Games Medonhos: Pokémon Black & White (DS)

5 out

Com um peso na consciência do tamanho de uma cosplayer de Hatsune Miku, meu kareshi querido me deixou o DS dele com uma cópia de Pokémon Black. E qual foi a primeira coisa que eu fiz? Apaguei o save dele, obviamente, e comecei a jogar um novo mundo de aventuras. Meus amigos gamers falam muito bem desse jogo de Pokémon, e de tanto que falavam eu pensei que era praticamente uma Revolução Francesa compactada em um cartucho de DS. Porém, jogar esse negócio me fez ter uma visão diferente dele. Então vou ressuscitar uma seção do blog do ano passado e fazer uma análise de game!

(Olha só o que a falta de pauta não me faz).

IKIMASU PARA A ANÁLISE!!!

Pokeblackwiki1

 Vamos ambientar o jogo para você que está acostumado aos jogos Pokémons antigos em que você escolhe um treinador, um Pokémon inicial e tem que rodar o mundo irresponsavelmente sem qualquer intervenção de um adulto. Em Pokémon Black & White, você controla… um treinador que pega um Pokémon Inicial e tem que rodar o mundo irresponsavelmente sem qualquer intervenção de um adulto.

Enquanto eu reclamo isso, a orelha de meu amigo homossexual fã de Pokémon começa a coçar e ele larga o single novo da Katy Perry para argumentar comigo:

“Mas Mara, sua gorda que explodiu em Saramandaia, dessa vez o jogo tem um negócio chamado HIS-TÓ-RIA! E o personagem principal não é mais uma criança de dez anos, pela primeira vez controlamos um treinador mais velho”

Pokeblackwiki2

Em primeiro lugar, velho por velho temos aí esse senhor idoso de Pokémon Colosseum provando que a maturidade no protagonista é tão proveitosa para um jogo Pokémon quanto uma bursite. E em segundo lugar, por que fã de Pokémon tem essa necessidade de procurar coisas maduras nos jogos, será que é porque eles mesmos têm vergonha de jogar um jogo infantil e gostar?

Mas uma coisa que o meu amigo homossexual e fã de Pokémon falou e tá certo: Pokémon Black & White tem uma história. Enquanto você continua sendo um treinador pau no cu com tantas falas quanto o leitor que não comenta em nenhum post do blog, um personagem aparece e te surpreende sambando no salto 16:

Pokeblackwiki3

N, cuja magnitude no jogo é inversamente proporcional à criatividade de nomeá-lo, é o vilão principal que prega que os Pokémon são escravos dos seres humanos. O pior é que os argumentos dele são tão embasados que a sua vontade é de parar o jogo, vestir uma roupa colada e sair por aí saqueando cidades e tirando todos os bichos do mundo das bolas.

E esse jogo merece um 10 por causa do N? CLARO QUE NÃO. Porque tirando o vilão estiloso e tão bishonen quanto um fanfic do Clamp, Pokémon Black & White falha miseravelmente em todas as coisas propostas.

Para guiar a nossa discussão, veremos uma lista de inovações nesse jogo presente no gabaritado website Wikipédia:

Pokeblackwiki

Vamos quebrar cada uma dessas inovações e provar que esse jogo é tão vantajoso quanto os novos 1/3 de tanko da JBC!

Em primeiro lugar, temos sprites animadas. Em primeiro lugar, o autor dessa bagaça tem um conhecimento tão bom dos jogos da série quanto o tradutor que inventou que o nome do fotógrafo é Snap só para ajudar a vender aquele jogo tosquíssimo de N64 que os fãs de Pokémon pedem remake  para desencalhar o Wii U. Sprites animadas estão na série esporadicamente desde o lindíssimo Pokémon Crystal, fora que as animações de Black e White são ridículas, páreas apenas às animações do incrível Brasil Animado, o primeiro filme brasileiro em 3D!

