Eventos

Novo Anime Friends faz postagem meio preconceituosa (e ainda não percebeu) [ATUALIZADO]

“Affe, Mara, você já foi melhor, está fazendo post de algo de três semanas atrás”

Você paga meu aluguel? Então aceite post atrasado!

Depois desse disclaimer 100% passivo-agressivo, estou aqui de volta ao site para falar sobre o Anime Friends, afinal estamos a poucos meses da primeira edição feita sob a nova direção e estamos bem ansiosos para ver o que vai ser de diferente e o que vai continuar a mesma coisa de sempre. O evento já declarou que tem uma proposta de ser algo moderno e compatível com os novos tempos, mas as redes sociais ainda não entraram nesse espírito de novidade.

Enquanto todo mundo está preocupado com a polêmica do Artist Alley (resumindo: o evento quer proibir pessoas que vendem artigos industrializados, como camisetas e tal, de personagens com direitos autorais porque né… tem uma galera que exagera e transforma a área dos artistas em banquinha de pirataria. O assunto é bem complexo e vale uma outra postagem em outra ocasião), no dia 17 de fevereiro a página do evento fez uma postagem de extremo mau gosto. IKIMASU conferir as imagens de dor e sofrimento (para minorias):

Basicamente foi isso o que rolou: o evento quis fazer uma ~postagem engraçadinha~ sobre personagens de anime que parecem de um sexo, mas que são de outro. Aí no meio do balaio eles enfiaram o termo “crossdresser“, que são pessoas que se vestem com roupas típicas de outro gênero, e ainda insinuaram que as pessoas têm de ter CUIDADO com isso para não serem ENGANADAS. Ou seja, embora não tenham usado a palavra, tudo isso reflete exatamente aquele termo péssimo chamado “TRAP” que só reforça a ideia de que crossdressers/trans/etc fazem isso apenas para “enganar” os outros.

Antes de sair por aí pedindo a cabeça da Maru Division (a empresa por trás do novo Anime Friends) através de efetivos textões nas redes sociais, vamos lembrar que, embora estejamos em 2018, ninguém nasce sabendo e que essa ~~piada~~ é um reflexo de décadas e mais décadas de preconceitos com minorias. O Brasil é o país que mais mata transexuais no mundo, e esse tipo de ~~humor~~ reforça isso. Então o ideal (e mais ponderado) seria chegar na página, falar “ow, foi meio ofensivo isso por isso isso e aquilo”, certo?

Pois é, o problema é que até fizeram isso de tentar alertar a página que o negócio era erradíssimo, mas aí a página apareceu e zombou da cara de quem estava dando o toque:

Ao contrário da postagem sobre o Artist Alley, aquela em que a página oficial praticamente respondeu todas as mensagens tirando dúvidas sobre as novas regras, não houve qualquer manifestação por parte do Anime Friends sobre o post infeliz e ele inclusive ainda está no ar. E estou falando sobre isso TRÊS SEMANAS depois do ocorrido.

[EDIÇÃO ÀS 19H45 DE 05/03]

Ao contrário dos leitores que carinhosamente mandaram mensagens falando que o Anime Friends daria atenção para a denúncia deste blog, a Maru Division publicou uma retratação sobre o assunto. IKIMASU ler o que eles falaram:

Agora sim!

33 comentários em “Novo Anime Friends faz postagem meio preconceituosa (e ainda não percebeu) [ATUALIZADO]

  1. Gostei do bom humor que a página teve com os pós modernos. Tem que ser assim mesmo levar no humor, que o que falta pra essa gente problematizadora.

    Curtido por 2 pessoas

  2. Bridget é um caso complexo.Ele se identifica como homem e foi obrigado a viver como mulher por uma superstição do lugar em que nasceu.Decidiu virar um caçador de recompensas e viajar pelo mundo pra ver se ganha mais respeito como homem(e por que continua se vestindo de mulher?porque aí perderia a graça,é claro!)
    E outra:os fãs adoram ele e até hoje nao entendem porque ele nao aparece nos jogos mais recentes por mais que peçam

    Curtido por 1 pessoa

  3. Só uma correção: crossdresser é quem gosta de se vestir com roupas típicas do gênero oposto; não tem necessariamente a ver com cosplay ou com se vestir de personagens. Acho que você confundiu com crossplayers.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Eu entrei em uma discussão argumentado que foi um erro humano de quem cria conteúdo na página do AF, enquanto outras pessoas argumentam que foi proposital pois o que importa pra eles é o buzz.

    Pelo sim ou pelo não, pegou muito mal e eu acho que não devia passar batido, principalmente porque o AF (ou tantos outros eventos que abraçam a causa cosplayer) tem muita diversidade de público.

    Acho engraçado que quando teve o cosplay de Goku na novela, galera caiu matando, mas quando rola esse tipo de coisa galera fica quieta. Cadê aquelas paginas de cosplay fazendo campanha agora?

    Curtir

  5. Eu sempre acho engraçado como otaku adora usar termos em japonês pra tudo, mas nesse caso tem um termo em japonês (otokonoko), que até onde eu sei não tem essa conotação negativa de enganação, mas eles ainda insistem que o termo certo é trap… Por que será?

    Curtir

  6. A soja que botam na comida realmente está fazendo efeito. Não só perderam a virilidade, como também estão perdendo o raciocínio lógico básico. O que o garoto da novela tem a ver com essa porr*? O outro tentando achar agulha em palheiro ao acusar os brasileiros de serem “retrógrado” por optarem por uma palavra que só na sua cabeça bagunçada pela soja é ofensiva ao invés de um termo que você acabou de tirar do c*, isto é, só um desocupado como você conhece. Esse discurso “não me toque” dá nos nervos. Só faltou um pouquinho para o discurso ficar caricatos a níveis de páginas progressistas.

    Curtido por 1 pessoa

  7. Eu não pensei que realmente tivesse gente que usasse essa da soja não ironicamente, valeu, vocês fizeram meu dia XD

    Curtido por 1 pessoa

  8. Ah, vá beber o seu soylent, colega!
    “Ain trap significa armadilha. Como você ousa chamar um travesti disso? Meu Deu- Minhas deusas, que horrível! Desumanizador! Que otakusxsxs hipócritas, ficam usando palavrinhas em japonês, mas não usam otokonoko porque querem ser ofensivosxsxsxs”
    Absolutamente sojoso.

    Curtir

  9. AFs da vida são para otakus imaturos e desprovidos de senso critico. Por isso o humor ofensivo da postagem.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Só espero que nós otakus tenhamos bolas para empurrar de volta essa corja de problematizadores do buraco de onde saíram.

    Curtido por 1 pessoa

  11. É simplesmente incrível como conseguem interpretar as coisas da forma mais conveniente possível para poder fazer toda essa problematização…

    Caí nessa merda de blog de paraquedas, então serei rápido. Chamar um PERSONAGEM FICTÍCIO de trap, crossdesser ou seja lá o que for, não é nem nunca será preconceito. E mesmo que fosse, dane-se, é ficção. “Ainn mas isso influencia a desrespeitar pessoas na vida re–” Não! Qualquer débil mental sabe diferenciar a realidade de um personagem de desenho. Então pare de problematizar um suposto preconceito contra algo que nem ao menos é REAL.

    Curtido por 2 pessoas

  12. Quanta problematização desnecessária. Agora chamar de trap é ofensivo, é cada uma que eu leio nessa internet. SJWs ainda vão acabar com a humanidade.

    Curtido por 1 pessoa

  13. Update!

    Posted by Anime Friends on Monday, March 5, 2018

    Curtir

  14. Só arrumaram quando viram que esse grande blog da blogosfera nacional (pff, blogosfera, boa piada) começou a divulgar o ocorrido
    Parabains Mara, assim ajuda todos

    Curtido por 1 pessoa

  15. Nossa esses otacos ainda tem essas idéias lá de 2010…

    Por isso dá até vergonha de ver anime, eu reluto bastante pra assistir algum mesmo que seja algum que não tenha muita japoronguisse como os da Netflix.

    Curtido por 1 pessoa

  16. Como os otacos daqui são neuvorsos e se acham os paladinos lutadores vikings com seus dedos dedicados em xingar muito no twitter e chamar todo mundo de SJW. Calma, amores.

    Curtir

  17. Legalver isso, é muito comum deixarem por isso mesmo sem nenhuma explicação nem nada, como Tuíte do canal oficial do Sonic que falava que ele se identificava como “helicoptero” (piada estupida estadunidense para zombar de pessoas trans).

    Mais tarde quando a imprensa perguntou ainda falaram que preferem deixar pra lá por que tem gente que “usa tudo que você fala pra levar sua agenda política a frente”…

    Curtir

  18. Olha, não creio que o(s) autor(es) da postagem do Anime Friends tenham dito que as/os personagens fazem isso pra deliberadamente enganar os outros (quanto à/ao citada/o Bridget, nunca vi o desenho, então não posso dizer se eles quiseram falar que ela/e enganou o elenco ou se o autor enganou o público). Talvez tenha faltado maior clareza do texto, mas não acho que fizeram de má intenção. Talvez haja um pouco de tempestade em copo d’água nisso.

    Quanto ao alerta de “seu/sua crush fictício(a) pode ser do sexo oposto”, é algo totalmente válido, considerando que fãs de quadrinhos/desenhos/jogos sem muito jeito com paquera costumam idolatrar um(a) ou mais personagens e falar pros amigos o que fariam com a(o) dita(o) nos momentos mais reservados… Imaginem o nível de chacota que alguém levaria após uma revelação dessas!

    (Aliás, isso serve de conselho pra quem se apaixona por personagens fictícios e esquece da vida real: VAI PROCURAR MULHER/HOMEM, MANO[A]!!!!!!!)

    Curtir

  19. AHAHAHA beleza; vamos debater aqui a intenção ou não de enganar de personagens travestis fictícios.
    Q babaquice, a intenção do roteirista em colocar esses personagens traps é enganar mesmo o telespectador/leitor, tudo gira em torna disso nas historias, não é atoa q são chamados de traps, e isso é sim um espelho do mundo real, me poupem né.

    Curtir

  20. Complicado isso sabe cara, ter um personagem declarado andrógino e ainda ser xingado de trap, cilada ou essas molecagem de sempre. Personagens Otokonoko cara, eu curto, admiro, acho eles lindos, eu gosto mesmo, pessoal tem que ter respeito com esse tipo de personagem.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s