Só Tô Querendo Ajudar

Utilidade Pública: Entenda as diferenças entre as capas de Rayearth da JBC

Caso você tenha tropeçado e batido com a cabeça na armadura do seu cosplay (coisa que nunca aconteceria com o Psy, pois seus cosplays sempre envolvem plumas e leques) e não ficou sabendo, a JBC vai relançar Rayearth para cumprir o pacto com o demônio que as autoras fizeram para serem publicadas durante todos o meses do Burajiru desde 10 anos atrás.

Aí eu estava vendo o checklist da JBC e vi a capa do Raylançamento (um trocadilho melhor que o “JBClássico” que o pessoal da Henshin usou):

docray01

Espera, será que o Jbox e confundiu na hora de postar o checklist?  Nem um olhar atento do Doctor RAYearth veria diferença. Porque essa é a capa da primeira versão:

docray02

Na ~edição de luxo~ de Sakura ele trocaram todas as capas, colocaram um fundo rosa-bebê e uma fonte em Comic Sans, e na edição de LUXO eles vão e mantém até mesmo a fonte da capa? Eles usaram o mesmo arquivo da década passada?

Para solucionar essas dúvidas, colocarei as capas lado a lado para que o otaku que me lê consiga ver a diferença.

docray03

Conseguem ver? Rayearthmente ainda tá difícil, né? Basicamente é um logo da editora num canto diferente e a retirada do preço honesto de 3,40 (o quanto vale esse lixo de mangá com desenhos mais poluídos que as páginas de guerra de One Piece jogadas no rio Tietê).

Na verdade, a única diferença perceptível que eu vejo é no comprador:

docray04

Separados por 10 anos de oportunismo e falta de bom senso.

Anúncios

23 comentários em “Utilidade Pública: Entenda as diferenças entre as capas de Rayearth da JBC

  1. Mara, o que você tem contra o Bozo? Afinal ele tem músculos de aço e gasta quinze sabonetes por banho. Você derayearth meu coração com seu preconceito.

    Curtir

  2. @The Fool: Mais caro, mas a gente ainda podia comprar com menos de 10 mangos. Triste ver coisas assim eltizadas ao extremo.

    Curtir

  3. Sei que é chutar cachorro morto, mas AINDA aguardo um post da Mara sobre o enterro da Ação Magazine, que morreu antes da quarta edição (por mais que o Lancaster berre o contrário). Querida Mara, que custa fazer essa caridade pra nós, já que você mesma anda reclamando da falta de pauta? Obrigado! :-)

    Curtir

  4. Ih, a JBC postou AS CAPAS do relançamento de Rayearth agora!!! Esta postagem já pode ser excluída, mara!!!!

    Curtir

  5. Pessoal não percebeu a intenção da Mara no post, era fazer um Jogo dos 7 Erros.

    Perdi.

    Curtir

  6. Na boa. Esses raylançamentos estão ficando cada vez mais caros. R$16,90? Sério?
    Que bom que eu tenho a coleção (que é um lixo para eles) completa.

    Curtir

  7. Jogo dos 7 erros, begin!

    1- O logo CLAMP está um pouco mais acima na edição nova.
    2- O Logo CLAMP encontra-se um pouco mais alongado verticalmente.
    3- Foi removido o “Edição brasileira”.
    4- Foi adicionado o logo da JBC no canto inferior.
    5- Foi adicionado efeito de sombra de photoshop no Logo
    6- Foi mudada a fonte para o número “1”, agora mal da pra saber que aquilo é um número.
    7- Humm, não tenho certeza, deixaram em negrito “Guerreiras Mágicas de”?

    Curtir

  8. Não precisa ser diferente, basta ser mais caro, para afastar esta gentalha do meu mundinho otacú.

    Ps. gorducha, só vc pra me fazer rir, reyarthmente foi foda d++
    Ps2: Marine deve ser uma boa namorada, está sempre molhadinha né mesmo, mada de KY :P

    Curtir

  9. A JBC fez isso justamente pra evitar 2 comentários:

    1°: “Só mudaram a capa! Não vou comprar…”

    2°: “Preferia a capa antiga! Não vou comprar…”

    Curtir

  10. @Garbage: Eu havia percebido isso, porém pode ser apenas a qualidade de scan, apenas comparando fisicamente para ter certeza de que o vermelho é realmente diferente.

    Curtir

  11. Mudando de assunto, mas ainda nas ondas de raylançamentos, dei uma olhada na nova edição de Love Hina… cara, que mangá porco., O papel pode ser bom e tudo, mas parecem que imprimiram uns scans do mangareader. Sério, detestei aquilo. Uma coisa mais borrada, muito estranha. Comparei lado a lado com a edição antiga e esta ganhou no quesito qualidade de scans….

    Curtir

  12. Tem várias diferenças entre as versões antiga e a nova.

    Pior é o zé mané ali, que nem de negociação deve saber, fala que “usar a capa original é desculpa das editoras”. Cara, se você soubesse como é 5% da negociação, não escreveria uma besteira dessas.

    E o texto totalmente reprovável, aqui. Uma pena.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s