudava o meu público alvo e manteria a estória doo jeito que tá, quem faz Kurogehime tem moral pra isso.

    Curtir

  7. affe Ò_Ò 26/10/2015 às 19:05 #

    Rafael Teixeira
    se continuar pensando assim vai morrer sem namorada
    ou vai ter uma tão alienada quanto tu hehehe
    cara na real quem acha q o mundo não é machista
    q violência contra a mulher não existe
    q a mulher não sofre pra caralho e q vive sendo paparicada
    merece ir tomar no cú no mínimo
    Nunca vi ninguém ser discriminado por ser homem hétero cis branco
    agora a mulher nem salário igual o do homem recebe pelo simples fato de ser mulher nesse brasil
    pra você ter uma idéia, mulher mal pode andar na rua vestindo o que quer que vem gente pra irritar e assediar
    nunca vi homem dizer que foi assediado por andar sem camisa na rua
    ou de bermuda
    e ainda chega imbecil igual você que acha que tá tudo certo

    Curtir

  8. ALBN 26/10/2015 às 19:22 #

    Sobre essa questão de machismo,o material realmente ideal para metralhar com gosto de gás é aquele filme Naruto The Last, que tem um roteiro mais feio que bater na mãe faz com que a Hinata,uma baita lutadora com aquelas técnicas especiais oculares ser reduzida a uma princesa em perigo incapaz de defender ou ter vontade própria,aquilo foi de doer.Parece que na cabeça das pessoas ter um relacionamento saudável em que os dois se complementam é impensável comercialmente,e vendem esses relacionamentos desequilibrados de punheteiro virjão que é incapaz de manter uma relação de igualdade e só sentem seguro quando a pessoa se comporta feito ser inferior ou boneca inflável.Pode pegar esse filme e descer sarrafo.

    Curtir

  9. jasque 26/10/2015 às 22:26 #

    Acho que o fábio só tá esperando o momento certo pra fazer um review desse animay e irritar os fãs

    Curtir

  10. Ex-Otaku 27/10/2015 às 21:27 #

    Sou a favor desse cancelamento, pois esse tipo de discussão e tema é extremamente cansativo e não precisa ter inicio no oriente justamente agora. Não se trata de ser feminismo ou não, mas sim de começar a ter esse tipo de discussão até em desenho animado e quadrinho eu acho já exagero, serio seria até um tema sadio para discutir se não acabasse sempre alguém levando ao extremismo e exagero no final como ocorre aqui.

    Curtir

  11. Me banquem tb 28/10/2015 às 18:16 #

    Eu sou homem, vivo como gigolo e n senti ofendido. N vejo problema nenhum homem viver a custa da mulher. Ela pode ter quantos amantes quiser… pq sou poliamoroso tb

    Curtir

  12. The Fool 29/10/2015 às 17:29 #

    @ Me Banquem tb: Que bom que tu é favor do poliamor, mas tipo, pena que o resto do mundo não pensa assim.

    @ Panino: Só eu acho que ela tinha que mandar o mangá doa a quem doer? Se os leitores seguem ela já sabem o que esperar dela. Agora ficar de mimimi por causa do que ela escreve?
    É bem simples, não gosta, não leia. Mas não, tem que seguir a bagaça pra ficar aporrinhando, deixa a mulher trabalhar, oras!

    Curtir

  13. Hikki Shinozaki 02/11/2015 às 17:49 #

    AFF que gente chata…
    Mas ok, são eles quem compram…

    Curtir

  14. Ninguém 01/12/2015 às 13:51 #

    Conheço várias pessoas que adorariam ser esse tal de himo aí;

    Curtir

  15. JV (@Naggykun) 24/12/2015 às 00:07 #

    AUTORA MÓ GOSTOSA, EU QUERIA QUE ELA ME SUSTENTASSE HAHAHAHAHAHAHAHA #GIRLPOWER

    Curtir

  16. lucas 12/04/2016 às 02:09 #

    “que aconteceria se a Kodansha publicasse um mangá que tem um personagem principal do sexo masculino que trata mulheres que nem objeto em cenas de assédio?…” para de mimimi ta agora porque um manga contem isso quer dizer que não pode reclamar quando outro manga desrespeita os homens? é a mesma coisa que fala que alguém não pode reclamar que sofreu agressão já que houve pessoas assassinadas mas voltado ao assunto existe mangas que sim desrespeita e discrimina os homens assim como mulheres como colocando como a personificação do mal,frios,cruel,covarde…. mas quando reclamar desses mangas não pode só porque tem um que discrimina as mulheres? ue então faz o seguinte faça o mesmo com aquele manga citado.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: