Tag Archives: Talula

Conheça a Temporada de Abril de 2011

29 mar

Chega o mês de Abril e todos nós ficamos naquela dúvida. Que ovos de páscoa comer primeiro? O que fazer nos feriados? Falta muito pro Reveillon? Além de todas essas dúvidas fundamentais do ser humano, é a época que sai a lista dos animes que estrearão na Grande Nação Japonesa na… Temporada de Abril. Que nome sugestivo.

Eu sei que blogs como o Quiabo Gyabbo e o Chuva de Nanquim já falaram aqui e aqui sobre as séries que têm tudo para serem as campeãs de audiência da cultura mais rica. Mas, como todos vocês sabem, a minha opinião conta muito mais que a deles, então veremos a TEMPORADA DE ABRIL DE 2011 DO MAIS DE OITO MIL, com as séries que provavelmente chegarão à tela do seu computador na nossa Analisando Séries. Quer saber o que tem e o que não tem? Então esconda esse canetão que você ia usar para pichar o banheiro da sua faculdade só para aparecer no blog e IKIMASU ver o que tem de bom.

Você sabe que uma temporada que começa com um requentamento de Hamtaro NÃO PODE SER COISA BOA.

E você sabe que qualquer temporada com série da Marvel NÃO PODE SER COISA BOA.

Ah, essa estréia você já conferiu aqui no Mais de Oito Mil. Se não conferiu, é só clicar aqui.

Um cara detetive que resolve casos com a ajuda de um cachorro gigante.

Remake japonês de As Aventuras de Tchutchucão.

Anime do Xebec? Nem li a sinopse e já digo que é uma série de character design inconstante e ruim.

E depois de ler a sinopse, incluo a idéia do roteiro que deve ser mais velha que o Akira Kushida.

O desenho é tão genérico que parece que os produtores jogaram no Google as palavras ANIME, GIRL e WALLPAPER e decidiram fazer um roteiro para o primeiro papel de parede que viram

BWAAAAAAAAA!!!!

Desculpem o bocejo, é que eu estava muito animada com o que essa série promete. A menina que vai pro campo, beija outra e outra vê? Parece aqueles reality shows da MTV!

 

O Go Nagai ainda vira anime na Grande Nação Japonesa?

Tudo parece legal e simpático, mas não entendi esse “26:10”. É o horário que vai começar o anime?

VALHA-ME KAMI-SAMA!

O dia de exibição será numa quinta feira. Já imaginaram uma quinta com mais de 24 horas? Seria um martírio imaginar esse dia em que a Friday Friday não chegasse nunca para a nossa dose semanal de Rebecca Black.

Um manual em anime explicando como os homens acima de 30 anos devem agir para namorar e trepar?

REMAKE JAPONÊS DE O VIRGEM DE QUARENTA ANOS!

TODOS BAIXA!

E, pela sinopse, o gênero vai ser terror.

Uma história divertida que se passa numa escolzzzzzzzzzzzzzzzz….

CLÁSSICOS

ABSOLUTOS

Precisa falar que estou suando Powerpoints pra poder baixar isso e analisar para o blog?

Conheço um certo blogueiro que nem tá conseguindo dormir de ansiedade de ver essa série sobre um cara que retira seus poderes do leite dos peitos de meninas.

Movimento Feminista pra quê, né? Vamos botar umas peitudas e muitas explosões pra tudo balançar e…

PAREM O MUNDO QUE ERA PRA EU DESCER NO PONTO LÁ DE TRÁS!!!

Um garoto que é o filho do demônio e…

Acione seus advogados, autor de Beelzebub, tão roubando a tua idéia!!!

***

(Já me curtiram no FACEBOOK?)

Saiba tudo sobre o America’s Greatest Otaku!!!

10 fev

É com muita alegria e felicidade que venho aqui comentar sobre o maior reality show realizado pela rede caríssima de restaurantes América! A rede, que nunca me teve como cliente por ser muito cara (e por me assustar com aquele dinossauro/dragão/jacaré que fica do lado de fora na unidade da Avenida Paulista) decidiu fazer um Reality Show para escolher o maior Otaku da rede e… o que foi diretor?… Ah, não é a REDE DE RESTAURANTES?… America é apenas o Império do Capitalismo? Que seja! Eu nunca fui lá e tenho medo dos bichos que ficam na frente.

O America’s Next Top Model Greatest Otaku é um reality show produzido pela Tokyopop (aquela editora que eu sempre confundo com a Newpop) que busca encontrar no Império do Capitalismo o maior otaku de todos os tempos. Atenção, é o maior de “grandiosidade”, e não de gordura (senão até sabemos quem ganharia numa versão brasileira).

O Reality Show é apresentado por Stu Levy, o DONO e editor da Tokyopop. Só pra vocês terem idéia de como isso é brega, seria o mesmo que, sei lá, o Marcelo Del Greco apresentar um programa sobre Otakus ou então o Marcelo de Carvalho apresentar um game show na RedeTV. Mas ele não estará sozinho, ele estará acompanhado de seis representantes Otakus americanos, todos representando a classe.

Vários sites falaram sobre esse tal reality (até a leitora Melina me mandou email com o vídeo), mas nenhum foi a fundo como eu! Sabem do que é hora então, né minna? É lógico que é hora de analisar os seis otakus escolhidos pela produção do programa, né mesmo minha gente? Então pare agora mesmo de ver o vídeo que o Daniel dança com um vaso de planta dentro da cueca e IKIMASU analisar esses grandes representantes mundiais dessa doença que chamamos de otakismo:

Nome: André

Profissão: E otaku trabalha desde quando?

Ele diz que tenta ser mangaká há 8 anos. Bem, se não conseguiu até agora é porque é ruim, porque, vejam bem, ele está participando de um programa ao lado do DONO da Tokyopop, umas das editoras que mais publicam aquelas bostas de mangás americanos que entopem nossas bancas, e mesmo assim não conseguiu publicar nada? E preciso falar desse cabelo de Sandra de Sá encontra Ronald McDonald?

Nome: Diana

Profissão: Protagonista assassinada

Boa estrutura óssea? Excitante? Quem foi o machista virgem que escreveu a descrição dessa menina? E o sonho dela é desenhar um mangá de Wow? Minha filha, junte o dinheiro do seu char e compre um cérebro novo! E ela ainda diz que sonha em trabalhar em eventos de games ou de anime. Realmente, ser staff da Yamato é um sonho!

Nome: Dominique

Profissão: Office Velha da Tokyopop

Ela tem o apelido de Don porque tem o nome feio. Ela usa um desenho no lugar de avatar porque deve ser feia. Ela gosta de Peach Girl, então ela se sente injustiçada. Ela acha que Domo é mangá shoujo, então ela tem carência de QI. E ela diz que gosta de Sailor Moon, e como o mangá foi publicado no Império do Capitalismo na década retrasada, isso quer dizer que ela é VEEEEELHA!!!

Nome: Meera

Profissão: Cabeleireira que não é, olhem essa chapinha!

Desculpem, não consigo zua-la porque tenho a impressão que o nariz dela vai ganhar vida e saltar do meu monitor querendo minha caixinha de lenços de papel da Hello Kitty.

Nome: Stephan

Profissão: Caçapa de Bola de Bilhar

Não sou obrigada a analisar alguém que tem 23 seguidores no Twitter.

Nome: Sully

Profissão: Monstro do Armário

Eu falei quando vi “Sugoi, kawaii desu ne!” e fui logo clicando no perfil dele. Quanta decepção! Vendo o vídeo dele fiquei com mais constrangimento que vendo o vídeo da BoaChampz e do Guilherme Briggs SOMADOS! Visualizem: ele faz careta, ele imita um dinossauro e tenta provar empiricamente que o que nós otakas menos queremos é um homem otaku.

***

Minna, com um elenco desses nem tem como dizer que o programa não vai ser uma BOMBA, né? E como a falta de pauta me faz cobrir até montagem de estande de Yakisoba no Anime Friends, lógico que assistirei esse Reality Show na esperança de ver garotos bonitos e muita tosqueira.

Só acho que o nome do programa não tem muito a ver com a sociabilidade dos otakus, né minna? Por mim, o programa teria outro nome.

Aí sim

***

(@maisdeoitomil)

Conrad retoma Battle Royale!

17 jan

Minna, que notícia maravilhosa é essa que eu vi na internet! Vejam o que deu no interezzzzzante site Maximum Cosmo:


Eu também não tô acreditando que Battle Royale vai voltar!!!

Minhas preces foram atendidas pela Editora Conrad!!!

Para quem não tava sabendo, a editora cancelou o mangá faltando poucos volumes pra terminar, e deixou todos os otakus do Burajiru na mão!

Minna, é sério, eu tô chorando MUPY de emoção aqui!!!

Battle Royale é um dos melhores mangás da Grande Nação Japonesa, mostra exatamente como é o ser humano por dentro e tem muito sangue e violência PQP!!!

Vamos ver essa notícia direito, agora que já me acalmei!!!

(A notícia mesmo está sublinhada, o resto é apenas enrolada do Lancaster pra mostrar o quão Cult ele é por não gostar de BBB.)

Então não é o mangá que vai voltar ao Burajiru?

É um novo mangá…?

…publicado na Grande Nação Japonesa?

… o mangá não vai voltar para o Burajiru???

15 pessoas enganadas!

***

(@maisdeoitomil)

Análisando Séries – O Maluco e o Bebê do Demo

14 jan

A falta de pauta da nossa imprensa especializada (pfff) não vai me impedir de trazer um post constrangedor para os meus leitores! Então vamos começar analisando um dos animes mais promissores da temporada, Beelzebub. Termine de assinar seu pacto com o diabo e IKIMASU conferir essa grande estréia.

Começa com um ser demoníaco aparecendo. Qualquer semelhança entre a legenda e alguns profissionais da dublagem no Burajiru é mera coincidência.

Essa Shueisha fica tentando empurrar os 15 anos de Rurouni Kenshin de qualquer maneira na nossa goela. Primeiro é propaganda, estátua, brinquedo, jogo ruim de PSP… agora é na caracterização de figurantes.

Só eu vi perversão nessa fala? Foi? Ah, desculpa.

Golden ShowerPedofilia… Falta só colocar um tentáculo e uma japonesa com saia de colegial que todo o conselho anti-mangá de Tokyo ia atacar essa série como os Power Rangers atacam os bonecos de massa.

AI MEU KAMI-SAMA!!! SEXO ORAL COM MENORES!!! GOVERNO DE TOKYO, FECHE MEUS OLHOS!!!

Vou falar, eu achei esse bebê a coisa mais fofa do mundo. E ele ainda solta raios que nem o Pikachu! E na abertura temos essa cena super-tendência com o Freddie Mercury mostrando que faz parte da Família Restart.

Aí o Oga, que é o protagonista, começa a contar como ele virou babá do Pikachu que parece um Kappa. E a pessoa que escuta a história é esse clichê de personagem de cabelo branco que deve ser popular entre as garotas. Ele pode se chamar Furuichi nessa série, mas pra mim ele é o Príncipe Yuki Sohma de Fruits Basket.

Aí o Opa deu um Excalibur do Shura no Freddie Mercury e de dentro saiu o tal do Belzebu do título. Quero um pouco do que o autor bebeu pra conceber essa história. Pelo menos eu acho mais aceitável o filho do Diabo sair de dentro do Freddie Mercury que o filho de Deus sair de dentro de uma virgem.

Aí o Príncipe Yuki decide fazer a Nazaré Tedesco e rapta o filho para fingir que é seu e enganar seu marido, o Tarcísio Meira entregar às autoridades competentes. Depois perguntam por que eu odeio esse clichê de personagem de cabelo branco, é chato que nem meu vô.

Depois que eles descobrem que o moleque dá choque quando chora, eles andam pela escola. E os animes da cultura mais rica decidiram copiar descaradamente nossas novelas, que usam como cenário países distantes. Como eu sei disso? Porque se isso não é uma escola pública do Burajiru, eu não sei o que é!

Só eu vi perversão nessa fala? Foi? Ah, desculpa. (2)

Aí apareceu uma Gothic Lolita loira voando num urubu. Aguardo as cosplayers gordas fazendo cosplay dela e falando “o que importa é sentir a personagem, não parecer”.

A Gothic Pobrita veio buscar o Pikachu e levá-lo de volta ao Inferno. Mas a cada print que eu dou parece um Kama Sutra bizarro que envolve delinqüentes juvenis, um bebê Kappa e uma loira feia. Tá, eu tô exagerando. Isso não parece nem um pouco pornográfico.

RETIRO TUDO O QUE EU DISSE! CORRA BEBÊ! SALVE SUA PUREZA!!!! O PRÍNCIPE YUKI QUER FAZER UM PULA-PIRATA EM VOCÊ!!!!

Aí ficamos sabendo que o Diabo, que tem um PSP, mandou seu filho, o Pikachu, para ser criado na Terra. Mas fiquei contente de saber que no Inferno tem PSPs. Achei que lá só tinha vários Xbox 360, todos com as três luzes vermelhas, causadas por superaquecimento.

Aí surgem vários inimigos querendo atacar o Oda porque ele não quer ser o Pai do filho do Diabo. Aí a cena fica meio em preto e branco com tons de azul e o Belzebu golpeia todos com um choque elétrico, numa cena nunca antes vista na animação da Grande Nação Japonesa.

NÉ?

Aí eles vão se mudar pra casa do Oka e ele vai ser o novo pai do filho do demônio. E vão aprontar grandes confusões com esse bebê do barulho.

***

Essa foi a nossa primeira análise de série. Se você gostou, comente. Se não gostou, comente. Se quer falar mal de mim, comente. Ou então deixe um recado no @maisdeoitomil