Pokeblackwiki4

Depois o artigo tenta convencer que há mais elementos em 3D no cenário. Isso é verdade, a câmera afasta e se aproxima para mostrar grandes pontes construídas superfaturadamente por prefeitos gananciosos que evitam manifestações com baderna usando um pólo cinematográfico para ser o pão e circo da população pokemônica.

Não entendo como os fãs babacas de Pokémon fapam tanto por esses incríveis cenários que não prestam pra nada. Peguem como exemplo aquela cidade grandona cheia de ruas: para quê serve aquilo? De que adianta ter 200 mil habitantes se você vai falar coisas com eles e ouvir um “Eu adoro Pokémon.”, provando que os habitantes desse mundo têm tanto traquejo social quanto um gordinho que se comunica por placas no Anime Friends? Fora que a cidade tem muita coisa legal, porém está tudo espalhado em andares genéricos de prédios tão distantes entre si quanto a distância entre o senso do ridículo e o cérebro de um otakinho. Se não presta pra nada, por que tá lá?

Câmera dinâmica nas batalhas, que legal, né? NÃO! Seria legal se eu quisesse ver aquelas coisas ultrapixelizadas de perto. As sprites dos Pokémon são tão pixelizadas que eu me sinto numa partida de picross, e as lutas tão tanto zoom para ser dinâmica que acaba acertando aquela clássica brincadeira do Gugu:

Sério que essas são as inovações de Pokémon Black e White? O jogo é feio, tem Pokémons ridículos, parece que foi feito às pressas, promete inovação e entrega o mesmo de sempre e devo considerá-lo excelente como aquela revista japonesa Famitsu que deu nota máxima só porque esse é o primeiro Pokémon com história? CLARO QUE NÃO!

A nota que eu dou é 2, e o choro é livre!

***

Regras para o mimimi- Vocês podem comentar à vontade nos comentários, mas quem usar os seguintes argumentos vai ter uma diarréia e todo o seu cocô vai sair no formato do Garbodor:

1- “Os primeiros 150 pokémons eram melhores que esses lixos” Supera a nostalgia, otaku trouxa.

2- “Você tá certa, Mara. O melhor jogo mesmo é o Pokémon X e Y!” A não ser que você seja o fodão que já tá com o jogo, você não é ninguém pra falar que algo que não saiu é melhor.

3- “Faz melhor então!” ¬¬

34 Respostas to “Games Medonhos: Pokémon Black & White (DS)”

  1. flavio 05/10/2013 às 15:03 #

    Proxima analise da gorda: novo jogo, mario para NES…

    Só verdades neste post, que o x/y seja um novo folego, porque pokemon já tava chato d+

    Curtir

  2. Luciano von F. 05/10/2013 às 15:44 #

    Eita nóis…calma Maroca rsrsrsrs. Verdade seja dita (1): pokemon é sempre a mesma merda e qualquer detalhe que acrescentam nos jogos que saem quase que anualmente são “revolucionários” mas o jogo já poderia estar anos luz na frete do que é. Verdade seja dita (2): Mesmo assim a atual formula é legalzinha, mas poderiam fazer algo diferente, mais experimental, vai que dá certo.

    Curtir

  3. Cleiton (@CourageNFaith) 05/10/2013 às 17:33 #

    Rolando de tanto rir! XD
    Belo post, e….
    “(Olha só o que a falta de pauta não me faz).”

    Mas e aquele link do Lost Kids que te mandei ? – https://www.facebook.com/lostkidscomic

    /foreveralone.jpg #chateado ;_;

    Brincadeiras a parte, confesso que os jogos do Pokémon não me interessam faz tempo. Tanto que o último que eu joguei foram os “Gold” e “Silver” (e isso faz tempo pra daná), e a Celebi era ainda o último Pokemón da lista! 0_0
    Pra vc ver só que como Otaku…eu sou um ótimo escritor.

    ———————

    Off-topic:

    Curtir

  4. Luiz Fernando 05/10/2013 às 17:33 #

    Mara, sua gorda que gosta de One Direction.

    Baixarei a versão jack do x e y depois do dia 12 e voltarei aqui só para sambar na sua cara e dizer que o x e y é bem melhor.

    Mentira… não volto, não.

    Curtir

  5. Cleiton (@CourageNFaith) 05/10/2013 às 17:36 #

    Tá aqui o link do vídeo do Lost Kids:

    E a página do autor no DeviantART – http://felipecagno.deviantart.com/

    Curtir

  6. Gordon 05/10/2013 às 18:25 #

    Caramba! Eu tinha encostado esse jogo no 1° ginásio, não sabia que a história era tão envolvente assim, me animou pra voltar a jogar, obrigado Mara gorda! =)

    Curtir

  7. Gah, O Supermodelo Norueguês 06/10/2013 às 01:10 #

    Sinceramente, nunca vi graça nesses jogos de Pokémon, os efeitos gráficos sempre foram horríveis (Pra mim é inadmissível com tanta tecnologia nos dias de hoje e os jogos continuarem com aqueles gráficos toscos). Entre os jogos e anime de Pokémon, fico com o anime.

    Curtir

  8. jasque 06/10/2013 às 05:51 #

    Bah pegou leve nessa, parece até que ficou com dó

    Curtir

  9. jasque 06/10/2013 às 05:52 #

    Mas fui apresentado a Brasil animado, estou assistindo aqui no youtube lol

    Curtir

  10. Totokoro 06/10/2013 às 11:37 #

    Faz melhor então!

    Curtir

  11. Yachiru 06/10/2013 às 15:12 #

    Cara, mesmo eu gostando dos games de Pokemon (Sério, jogo desde o Red quando pirralha D:), chorei aqui com o post XD Tou sentindo que a Mara quis causar um rebuliço por essas bandas de cá, ainda mais se tratando de um game da Nintendo. (E convenhamos, alguns fãs da Nintendo são muito problemáticos, desculpem e.e)

    Então, qual é a graça desse jogo? Sinceramente, não sei o que dizer. Sério, não me importo se a base de jogo é a mesma em todas as gerações, porque para mim, Pokemon é um daqueles games que eu passo o tempo conhecendo mais criaturinhas bizarras (E cada geração, eles me inventam cada um mais bizarro ou até fofo, porque não, que o outro), vencendo líderes e (Como todo jogo que se preze) upando.

    Não vejo complexidade nenhuma nisso, nunca vi, e penso que é justamente por ser um jogo simples, que para mim é divertido. Se você for analisar pokemon como um jogo mais sério e detalhista, game over xD Sério, sou tão indiferente quanto a isso, que ainda sou capaz de jogar Kirby Super Star (Deluxe) de SNES e zerar trocentas vezes sem enjoar x)

    Sobre a evolução dos gráficos, por mais trivial que seja (Sim, muitos detalhes são mais ostentativos mesmo, concordo) basta apenas comparar com o Green e ver a diferença xD E… Pokemon não é o primeiro e nem será o último game a evoluir de forma ostentativa os seus gráficos, então por mim, se tiver de melhorar, nem que seja nesse sentido mais… Ostentativo (LOL) estou recebendo essas mudanças de braços abertos.

    E eu não esperava por isso, achava que ia fazer um post falando mal de Pokemon Origins, mas okay xDDDD

    Curtir

  12. Herme 06/10/2013 às 15:57 #

    Os gráficos sempre foram/são assim porque os jogos de Pokemon são lançados para consoles portáteis, já que o formato da franquia de jogos Pokémon foi construída em cima deles. E qualquer jogo pra portátil nunca vai ter aqueles gráficos lindos e maravilhosos de um PS3. Se quiser ver gráficos dos níveis de console, vai ter que jogar o Battle Revolution pra Wii.

