Archive | agosto, 2013

Que aço o quê! Prefiro barras de ouro (que valem mais do que dinheiro)

28 ago

Ao contrário dos médicos brasileiros em relação aos cubanos, os otakus recebem numa boa os episódios de Cavaleiros do Zodíaco Ômega sem qualquer problema. Quem liga para perguntas do tipo “essa série é relevante?” ou “Meio ruim esse negócio, né?”, o importante é termos mais pauta para o Site dos Cavs.

E se eles já entram em orgasmo no sétimo sentido quando aparece uma cameo de um figurante da série original, imagina a reação ao ver a seguinte notícia:

cavaleirosdeacodevolta

Como nem o Site dos Cavs sabe o motivo do desaparecimento deles nesses quase 20 anos da exibição do anime original, IKIMASU brincar de simulado do ENEM e deixar para os leitores decidirem o que aconteceu?

(a) Eles foram reciclados pela coleta seletiva.

(b) Passaram meses no ostracismo participando de eventos em países em desenvolvimento e vendendo fotos autografadas a 30 reais.

(c) Saíram de Cavaleiros do Zodíaco com a promessa de uma publicação de um mangá solo na quarta edição da Ação Magazine.

(d) Ganharam a vida participando como DJs de festas nostálgicas da década de 90 e em pautas de “por onde anda?” do Superpop.

(e) Quem se importa?

BOMBA! Revelei o presente exclusivo da JBC para os leitores de Thermae Romae

27 ago

Para um mangá que será publicado apenas porque algum diretor da JBC achou que seria uma indireta boa aos otakus mostrar que banho pode ser legal, Thermae Romae tá chegando aí com um humor que deve ser tão fácil de entender quanto a pronúncia do título.

E a edição brasileira do mangá será super especial por causa de um presente da editora JBC. Qual será esse presente?

(  ) Um preço mais em conta por ser um mangá diferenciado

(  ) Um vale fonte-termal, um presente vindo de uma arrojada campanha de marketing

(x ) Um prefácio escrito pela autora exclusivamente para o Burajiru

É, minna, a autora de Thermae Romae teve seus intervalos atrapalhados por Cássius Medauar e suas constrangedoras aberturas de vídeos porque inventaram de botar a mulher pra escrever algo para os brasileiros.

Porém, com a ajuda de asseclas (aposto que você otakinho nunca ouviu essa), consegui EM PRIMEIRA MÃO o texto desse prefácio. Segura na mão do sabonete líquido e IKIMASU descobrir o que tá escrito:

thermaeromaeautora

Puxa, Mari, agora até eu fiquei sem jeito de zoar esse mangá. =(

O Mito do Sucesso Editorial

25 ago

Estamos numa crise de quadrinhos que apenas os idiotas e os que trabalham com mangá não conseguem ver. Os mangás estão ficando mais segmentados e para um público menor, então as editoras garantem o lucro com republicações de antigos sucesso (usando como desculpa “edições comemorativas”) e saindo no tapa pelo último sucessão dos subbers.

Aí sempre aparece alguém discordando, dizendo que temos muitos mangás nas bancas e isso é a prova do sucesso. Para essas pessoas, recomendo a c:oluna do @dudunaweb lá no Jbox:

arataparalisada

Como vocês não vão aceitar que os mangás tão vendendo mal, podem usar a desculpa que a Yu Watase é a culpada por ter uma maldição que faz com que seus mangás vendam mal no Burajiru.

Top 5 Mangás com Capas Idênticas

24 ago

Não temos animes nas TVs, os mangás nas bancas tão sendo lançados para público que faz abaixo assinado querendo os intraduzíveis honoríficos da Grande Nação Japonesa e nosso mercado de home vídeo é uma piada superfaturada. Então o que nos resta de pauta aqui para o Mais de Oito Mil? Fazer primeiras impressões de animes genéricos que são eleitos os melhores de todos os tempos ou então fazer um post safado e sem propósito apenas para afastarem os boatos de que este blog acaba antes da MTV Brasil? A segunda opção é a certa.

Por isso, vamos para mais um top irrelevante que só o Mais de Oito Mil poderia te oferecer (e porque nem o Luk do Chuva de Nanquim seria tão sem pauta para fazer isso). IKIMASU para oooo…

TOP MANGÁS COM CAPAS IDÊNTICAS

Não preciso explicar o top porque, assim como a virgindade do público de Genshiken, isso é algo evidente. Então vamos ver quais mangás têm as capas mais parecidas. Coloquei as imagens das capas desses mangás e no fundo uma transparência da Women’s Health porque, né, não existe capa mais idêntica que essa.

capaigualestrelas

“Mas Mara, sua gorda implicante, as capas são bem diferentes. Você pegou isso só para ter 5 mangás?”

Eu sei que as capas de As Estrelas Cantam (um nome muito porco para um mangá que deveria se chamar ZZZZZZZZ) são diferentes, mas todas elas têm uma característica que chama muito mais atenção que a ilustração (e olha que não to falando do ostracismo de uma autora que era vista como promissora na época de Fruits Basket): a colorização porca.

Todas as capas têm aquela pintura digna de fanzine brasileiro, e a nossa vontade de comprar uma edição nova é parecida com a de assistir a um show do Kageyama cantando a música de Cavaleiros de trás pra frente em turco com a música instrumental tocada pelo Sérgio Reis.

capaigualshin

Essa foi a reunião editorial da Panini:

– Oi, vamos lançar o mangá do Shin-Chan. Vai ser um sucesso, mas eu acho melhor lançarmos num formato diferenciado (Super Onze Feelings) e bem mais barato que um mangá normal (Super Onze-ze-ze)? Mas eu quero uma capa diferente da original!

– Que tal fazemos capas com uma tirinha ampliada? Aí fazemos 12 capas praticamente idênticas que só são reconhecíveis pela cor que usarmos no fundo!

Esse plano foi tão bom que afastou o público de mangá, o público de livro de piada e até a reciclagem de papel (cuidado aí Super Onze).

capaigualinu

A JBC cagou na Tessaiga com as capas de Inuyasha. Já não basta o mangá ser tão interessante quanto acompanhar discussões no fórum do SOS Sailor Moon, ainda as capas seguem todas a mesa estratégia: aquelas três bolinhas com o nome, um fundo tirado de uma estampa de pano de prato e uma imagem desbotada como só a Rumiko Takahashi consegue fazer.

capaigualfushigi

As ilustrações genéricas da Yu Watase eram tão genéricas, mas TÃO GENÉRICAS, que até a Conrad se confundiu e lançou duas edições com a mesma capa. Mas pelo menos isso é compreensível, ao contrário da JBC publicar um post no seu site falando merda de um mangá publicado por ela mesma.

capaigualfutari

Futari H é a campeã das capas iguais. Todas elas seguem o mesmo template: fundo amarelo e uma gostosa (não tão gostosa assim). Por que acham que esse mangá foi cancelado? Porque as pessoas compraram o primeiro volume e nunca mais encontraram os outros, porque olhavam aquela capa na banca e achavam que era a mesma que já tinham comprado.

Novo mangá do Akamatsu e uma nova palavra para o seu dicionário

23 ago

Sempre reclamei que os otakus, assim como os Pokémon, tinham um léxico pouco variado. É toda hora uma resposta previsível e igual, cansa um pouco a nossa beleza. Aproveitando que este blog não teve nenhuma atualização essa semana pela completa falta de relevância das notícias (e pelo desinteresse em fazer uma piada com o atraso de SS ômega para o dia 11 de setembro), decidi aproveitar este post simples para ensinar uma nova palavra a vocês otakus. IKIMASU aprender:

DISPLICÊNCIA: característica do que é ou está displicente (‘descuidado’); desleixo, desmazelo

Pronto, agora que estou usando meus posts para propagar a cultura, IKIMASU para a pauta. Vamos ver o que deu na Henshin Online:

negimacomroupa01

Segundo a matéria da Henshin (site da editora que publicou no Burajiru os mangás Love Hina, Negima e Love Hina), o autor vai tomar um rumo inesperado ao fazer um mangá de luta com personagens aparentemente vestidos.

Realmente, um rumo beeeeem inesperado…

negimacomroupa02

…se ignorarmos todas os 76 meses de publicação de Negima pela JBC, um mangá que quem não leu ainda acha que é apenas uma comédia romântica sem lutas.

Analisando Especial: Hunter x Hunter – Phantom Rouge

19 ago

Isso mesmo, minna! Depois de um tempo sem essa seção delicada do blog, estou de volta com as análises. E já começamos com o pé direito, porque será uma análise de Hunter x Hunter, querida pelos 18 leitores que acompanhavam nossos posts semanais. E começamos também com o outro pé direito (porque fomos desenhados pelo Kurumada), porque vamos analisar o filme Hunter x Hunter – Phantom Rouge.

Nem vou enrolar porque a coisa vai ficar grande. IKIMASU analisar essa grande obra cinematográfica aqui no blog em um post repleto de spoilers, fillers e personagens de sexualidade indefinida (quase o clipe com letra do Applause).

phantomrouge01

E com essa piada horrível eu já perdi sete leitores, que preferiram fechar a aba com o Mais de Oito Mil e procurar vídeos do Carlito Tevez da Praça é Nossa.

Hunter x Hunter é um mangá incrível escrito pelo preguiçoso Yoshihiro Togashi, e o sucesso desse novo anime incentivou o estúdio a produzir um longa metragem da série. Mas que tipo de história poderia ser feita, sabendo que toda a história do mangá é encaixada como a dança do maxixe? Simples, enfiando o comprometimento com a história no CU e criando um roteiro cafona.

“Mas Mara, sua blogueira que não esconde ser fã dessa merda, o roteiro do filme é tão complexo e articulado como o mangá original?”

Caro otaku, se você quer algo articulado compre um bonequinho dos Power Rangers de virar a cabeça e se transformar. Mas digo que o seu cérebro não vai descansar durante todo o filme.

“Que legal, Mara, é porque o roteiro é incrível?”

Não, é porque você tentará o tempo todo encaixar a trama na cronologia da série e vai ignorar o roteiro ridículo composto por:

phantomrouge02

Sucesso, heim? A história é simples e começa a Kurapika andando na chuva reencontrando um garoto da tribo Kuruta/Kuluta/Qulrutha/Qualquer-Romanização-Bizarra-Feira-pelo-Togashi. Inspirado pelo grande clássico da música popular brasileira, Olhos nos Olhos de Chico Buarque, a Kurapika teve seus olhos roubados pelo moleque.

Já no hospital, Kurapika aproveita para dar uma folga aos animadores por estar todo enfaixado, e decide contar como conheceu o menino há muitos e muitos anos atrás. Leorio, nosso segundo divo desse anime, com certeza está muito animado para ver esse flashback, né?

phantomrouge03

No flashback temos uma história de como Kurapika conheceu o Pairo Otário, um garoto ceguinho da tribo. Ele fez uma missão junto com ele, foram bem, se amaram e praticaram aula de anatomia por método braile. Porém o destino, aquele ingrato, veio e fodeu com toda a tribo, deixando a pequena Kurapika com mais sede de vingança que a Nina de Avenida Brasil (sdds oi oi oi).

Depois do flashback, Gon decide se juntar ao personagem de cabelo branco que eu me recusava a mencionar no Analisando Séries Especial – Hunter x Hunter para trazer os olhos da Kurapika de volta. E enquanto eles têm uma longa viagem, temos tempo de pensar no seguinte…

phantomrouge04

COMO A KURAPIKA ACREDITA QUE ESSE PAIRO É DE VERDADE SE ELE TEM A MESMA ESTATURA DE UNS OITO ANOS ATRÁS? Seria Pairo um anão, estratégia pensada pelo Togashi inspirado no sucesso de Marquinhos no Programa do Gugu? (nossa, quantos assuntos ex-relevantes numa mesma frase, faltou só falar da L&PM Pocket e do Ken Akamatsu).

Gon acaba fazendo amizade com uma menina (ah, isso é um spoiler) que controla marionetes (parecido com uns dubladores brasileiros e seus fãs) e ela começa um longo discurso sobre como é importante os OLHOS de uma marionete. Ouviram bem? Os OOOOOLHOS de uma marionete. E o filme começou com o roubo dos…? OLHOS da Kurapika. O que podemos deduzir desse detalhe?

phantomrouge05

Muito bem, Godinez. Muito bem.

Aí o filme continu…

phantomrouge06

O MUSO HISOKA APARECEU!!!! Vejam como ele samba em salto 16 na cara de todos os recalcados dessa história com a apresentação mais homoerótica desde o clipe All The Lovers da Kyle Minogue.

Ele, antenado por visitar o Mais de Oito Mil antes do Chuva de Nanquim, já tá sabendo de tudo: o vilão do filme é o número 4 do Genei Ryodan, um mestre em roubar olhos e colocá-los em marionetes.

phantomrouge07

Agora que tudo faz sentido, a Kurapika e o Leorio vão com Gon até a casa de Omokage (dá pra perceber que é um vilão de filler, afinal seu nome não tem toda a exuberância lexical dos personagens de Hunter x Hunter) para um duelo sem igual. Eles se dividem em duas duplas, e enfrentam…

(  ) Soldados poderosos

(  ) Clones maléficos do Genei Ryodan

(  ) A fila do INSS

(x) As marionetes baseadas em pessoas de seus passados para uma luta com drama e superação.

phantomrouge08

Depois do drama, eles tiram estratégias do cu para vencer o vilão, que abandona esse mundo cruel para passar o resto dos seus dias tendo uma vida tão miserável quanto o Chico, aquele cara que tem um periquito que lê a sorte no Bom Dia & Cia e foi contratado como um freela num ano novo, mas que fez tanto sucesso que o Sílvio Santos o contratou definitivamente, já pensando que o periquito pode ser reaproveitado no próximo programa feminino do canal…minna, que divagação.

E a pergunta que não quer calar: por que assistir a esta bosta de filme?

Ranger Verde e o novo conceito de eventos no Burajiru

14 ago

Você já tem o que fazer no próximo dia 7 de setembro, além daquele desfile cívico para lembrarmos dos gloriosos tempos do império brasileiro? Claro que não, né, porque vocês sabem cantar o hino da Grande Nação Japonesa com a voz da Hatsune Miku mas são incapazes de saber o que são raios fúlgidos.

Então, se você é menos nacionalista, pode aproveitar o 4fun Fest, um novo conceito de eventos aqui no Burajiru. Lembra do Anime Friends e sua programação defasada e engessada há dezoito anos diluída em 12 horas de eventos diários? Então, pegue tudo isso e corte as 12 horas de evento e PRONTO, temos uma palestra disfarçada de encontro de fãs.

E sabem o que é mais puxado que a desculpa da Panini para não publicar o último volume de Guin Saga? Os convidados! Para o próximo 4fun Fest (que em anos anteriores trouxe grandes estrelas como Kiko e Sr Barriga) foram convidados Adriel de Almeida e Jason David Frank.

O primeiro é conhecido como Jaspion Brasileiro porque vestia a roupa do tokusatsu e lutava num circo. Já o segundo é o Ranger Verde/Branco/Preto/Vermelho/Lilás/Azul-Calcinha , famoso por ser inteligente a ponto de não tirar um visto quando a Yamato tentou trazê-lo em um de seus eventos flopados.

Vamos ver o anúncio dele?

Talvez eu não tenha prestado atenção no vídeo porque eu fiquei deveras constrangida com ele ter PINTADO O CABELO DE VERDE, mas alguém sabe me dizer o que é que esse homem vai fazer para entreter a platéia? Vai pular em salto 16? Vai cantar Roar da Katy Perry? Talvez um quadradinho de oito?

Porque, baseada em qualquer palestra já vista em qualquer outro evento, não consigo vê-lo fazendo mais que gritar seus golpes e lutar um pouco com cosplayers fuleiros dos servos da Rita Repulsa, com direito aos tokukus urrando quase sexualmente para cada grito do Tommy. Será que o resto da programação desse evento compensa?

tommyvem01

Deixa eu ver se a otaka aqui entendeu!

Vão abrir os portões às 14h, os tokukus vão entrar correndo para garantir um bom lugar e ver duas palestras com celebridades de décadas atrás? Depois quando eu falo que o mercado das coisas japonesas do Burajiru virou sessão de nostalgia na balada vem um virgem fã de Genshiken me tacar pedra.

Mas, quem sou eu pra julgar, né? Pelo menos as pessoas vão poder tirar foto com um ídolo de infância e…

tommyvem02

Não sei se estou mais chocada com o preço da foto ou se é por saber que a apresentação do Tommy vai das 16h30 até as 18h, tornando essa a sessão mais enfadonha desde o show no Animecon com cantores de músicas de anime dubladas ou a estreia de Dragon Ball Evolution.

Mas se no Anime Friends as pessoas deixam quase o valor de um apartamento em Sapopemba na entrada, quanto será que custa esse festival divertidíssimo?

tommyvem03

Obviamente esse negócio é mais superfaturado que um Box da Playarte, e claro que a meia-entrada deve ser para todos, mesmo sabendo que só homem com barba na cara teria idade para gostar desse senhor de cabelo esverdeado .

Se você ficou interessado no evento… ah… procure o link aí. Não sou obrigada a dar tudo de mão beijada para vocês.

(Dica do leitor Cleiton)

Analisando Imagens Promocionais – Chico Bento Moço (é, de novo, mas agora é a capa do volume 1)

12 ago

Mauricio de Sousa é gente como a gente e sofre de dívidas como nós pobres mortais. Segundo uma matéria recente, ele passou por um prejuízo de 40 milhões por causa do Parque da Mônica. Porém, ao contrário do meu kareshi que tá com o nome sujo por ser um completo irresponsável para gerenciar dinheiro, Maurício se salvou com dois projetos: graphic novels e a Turma da Mônica Jovem. Como o processo de popularizar o mangá da turma na Grande Nação Japonesa FLOPOU após aquele horror de homenagem ao Osamu Tezuka (cujo roteiro foi tão ruim que o Maurício deve ter sido proibido de entrar naquele país novamente… relembre nosso especial disso aqui e aqui), Maurício de Sousa somou A com B e decidiu tirar da gaveta o projeto do Chico Bento Moço. E eis a capa da desgraça:

chicomocopersonagens01

Maurício sempre disse que o Chico nunca apareceu na Turma da Mônica Jovem porque ele teria seu próprio quadrinho, em um estilo diferente e que falasse sobre a natureza. Hoje em dia ligaram o FODA-SE e agora o Chico Moço é a mesma merda que a Mônica Jovem, porém com appeal para ganhar mais notinhas no jornal que a Scheila Carvalho e a traição de seu marido.

Vamos usar nossas habilidades semióticas para interpretar o que vamos esperar do primeiro volume do Chico Moço (que OBVIAMENTE será analisado aqui no Mais de Oito Mil em mais uma tentativa safada de recuperar as visitas da época que bastava chamar cosplayer de gorda para bater o Chuva de Nanquim)?

chicomocopersonagens02

Esse é o Chico moço, que trocou o linguajar reprovável para escolas brasileiras por uma cara de Zac Efron sem dinheiro para um tratamento odontológico. Agora o menino é um agroboy e fica dançando sertanejo universitário tocado pelo riquíssimo equipamento de som de seu camaro amarelo.

chicomocopersonagens03

Rosinha cumpre a cota periguetismo. Ela ainda usa tranças porque o autor precisa afirmar ela como uma personagem da roça, e o batom Jequiti…

silviosantosanimefriends08

…está ali só para valorizar a mulher bonita que existe dentro dela.

chicomocopersonagens04

Não é quadrinho pra jovem se não tiver o personagem forçosamente gordo para servir de exemplo negativo. Repare como ele tá aí comendo um lanchão que seria apenas um aperitivo para a bulímica Magali.

chicomocopersonagens05

E esses adultos, minna? Os pais do Chico ficaram parecendo os atores do Harry Potter no epílogo do último filme, o Nhô Lau achou que era preciso fazer cosplay de Chico Bento criança para aparecer num mangá e Dona Cotinha teve sua mega-evolução em professora sexy da roça.

chicomocopersonagens06

Cansado de ser ignorado no mangá da Turma Jovem, Xaveco sambou em salto 16 ao conquistar o papel de Zé Lelé do Chico Moço. Mais tempo em banca garante mais participação nos merchandisings, não que seja muito vantajoso ter parte do lucro de um livro escrito pela Talita Rebouças ou então de uma bolacha genérica de Traquinas, porém com gosto de borracha.

chicomocopersonagens07

Maurício, qual a necessidade disso?

chicomocopersonagens08

Claro que tem animais, além dos que vão comprar essa joça. Do lado esquerdo temos o porquinho que esqueci o nome e a galinha, mantidos vivos até a juventude de Chico por não serem Friboi. Ou seja, infelizmente este mangá jovem não tem o selo de aprovação do Tony Ramos.

Domingo é dia de quê? DANÇA DOS FAMOSOS!

11 ago

Depois que o Rola ou Enrola se perdeu na própria genialidade e fica enfeitando demais um humor involuntário que deveria ser simples, a minha alegria de domingo se resume a duas coisas: Roda a Roda Jequiti (porque eu me convenço que não existe mulher feia, e sim existe mulher que não conhece os produtos Jequiti) e o…

silviosantosanimefriends08

Dança dos Famosos, porque adoro ter a chance de ver Daniel Boaventura e Gusttavo Lima (e você) caindo e se fodendo em rede nacional.

Enquanto algum leitor vem me criticar por não colocar o meu kareshi como alegria do domingo, provavelmente por ser virgem e não saber que um namorado de anos tem tantas chances de trazer alegria quanto uma excursão de otakus para assistir ao Dragon Ball Z: A Batalha dos Deuses (que aliás postei o trailer antes do Jbox CHUPA SOCIEDADE)… espera, me perdi nas minhas próprias divagações…

De qualquer forma, nem mesmo Luana Piovani conseguiria atingir o nível de sincronia musical e desenvoltura rítmica deste grupo musical do vídeo a seguir. OLHA ESSA FERA, BICHO!

Não vou zoar um grupo de cavs dançando em um evento de anime sei-lá-onde (até gostaria de saber para não passar perto desse lugar), mas me pergunto qual é a necessidade de dois Seiyas, até porque um grupo com dois desses traria um conflito de egocentrismo pior do que Andressa Urach e a Furacão da CPI presas num elevador.

Fica o constrangimento para vocês.

(Dica do leitor @Animagamer)

Pedaço de Falta de Imparcialidade da Semana

8 ago

Deu no Jbox:

dbzdeuses01

Alguém esperava algo diferente? Agora conseguiram todo o elenco de dublagem só porque fizeram no estúdio do dublador principal. E o pior é essa imprensa que fica tentando falar que vai ser tudo perfeito porque ele está no projeto, esquecendo que ele também estava naquele cocô com asas que atende pelo nome de Dragon Ball Kai.

E o pior ainda é… o que foi, kareshi?… ah, tem o trailer dublado do filme?

QUEM LIGA PRA DUBLAGEM??? QUE SE FODA PARA ESSE ASSUNTO!!! O FILME DE DBZ VAI ESTREAR NO BURAJIRU E O TRAILER TÁ KAWAII-SAN!!!!

IKIMASU PRO CINEMA!!!!