Mercado Nacional

Panini está aberta a republicações, mas não especifica o que considera uma republicação

Uma das maiores reclamações referentes à editora Panini é que seus títulos evaporam das lojas pouco tempo após o lançamento. Esse dado poderia ser um case de sucesso para qualquer empresa, mas na real causa um desespero nos otakus: se você não comprar aquele mangá no lançamento, nada garante que o encontrará dois meses depois.

Por sorte a Panini ouviu nossas lamentações e lançou nesta segunda-feira (6) um formulário para pedirmos republicações… só faltou explicar o que ela considera uma republicação.

Em um post lançado em suas páginas nas redes sociais, a Panini afirma que quer saber a opinião do público sobre quais títulos queremos republicados. Para receber as sugestões, foi aberto esse formulário do Google Docs no qual você pode solicitar até 5 títulos diferentes.

Obviamente isso é apenas uma análise, e não uma garantia de republicação. “Não podemos garantir que serão atendidos todos os pedidos, mas esse espaço é exclusivamente para você enviar a sua sugestão que nós analisaremos com carinho!”, diz o post nas redes sociais.

Após ler essa postagem, e conferir o formulário, me senti meio confusa. Não consegui entender se a Panini busca descobrir quais mangás de seu catálogo o público gostaria ver republicados em uma nova publicação do começo ao fim (assim como Naruto e Vinland Saga), ou se ela quer saber quais volumes esgotados (como One Piece volume 61) deveriam ser reimpressos. Cheguei a pensar que o problema de interpretação era só meu, mas a própria Panini não parece saber o que está buscando com essa pesquisa pública.

Uma seguidora da página no Facebook perguntou se é sobre republicação de séries ou de volumes, e essa foi a resposta obtida pela equipe de social media:

Outras pessoas tiveram respostas parecidas:

Ou seja, o formulário serve tanto pra uma proposta quanto para a outra proposta que é totalmente diferente da primeira. Se você desejar a reimpressão de alguns volumes de One Piece, afinal muitos estão esgotados, e colocar no formulário, sua resposta vai parar no mesmo lugar do pedido da pessoa que deseja um One Piece republicado em capa dura do começo ao fim.

Ter uma ferramenta para permitir o leitor comentar sobre seus desejos é excelente, melhor do que qualquer coisa que a Panini fez para sanar esse problema nos últimos anos, mas não tem como não ficar com um pé atrás. O formulário não é claro o suficiente sobre o que busca, e a própria equipe da Panini parece não saber bem o que está procurando.

Pela confusão que fica na cabeça do leitor, temo que a mensagem recebida pela editora seja igualmente confusa. Imagina a Panini republicando uma série inteira em formato luxo quando as pessoas só queriam reimpressão daquele volumezinho esgotado?