    Curtir

  13. jasque 06/10/2013 às 16:18 #

    “Yachiru
    E eu não esperava por isso, achava que ia fazer um post falando mal de Pokemon Origins, mas okay xDDDD”

    Isso sim seria um troll efetivo

    não duvido que ela já está preparando

    Curtir

  14. Jurubeba 06/10/2013 às 21:16 #

    Esse novo jogo de pokemon é pro público gls, afinal de contas, DS é um sistema pra veados. Basicamente só essa diferença. De resto, dá tudo na mesma. Só muda o nome do protagonista, e os bichinhos perebentos existentes no jogo. Ou será que não é verdade?

    Curtir

  15. Kauis 06/10/2013 às 21:32 #

    Mara passou o cheque com esse post….

    Curtir

  16. Noir fleurir 07/10/2013 às 07:24 #

    Pokémon é para fãs de Pokémon. Ponto.
    No entanto, não deixa de ser falta de informação aludir que os fãs da franquia são ávidos defensores da história ou dos gráficos, já que o fã de verdade só se entretém com isso por um curto período de 3 dias no qual se termina logo o jogo pra começar a treinar.
    Explico: tal qual um jogo de luta, Pokémon gira em torno do multiplayer (leia-se: batalhas online). Em outras palavras, o fato é que o jogo é feito para você treinar os bichinhos. O resto é mera desculpa pra você fazer isso. As verdadeiras inovações estão nos movesets, nas abilities e em diversas outras mecânicas que só o fã que treina pra batalhar online e aplicar estratégias vai entender.
    Você pode gritar, espernear o quanto quiser, mesmo que Pokémon tenha spin-offs e o escambau, os jogos principais da série serão sempre isto: 8 ginásios, uma equipe criminosa bisonha e Elite Four. As estratégias das batalhas online, porém, estarão sempre mudando, e os meios para se obter o que é preciso para montá-las também. E é isso que faz a série.

    Curtir

  17. Apo 07/10/2013 às 08:44 #

    Mara sua gorda escrota. Só agora que você está criando um tópico para falar desse jogo? Está parecendo os estagiários da Nintendo World que só agora as vésperas do lançamento dos Pokémongos X e Y é que lançou uma edição especial do detonado.

    Curtir

  18. Apo 07/10/2013 às 08:47 #

    Eu acho Black e White bacana, só achei o tempo de vida dele muito curto. A sequência foi lançada ano passado e agora teremos um jogo novo. É de chutar os bagos dos jogadores sério.

    Curtir

  19. Renan SHQ 07/10/2013 às 10:05 #

    @Yachiru: Concordo com o que tu disse, não tenho muito a acrescentar.

    Apenas acho que na “review” a Mara parece ter criticado mais o artigo da Wikipedia e os fãs do que o jogo em si.

    Porque convenhamos, QUEM É QUE JOGA POKEMON POR CAUSA DA HISTORIA OU DOS GRÁFICOS?

    Curtir

  20. Gb 07/10/2013 às 11:23 #

    Marinha, Pokémon é feito para cada nova geração de crianças.

    Você deve jogar e assistir o anime quando está na infância, pré-adolescência, depois disso deve procurar novos hobbies.
    É dessa forma que franquia pokémon vai se mantendo, sempre criando novos mundos, e renovando seu publico.

    Aos que não conseguem largar o jogo/série, não reclamem de o jogo em seu Core ser parecido com os antigos, mudando apenas os gráficos, pq a intenção não é alterar e sim entregar uma experiência próxima daquilo que nos cativou no passado, para as novas gerações.

    Curtir

  21. Noir fleurir 07/10/2013 às 13:20 #

    @Gb Na verdade Pokémon é feito pra multiplayer. Quem participa das batalhas competitivas online, com exceção talvez do Japão, geralmente é gente mais velha. Quem mais reclama geralmente não é quem tem acompanhado a franquia, mas sim quem não acompanha. Pra esses a série sempre está morrendo.

    Curtir

  22. WJ 07/10/2013 às 13:50 #

    Noir fleurir tem toda razão. Quando um fã zera o game, ele não reinicia, ele continua treinando os seus Pokés para usar nas batalhas online. Pra mim, depois que a jornada acaba, o que importa é criar estratégia de montar movesets perfeitos para a competição.

    No mais, concordo que fãs de Pokémon são um pé no saco, eu sou um, mas desde que entrei num grupo sobre Pokémon no Facebook, percebi que a maioria tem QI menor que uma criança de 10 anos, e outros tentam enxergar um game maduro onde não tem.

    E, desde já, espero ansiosamente por 2016 para ler a sua review de X e Y, Mara.

    Curtir

  23. Kibe anatomico 07/10/2013 às 21:57 #

    @WJ
    PASSA O GRUPO AGORA, QUERO RIR UM POUCO!?
    Sério que tem gente que defende a maturidade em pokemon LOL

    Curtir

  24. Apo 07/10/2013 às 22:09 #

    Depois que vi os Bronnies, espero de tudo.

    Curtir

  25. Icarix Ace 08/10/2013 às 00:40 #

    Bom, Apo, a Lauren Faust fez o remake da série pensando para crianças e adultos, logo, vendo o resultado… ela conseguiu, não?
    Noir fleurir disse (escreveu) tudo, quem se aprofunda em Pokemon é porque vai mesmo adiante no multiplayer, já nem se importa com roteiro ou o que seja, é mais pelo cima de competição e minúcias de personalização do time, como efforts e talz mesmo!

    E, além disso, entusiastas e/ou pessoas que adoram a série, se continuarem a fazer, tipo, isso, por exemplo…

    …por mim, pode continuar mantendo a série viva e de boa!

    Curtir

  26. Apo 08/10/2013 às 10:31 #

    Icarix, tudo bem gostar de um desenho. O problema é ser tão fissurado e compartilhar esse tipo de troço:

    Curtir

  27. WJ 08/10/2013 às 12:12 #

    @Kibe Infelizmente o grupo é fechado… mas sempre haverá um bom print para eu trazer pra vocês!

    Curtir

  28. Apo 08/10/2013 às 13:07 #

    O bom é que o Sonic Rainboom não é.

    Curtir

  29. Icarix Ace 08/10/2013 às 14:19 #

    Ah, mas nesse caso, é querer levar a tal da imaginação o mais longe possível, sabe aquele papo de liberdade de expressão, direito de paródia e talz? Pois então…
    É aquela coisa de fazer valer aquela tal “Regra 34 da Internet”, não mede o tamanho do exagero, aí, já viu, né?

    (E sim, vários dos bronies são contra o sexismo! Afinal, de má fama, já basta o que já vão carregar perante algumas pessoas, não precisam de mais essa “ajuda”….)

    Curtir

  30. apocaliptico2 08/10/2013 às 15:18 #

    Mas esse povo gosta mesmo por causa dessa regra número 34.

    Curtir

  31. Garbage 08/10/2013 às 23:21 #

    O melhor mesmo é Touhoumon.

    Curtir

  32. Hagar Romeu 09/10/2013 às 15:05 #

    Só pra apagar o save através de uma sequência de comandos que está escrita no manual. Não tem como “salvar por cima”.

    E o plural de Pokémon é Pokémon, não existe pokémons(sic), porque já é uma corruptela de Pocket Monsters.

    Arruma isso aí.

    Curtir

  33. mateusrse 23/10/2013 às 20:03 #

    Faz melhor então, sua gorda ex-vj falida (ofender a autora pode).

    Curtir

  34. José Paulo 23/12/2015 às 22:22 #

    È uma questao de gosto, quem sempre gostou de capturar e treinar pokémon vai gostar, e quem nao gostou das versoes anteriores nao vai gostar dessa tambem, pois apesar dos jogos terem personagens, pokemon, locais e dinamicas diferente, todos seguem o mesmo padrao. E Pokémon nunca se tratou de graficos, alem disso se o jogo fosse ruim, nao seria uma das franquias mais lucrativas. N é mimimi e sim fatos!

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: