Tag Archives: Ghost in the Shell

Por onde andam os anúncios da JBC? Um beijo, anúncios da JBC!

11 mar

Quem acompanha grupos de otakus em redes sociais está acostumado a boataria sem fundamentos espalhada por perfis com fotinhos de personagens de anime, e um dos papos que a gente mais escuta é que a JBC está falindo. O motivo para as pessoas imaginarem isso é bem simples, pois nos últimos meses a editora mudou a periodicidade de seus títulos e reduziu drasticamente a quantidade de coisa que tem colocado nas bancas. Claro que isso não quer dizer nada, mas temos observado que uma coisa está bem feia na JBC: a perspectiva de novos títulos.

Ontem, completamente de surpresa, Cassius Medauar surgiu no Henshin Online para falar de algo que não era a indefinição de Akira e Inuyasha: uma NOVIDADE JBC. Seria um anúncio de novo título? Uma nova republicação? Um CD Book de Cavaleiros dublado por Marcelo Del Greco? Infelizmente, o anúncio era só um databook de Ghost in the Shell feito pela Grande Nação Japonesa para aproveitar o hype do filme.

Vamos ser bem sinceros: quem se importa com databooks no Burajiru? A gente compra pra botar na estante e não ler. O texto pode estar em sânscrito que ninguém vai notar. E a decepção que foi esse anúncio fez surgir uma pergunta em mim: quando foi a última vez que a JBC anunciou algo? Fiz esse mega-elaborado infográfico com TODOS os anúncios da JBC de março de 2017 até abril do ano passado:

Percebam que, tirando republicações e material caça-níquel, o último mangá mesmo foi Blame cinco meses atrás. E antes dele foi My Hero Academia nada menos que seis meses antes. Em todo evento, a JBC sempre avisa que vai primeiro lançar os títulos que prometeu e ainda não lançou. O problema é que os anúncios feitos além de terem quase um ano de idade já não são exatamente os títulos maaaais empolgantes (quem aí tá vibrando por Sakura Wars e Samurai 7?).

Claro que ninguém aqui espera algo parecido com a Panini, que anuncia um mangá AAA da Shonen Jump cada vez que Beth Kodama dá um abraço em seus gatos (eu até já critiquei isso um tempo atrás), mas a JBC está num ponto não muito legal para quem espera novos mangás.