Festa no Gueto News – Misturando o mundo inteiro vamos ver no que é que dá

4 jun

Algumas notícias no mundo da cultura mais rica sempre me impressionam e me deixam sem reação por alguns minutos. Foi assim quando anunciaram que o Animax ia vir para o Burajiru, quando a Panini confirmou que ia lançar Naruto e quando descobri que a leitura de mangá no Burajiru é unicamente para aprendermos a cultura da Grande Nação Japonesa. Mas ontem, o leitor @HappyOli trouxe uma bomba, polêmica. O nosso leitor avisou que a banda Fresno vai tocar no Anime Friends. Eu acessei o site na hora e fiquei sem reação quando li a confirmação. Aí, quando fui entrar de novo pra divulgar isso aqui, o site tinha desaparecido da internet.

Mas como a internet tem uma memória melhor do que uma vocaloid elefanta, IKIMASU ver as provas? QUERO IMAGENS NA TELA!

Então podemos já aceitar que o Fresno, um dos maiores representantes do emocore do Burajiru, vai fazer show no Anime Friends. Já que adoro desgraça, vamos juntar nosso espírito Sônia Abrão e IKIMASU ver a lista de outras bandas confirmadas no Anime Friends:

Deixa eu ver se a otaka aqui entendeu!

A Yamato vai fazer, no mesmo evento, um show de uma banda de “metal” e de uma banda de “emo”? Qualquer macaco sabe que isso é algo tão inteligente quanto convidar o Freeza para o Amigo Secreto anual dos Saiyajins.

E cada show terá o seu próprio hotzone. Se você acha que isso é o nome de uma área de fliperamas, vamos ver o que o pessoal da Yamato acha:

Hmmm, que bom que a empresa tá sempre preocupada nos visitantes e pensando em novas maneiras de ver shows no Anime Friends. Vamos clicar no link e ver o que é essa hotzone?

Então, pagando mais 20 reais você ganha o direito de ver o show mais de perto.

Estou esperando você falar que isso está certo.

Vamos lá. Você compra um ingresso para o evento custando uma fortuna e ainda precisa desembolsar quase o preço do ingresso de novo para ver um show num lugar melhor.

Mas não tem problema isso.

Mas o que importa é que o show vai ter a segurança garantida pela Yamato, que sempre contrata os melhores funcionários para organizar seus eventos.

NÃO É MESMO, MINNA?

***

(Me siga no Twitter!)

(Já me curtiram no FACEBOOK?)

*************************************

Atualização: O leitor “Staff Patrulha“, que até imagino quem seja (seu danadinho), deu uma contribuição inestimável para o site: O cache do site do Anime Friends que prova que a banda estará no evento. IKIMASU ver o print da discórdia?

40 Respostas to “Festa no Gueto News – Misturando o mundo inteiro vamos ver no que é que dá”

  1. Flavia 04/06/2011 às 14:38 #

    Anime Friends 2011. EU VOU!…

    …ficar em casa.

    Curtir

  2. Staff Patrulha 04/06/2011 às 14:49 #

    BANDA FRESNO
    Em novembro de 1999 na cidade de Porto Alegre alguns amigos de infância se reúnem para formar uma banda de pop, rock e emocore chamada Democratas, que logo mudou para Fresno pois outra banda já utilizava o nome.

    Atualmente morando em São Paulo, os integrantes Lucas Silveira (voz e guitarra), Gustavo Mantovani (guitarra), Rodrigo Tavares (baixo) e Bell Ruschell (bateria) já lançaram cinco discos e conquistaram diversos prêmios, entre eles “melhor grupo”.

    História
    A partir de 2001, já com o nome Fresno (uma cidade dos EUA), o grupo lança sua primeira gravação demo com apenas seis faixas e o single “O acaso do erro”. Neste momento a banda sofre algumas modificações em sua formação.

    De forma independente, o primeiro álbum “Quarto dos livros” chega em 2003 acompanhado de pequenas apresentações pelo país no meio alternativo. O reconhecimento veio em 2004 com seu segundo trabalho, “O rio, a cidade, a árvore”, com o single “Onde está”, conquistando as paradas de sucesso. Após a gravação do terceiro álbum “Ciano”, o grupo tem mais uma modificação entre os integrantes em 2006, que se mantêm até hoje.

    A partir de 2007 a banda consagra-se com o prêmio de banda revelação no “Video Music Brasil”, realizado pelo canal musical MTV, e em 2008 conquista o Disco de Ouro com seu quarto trabalho “Redenção”. No mesmo ano se apresentam ao lado de Chitãozinho e Xororó no “Estúdio Coca-Cola Zero”, programa que unia duas bandas ou artistas de gêneros musicais diferentes.

    Conquista sucessivos outros prêmios em 2009 e se torna uma das mais importantes bandas de música pop-rock do Brasil. Maio de 2010 é lançado o álbum mais recente “Revanche” e em julho a banda é convidada para participar da gravação do show de comemoração de 30 anos do grupo Roupa Nova.

    Julho de 2011 a banda irá participar de um grande show no festival YES! do Anime Friends. Veja em breve novidades sobre como adquirir a hotzone e garantir o melhor lugar!

    http://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache%3Ahttp%3A%2F%2Fwww.anifriends.com.br%2Fb_fresno.shtml

    Curtir

  3. Diogo 04/06/2011 às 15:03 #

    Minna que papo é esse de fresco no AF???? eu me recuso estar no mesmo evento que esse monte de esterco passe perto. Para quem vai ao AF que Kami sama tenha piedade de sua alma

    Curtir

  4. Houndurr 04/06/2011 às 16:59 #

    Anime Friends 2011. EU VOU!…

    …ficar em casa. [2]

    com ou sem fresno eu nem ia lol

    Curtir

  5. KristenLane 04/06/2011 às 17:00 #

    Vergonha alheia do Anime Friends. u_u’

    Curtir

  6. Leo 04/06/2011 às 17:24 #

    Tá me zuando, né?
    Dá vontade de não ir só pra protestar.

    Curtir

  7. Felipe Marcantonio 04/06/2011 às 17:41 #

    Eu vi isso do Fresno ontem. Eu não tenho absolutamente nada contra nenhuma banda, mas que a comparação que você fez usando o Freeza foi perfeita, isso foi XD

    Curtir

  8. Yasmin 04/06/2011 às 18:42 #

    Gente, eu também não sou fã dos caras, mas deve-se levar em conta que há sim otakus que curtem a banda! Já estamos sendo agradados pelas outras atrações, não? Acho justo quem gosta deste estilo também receber sua chance de representação, se não goste apenas não vá no dia, ou apenas fique longe do local na hora do show!
    Realmente, este país já está cheio de violência, ódio e preconceito demais para algo tão pequeno merecer tamanha discussão! De qualquer forma a liberdade de expressão está aí, contando que não prejudique e nem ofenda ao próximo, é válido.
    Afinal, vale ressalta que o seus direitos acabam onde os do outro começam!
    Mais uma vez repito que não sou fã da banda Fresno, nem sei quem eles são, amo Angra e Massacration, e não comparecerei ao show dos primeiros, mas dos dois últimos, estarei lá com certeza! Também não reclamo da Hotzone, o ingresso do evento não é tão caro – podem acreditar, essa semana fui a um evento cujo o ingresso custava R$ 48,00 e nem se quer possuía tantas atrações como o AF-, acho justo que fãs dispostos a pagar mais possuam um lugar privilegiado, afinal não é isso que ocorre em shows não atrações de eventos? (venda de VIPs, camarotes…).
    É apenas minha opinião, estou utilizando de minha liberdade de expressão e acredito ter respeitado os limites desta, estou disposta a responder qualquer indagação e tentar discussões amigáveis,apenas peço encarecidamente que ninguém envergonhe mais uma vez essa população já com imagem tão denegrida como a população brasileira, conhecida pelos estrangeiros por preguiçosa, selvagem, barraqueira, sem responsabilidade, promíscua. Não é a imagem que quero para o meu país, e realmente não gosto quando infelizmente fatos o mostram desta forma!
    Por favor! Pensem um pouco! Rótulos e estereótipos sempre se mostraram uma arrogância ignorante, somos todos brasileiros e cidadãos, tentem serem isto apesar dos pesares que vemos em nosso dia-a-dia.
    Sei que deve ter sido horrivelmente chato ler tudo isso até o final, e sei que muitos nem sequer darão voto à reflexão, mas, realmente, ainda acredito em nós humanos como pessoas capazes de amar e respeitar e não odiar.
    Agradeço aos que leram até o fim.
    Caso meu e-mail não seja mostrado: mini_saori@hotmail.com é meu e-mail pessoal de amizades.

    OBS: Apesar de tudo isso, não é errado sorrir de algumas coisas, e eu realmente ri muito com a comparação com o freeza…. =]

    Curtir

  9. Marskel 04/06/2011 às 18:59 #

    Gente, eu também não sou fã dos caras, mas deve-se levar em conta que há sim otakus que curtem a banda!

    O problema não é “gostar” da banda ou não. É entoxar uma atração que, supostamente, foge do foco do evento. E outra, assim como você faz uso do seu direito de se expressar, não vejo nada de errado com em afirmar que não gosta desse tipo de atração. Na verdade acho bastante válido, já que a galera paga por isso.

    Também não reclamo da Hotzone, o ingresso do evento não é tão caro

    Sou da época em que ingressos prá esse tipo de evento custavam dez reais. E já tinha as “mega atrações gringas” que justificavam, em parte, o valor do ingresso.

    Curtir

  10. GFreitas 04/06/2011 às 19:23 #

    Fresno no AF? O_O Eles sequer gostam de animes ou algo do tipo?

    Ainda tenho esperanças de ver cantores em ascenção no Japão (e isso não inclui cantores de Tokusatsus e opening de animes da década de 80) e mangakás nos eventos, mas pelo andar da carruagem…

    Curtir

  11. amandalett 04/06/2011 às 20:11 #

    Eu gosto dos fresnos

    Curtir

  12. Boon!Aye 04/06/2011 às 20:22 #

    Eu não tenho absolutamente nada contra nenhuma banda, mas que a comparação que você fez usando o Freeza foi perfeita, isso foi XD
    .
    +1

    Curtir

  13. Leo Kitsune 04/06/2011 às 20:35 #

    Sabe aquele pessoal que fala “COMO ASSIM RIHANNA NO ROCK IN RIO? NÃO ERA PRA SER ROOOOOCKK IN RIO????” sem saber que o primeiro Rock in Rio teve até Ivan Lins?

    Então… tem sala Harry Potter, show do Massacration, cosplay de Darth Vader, e eu mesmo já assisti show do Pato Fu lá. O tal “foco” já foi pro caralho faz tempo.

    Curtir

  14. Florisvaldo^_^! 04/06/2011 às 23:24 #

    Como eu tuitei: o Anime Friends 2011 será a Série B do Rock in Rio,o Rock in Rio alternativo.

    Curtir

  15. sandra monte 04/06/2011 às 23:33 #

    Peraí…
    Isso é sério do Fresno ir ao AF?

    Sandra Monte
    http://www.papodebudega.com

    Curtir

  16. Mônica de Mattos 05/06/2011 às 00:30 #

    E eu que tinha alguma esperança de conhecer o AF…

    Curtir

  17. Houndurr 05/06/2011 às 01:46 #

    eu ia responder o @Yasmin mas o @Marskel respondeu exatamente TUDO o que eu ia dizer

    Curtir

  18. Kyon 05/06/2011 às 04:06 #

    E ainda me perguntam por que não vou mais…
    A Mara já disse tudo no amigo secreto, só esqueceu de mencionar que isso é em Konoha, afinal Emos e Metaleiros em um evento de ANIME é tão perfeito quanto Aliens com poderes “superiores” a Oito mil (dragon ball kai version) numa vila de ninjas nada escondida como o nome diz.

    O AF agora não é Anime Friends mas “Assault Fuck!”

    Curtir

  19. Yasmin 05/06/2011 às 09:58 #

    @Marskel

    Entendo seu ponto de vista, mas concordo com o @Leo Kitsune, o tal foco não existe faz tempo, isso porque o mundo em geral se tornou extremamente globalizado e querendo ou não coisas diferentes estão presentes no mesmo espaço. =]
    Ainda mais no Brasil onde vc encontra de tudo um pouco!
    Mas, como eu disse, mostrar sua opinião é válida, eu só queria tentar conscientizar algumas pessoas para que não cometessem atos violentos não justificáveis no evento – já tive oportunidade de presenciar violência em um evento, não de Anime, mas ninguém é salvo disso, e isto me fez pensar muito em como pessoas se agridem e se matam por motivos banais.
    Mesmo assim obrigada por mostrar sua opinião,e como falei, se não curte a banda, apenas não compareça ao palco na hora, ou não vá no dia se não tiver nada que te agrade nele. Os fãs pagam pelo o que querem assistir, se vc paga por Angra e Massacration, vá assistir Angra e Massacration ( vou ta lá! =]) e se os outros pagaram por Fresno, vão lá assistir Fresno, simples assim, cada um tem sua vez e ninguém precisa se agredir, seja verbalmente ou fisicamente. O que não é certo é achar que só pq vc pagou por algo, os outros não tenham direito também, neh? =]

    Quanto ao Hotzone, eu também lembro da época que os igressos eram 10 reais, apesar de não ter ido – moro em outro estado, pra mim o custo é bem mais alto – só que se observarmos tudo no Brasil ultimamente está mais caro… aí vai diversos fatores de economia, crescimento econômico, impostos, corrupção… que sinceramente se eu fosse explicar iria ser mais chata do que já estou sendo! =] Só queria ressaltar que tudo num país faz parte de uma cadeia produtiva e se algo aumenta ali atrás, tudo na frente aumenta, sem falar que quando uma empresa cresce ela quer crescer sua lucratividade também, neh? Lindo mundo capitalista que eu amo e odeio ao mesmo tempo. Mas se pensarmos, apesar de ter ficado caro, ainda vamos ao eventos… por que temos condições, mesmo caro? Ou por que amamos tanto que vamos mesmo assim?

    Vai saber! =]

    Apenas peço que quem for vá com intuito de se divertir e deixar os outros se divertirem também. A Nação otaku sempre foi conhecida por ser pacífica e respeitosa, não vamos destruir isso agora neh? =]

    Curtir

  20. Marskel 05/06/2011 às 11:32 #

    Que o foco não existe a gente tá cansado de saber, tanto é que os eventos da Yamato justificam isso há anos porque se trata de um evento MULTICULTURAL. Óbvio que eu entendo a “contablidade” por trás desse raciocínio, afinal mais público é igual a mais reais/zenny/gil, mas o lance é que você já tem um determinado público, e ao invés de qualificar o evento pro pessoal que já frequenta, é feito um negócio prá agradar a todo mundo. E quando se tenta agradar a todo mundo, as coisas acabam não dando muito certo. Daí os problemas que a Mara cansa de listar nos reviews: super lotação (que já era tenso, e agora piora com a diversificação constante do público), falta de preparo por parte dos staffs, dentre outros fatores que acabam como o caso da(s) bombinha(s) de fumaça como em um evento do ano passado. E o preço aumentando!

    O que não é certo é achar que só pq vc pagou por algo, os outros não tenham direito também, neh?

    Pode ter passado despercebido por mim, mas não vi nenhum comentário e ódio ou incitando a violência. De forma alguma pagar por um ingresso te dá o direito de estrapolar (que é o que a maioria do seu público otaku acha que tem direito quando bota o pézinho dentro de um evento), é questão de ter um mínimo de estrutura prá atender a todos, de fazer valer o seu suado dinheirinho, entende?

    só que se observarmos tudo no Brasil ultimamente está mais caro…

    Eu trabalho com projeções financeiras quinquenais, então sei bem o quanto inflação, investimentos, encargos e outros fatores acabam impactando no preço final do produto/serviço. Mais uma vez: a questão é colocar na balança se esse aumento no preço do ingresso vale para o público. Porque teve um investimento maior em espaço, verdade. Mas consequentemente teve aumento de público. E o que não me entra na cabeça é como você atende um público de não sei quantas mil pessoas com uma equipe composta em sua maioria por voluntários, com pouco preparo. Não rola.

    Mas se pensarmos, apesar de ter ficado caro, ainda vamos ao eventos… por que temos condições, mesmo caro? Ou por que amamos tanto que vamos mesmo assim?

    Deslumbre. Você se submeter a um serviço com falhas que são apontadas ano após ano, e continua pagando por isso? Puro deslumbre… :/

    Diminuí bastante as minhas idas, sendo que os da Yamato eu simplesmente não tenho mais pique prá frequentar. Mas a maioria dos comentários que surgem em fóruns ou blogs são do tipo “só vou mesmo por causa da galera” (como se lá fosse o único lugar possível no planeta de se realizar um encontro), ou então que não importa que a gente reclame; nada muda mesmo, como se o público estivesse recebendo um favor. Aí fica difícil pedir por qualquer eventual melhoria.

    Maaaaaas se atende às suas expectativas e às suas necessidades, então… enjoy! :)

    A Nação otaku sempre foi conhecida por ser pacífica e respeitosa

    COMO É?!

    Olha… se não fosse neguinho se pegando com réplica de espada, de porrada na fila, mexendo com os outros na rua porque tá de bando, causando na porra da porta do metrô, ou até mesmo as ameaças que surgem ocasionalmente nos comentários desse mesmo blog (vai lá no último post sobre o Briggs, vai ter um fanático mandando um belo “te pego depois do recreio”) eu até concordaria. Mas não… :x

    Claro que isso não é motivo prá fingir que o problema não existe. Melhor resolvê-lo do que escondê-lo porque pode sujar a imagem, né?

    Curtir

  21. julio 05/06/2011 às 13:54 #

    Anime Friends 2011. EU VOU!…

    …ficar em casa. [3]

    E eu que tinha alguma esperança de conhecer o AF… +1

    Curtir

  22. Yasmin 05/06/2011 às 18:35 #

    @Marskel
    E lá vamos nós de novo com o papo chato e sério daqui…! =]
    Li seu comentário várias vezes, e entendo sua frustração quanto ao evento, nada é perfeito, está longe de ser, e com certeza se pagamos mais caro queremos algo melhor, o ruim é que nunca estamos plenamente satisfeitos, e isso nem é de todo ruim, é o que mantém as pessoas críticas ( observe que crítica não é aquela que apenas “fala mal”).

    Não questionei nada sobre a falta de preparo dos staffs, que eu lembre nem toquei nesse assunto, também não concordo com a má preparação de staffs, na minha opinião trabalhar com voluntários pode ser algo bom, mas que este tivessem o mínimo de preparo… por isso me abstenho de discutir essa parte, tudo bem? Neste ponto concordo com vc.

    Quanto a perda de foco e mistura de interesses que bom que entende.

    E mais uma vez, as minhas palavras em momento algum queriam colocar em discussão a estrutura da Yamato para com o evento, não sou fã da empresa e nem a odeio também, consumo coisas dela e nossa relação se resumi a isso. Que há problemas isso é óbvio, sempre há, e se está insatisfeito com um produto/serviço e não tem nenhuma acusação criminal contra isso, apenas deixe de consumi-lo ou crie um melhor, não?
    O fato é, não é perfeito, ainda há muitos defeitos, mas o que temos é isso por enquanto, até que apareça outra empresa que nos proporcione eventos de melhor qualidade, é isso que possuimos, caso queria montar uma que consiga ser melhor… dou todo meu apoio e ajudo até. =]

    É normal querer aumentar os tipos de mercado quando se tem um crescimento, algo que nem sempre dá certo, se não der certo, bem…cabe a tal empresa observar isso e mudar a estratégia, caso não faça, o próprio público a levará a falência ( por meio da não participação nos eventos) mas muita coisa é baseada na tentativa e erro com cálculos de riscos, talvez a Yamato tenha calculado que os riscos em se aumentar o publico não sejam altos? Bem, isso vamos ver em Julho!

    E já puxando esse assunto, estamos discutindo tudo baseado em edições antigas, essa deverá ser uma nova e é esperado que vários problemas sejam corrigidos já que eles planejam algo maior dessa vez… se não forem corrigidos, bem… como eu disse o próprio público deve indicar sua insatisfação, mas deveria ser de forma racional e inteligente, não acha? Como a discussão que estamos tendo agora… eu acho. ( vai ver se estivéssemos discutindo isso cara-a-cara vc teria gritado e me batido? Bem prefiro pensar que não! =])

    Neh, voltando ao assunto, minha intenção com esses comentários não é defender a Yamato, apenas queria tentar fazer que algumas pessoas refletissem sobre a maneira como se comportam em eventos, e sim, considero os otakus os mais pacíficos por enquanto, é claro que sempre tem as “ovelhas negras” que estragam nosso nome, é por isso que disse que me sinto envergonhada quando fatos nos provam assim, e por isso peço para que as pessoas sejam menos agressivas umas com as outras e saibam se respeitar, acho que deixei isso bem claro nos comentários, se fui meio evasiva e não consegui me explicar, peço desculpas. =]

    Neh!Vc comentou sobre quando eu falei que continuamos indo… eu não sou deslumbrada, já tive alguns maus bocados em eventos, só quis levantar a questão de que se continuamos indo é por algum motivo, e a resposta de que “é só pra ver a galera” pode sim ser um deles, o AF sendo ou não o único lugar onde possam se encontrar (no meu caso que moro em outro estado, isso se torna real algumas vezes), mas eu acho que quem faz o evento somos nós sabe, o de R$48,00 que eu falei em si estava super mal organizado, com uma demora estranha de mais de 4 horas para colocar todo mundo para dentro do evento, acho que foi isso, não sei exatamente já que não fiquei para ver que horas a última pessoa conseguiu entrar, bem consegui entrar 3 horas depois do horário inicial do evento, calculando pelo tanto de pessoas atrás de mim, acho que deva ter sido mais ou menos isso- e poucas atrações, só que mesmo assim eu consegui me divertir, não tanto quanto gostaria, mas como eu disse quem faz o evento somos nós, o público, não apenas a empresa, vamos pensar um pouco nisso também.

    Ah! E quanto ao último comentário, da nação otaku e tals…neh, tem certeza que deveria fazer essas acusações desta forma? Acho que generaliza um pouco, sabe, em conjunto, salvo as exceções vergonhosas citadas por vc, o público otaku é sim pacífico – vá a um show de rap, funk ou axé, ainda mais gratuito para comparar um pouco, ao menos nunca vi ninguém levando um tiro ou uma facada em um evento de anime, se já teve casos assim, me desculpe por não saber, penso que dos maus somos realmente o menor por enquanto? Bem isso pode mudar de acordo com nosso comportamento é claro, por isso falei isso, pois quero que pensem em como ainda somos vistos e em como poderemos ser vistos… penso que ninguém quer perder uma boa imagem aos olhos dos outros (e não venham me dizer que não se importam com o que os outros pensam, porque se arrumam-se para sair, independente do lugar, com certeza se importa, hipocrisia falar que não, todos se importam, infelizmente muito do que vivemos hoje é aparência) então por isso coloquei o comentário sobre a nação otaku, que em vista de outros públicos que tenho visto, ainda pode ser considerado pacífico.
    Vc não se considera parte da nação otaku? Não se considera uma pessoa pacífica? Bem, isso é opinião própria, neh?

    “Melhor resolvê-lo do que escondê-lo porque pode sujar a imagem, né?”

    Hum! Ironia neh? Bem, entendi como isso, se não é, me corrija depois.

    Ah! Sujar a imagem? Bem, sujam a imagem quando querem, e quanto a resolvê-lo: é um problema, todo problema tem solução, e só quem pode resolvê-lo somos nós, otakus, (sim, me incluo no grupo), queremos sujar a nossa imagem? É essa a pergunta, eu posso responder que não, que cada um ache a melhor resposta para si. Esconder? Ah, esconder nunca da certo, quando se descobre é pior mesmo, por isso penso que devemos responder por nossos atos, e assumirmos a nossa culpa! =] Eu posso dizer que ainda não faltei com respeito a ninguém em um evento, sentirei vergonha de mim no dia que fizer, mas o tempo irá dizer, neh? E vc, já destratou alguém? Se arrependeu depois?

    Percebi que estou sendo idiotamente indagativa, me desculpe, não quero ofender, apenas mais uma vez acho que devemos pensar em nosso comportamento às vezes.

    Bem, acho que consegui me explicar mais uma vez? Com mais um texto enorme, hehehe =] (Mulheres falam demais? Homens também!)

    Neh! Resumindo, não há nenhuma ameaça ou comentários extremamente ofensivos nessa página, mas já cruzei com alguns bastante perigosos pela net, só pensei que comentários nesse artigo seriam vistos pelo o público do AF, é melhor prevenir do que esperar acontecer para tentar consertar depois, não acha? Se o Brasil tivesse essa cultura talvez muitos problemas seriam evitados!

    Repito que não quero ofender ninguém, se ofendi, me fale que tratarei de me desculpar e tentar me redimir.

    Agradeço pela discussão, penso que debates assim são saudáveis e necessários.
    Obrigada por participar, neh? Aguardo sua resposta?

    Curtir

  23. E.L.D 05/06/2011 às 19:44 #

    Eu não ía pra esse evento d um jeito ou de outro.

    Curtir

  24. Kyubey 05/06/2011 às 19:48 #


    Eles deveriam ter escolhido essa banda que fez um clipe musical no AnimeXtreme. Vejam no link acima o videoclipe e a música excelente que animou o pessoal.

    Curtir

  25. David Denis 05/06/2011 às 22:49 #

    A tal “Yasmin” responde IGUAL a uma pessoa que trabalhou comigo em eventos de animê…

    Aliás esta pessoa também usava um nick feminino na net…

    Até a carinha no final para ‘amansar’ o discursão que falou é a mesma… =]

    Curtir

  26. mariana 06/06/2011 às 00:04 #

    os posts da Yasmin são chatos pra caralho, parece aquelas moderadoras de fórum que escrevem demais tentando apaziguar ao invés de deixar o circo pegar fogo.

    acho que algum emotaku levará umas bifas no AF, quem sabe acordaremos, leremos isso por aqui e daremos boas risadas :D

    Curtir

  27. Ayumi 06/06/2011 às 03:07 #

    nemli Yasmin ;D

    Curtir

  28. Yasmin 06/06/2011 às 05:25 #

    @David Denis
    Com certeza não sou essa pessoa, jamais trabalhei em eventos de anime, apenas os frequento, a carinha =]é bem usada por muitas pessoas, não é impossível pessoas pensarem da mesma forma neh?

    @mariana
    Não tenho nada contra vc, sei que meus post são chatos, eu mesma os classifiquei assim, mesmo assim quem puder ler e pensar um pouco já me fará feliz.
    Neh, o circo pegar fogo? Talvez vc pense de outra forma no dia em que ver uma pessoa ser espancada na sua frente, ou morrer diante de seus olhos, principalmente em um lugar onde todos deveriam estar se divertindo!

    @Ayumi
    Tudo bem! =]

    Curtir

  29. Marskel 06/06/2011 às 10:04 #

    Desculpa aê pessoal, mas vou alugar os comentários com um bloco de texto!

    E lá vamos nós de novo com o papo chato e sério daqui…! =]

    Yasmin, desculpe se o papo não está animado como você esperava. É que eu gostei da “pauta” e acho que esse tipo de discussão é bastante válida e de interesse prá todos que frequentam esse meio. Mas entendo perfeitamente que a conversa pode não estar no rumo que você esperava, e não espero que ninguém queira prosseguir por se sentir na obrigação, ok?! ^^

    Não questionei nada sobre a falta de preparo dos staffs, que eu lembre nem toquei nesse assunto

    Ah, eu sei que não! Mas já que falamos de preço e qualidade, apenas citei um dos muuuitos fatores envolvidos.

    Que há problemas isso é óbvio, sempre há, e se está insatisfeito com um produto/serviço e não tem nenhuma acusação criminal contra isso, apenas deixe de consumi-lo ou crie um melhor, não?

    Você diz mais adiante que esse tipo de produto/serviço é o que temos por hoje. Quer dizer que se eu quiser que esse produto/serviço melhore… eu não posso reclamar? Não devo reclamar? Existe algum problema nisso? Porque, até onde eu saiba, nenhuma crítica ou exemplo citado foi leviano, por mais que existam outros pontos de vista acerca dos mesmos tópicos.

    caso queria montar uma que consiga ser melhor… dou todo meu apoio e ajudo até. =]

    Público fiel e que não questiona? TÔ DENTRO! \o/

    talvez a Yamato tenha calculado que os riscos em se aumentar o publico não sejam altos?

    São sete anos nessa, Yasmin… Sete anos! Independente de qualquer projeção financeira, tem problema besta que se repete desde a primeira edição. Fica difícil justificar pro consumidor o aumento por conta de um investimento se esse consumidor não tem percepção da melhoria em questão, saca?

    vai ver se estivéssemos discutindo isso cara-a-cara vc teria gritado e me batido? Bem prefiro pensar que não! =]

    Porque eu faria isso? Porque eu penso diferente?! Naaada! Tenho certeza que você também não age assim (o que é bom!), não veja uma discussão como algo negativo! :)

    apenas queria tentar fazer que algumas pessoas refletissem sobre a maneira como se comportam em eventos

    Acho legal essa atitude de “cada um no seu quadrado” mas assim como todo mundo tem obrigação de respeitar seus coleguinhas, é importante que as pessoas sejam mais mais receptivas a críticas. Pegando o exemplo aqui do post, mesmo: não tem nada errado com o pessoal não gostar (e dizer que não gostou!) da suposta atração da vez. Claro que sempre vai ter o imbecil que se sente no direito de estrapolar (e a proporção de “ovelhas negras” é maior do que você pensa) mas infelizmente não vai ser aqui que o infeliz vai aprender a se comportar como gente.

    Se bem que, depois que falamos de falta de preparo e erros estruturais, de certa forma a sua preocupação com violência esteja mais próxima da realidade do que nunca! Espero que a sua confiança e otimismo no evento seja correspondida, sério mesmo.

    mas como eu disse quem faz o evento somos nós, o público, não apenas a empresa, vamos pensar um pouco nisso também

    Concordo (em partes)! Naturalmente que, uma vez lá dentro, você se vira prá fazer o que for do seu agrado. Mas convenhamos que a empresa deve suprir uma série de necessidades antes que cada um usufrua do evento do seu jeito. Não somos sócios, não participamos da organização… somos consumidores! Temos que ser menos passionais quanto a isso! :)

    Ah! E quanto ao último comentário, da nação otaku e tals…neh, tem certeza que deveria fazer essas acusações desta forma? Acho que generaliza um pouco, sabe

    Infelizmente não, Yasmin. São coisas que eu vi (e infelizmente continuo vendo) há anos. Não só em eventos, e dificilmente algo restrito a apenas um grupo de pessoas. É difícil falar de “imagem” e reclamar da demonização de mangás, jogos e atividades como cosplay quando você tem uma porrada de gente fazendo m**** e dando razão prá quem faz esse tipo de crítica.

    vá a um show de rap, funk ou axé

    Isso me soou um pouco preconceituoso, não? Anyway, um erro não justifica o outro, ainda mais depois de ver três marmanjos de toquinha esmurrando na boca um quarto otaku por causa de um fone de ouvido. Esse sábado.

    Anyway, com ou sem Fresno, não vou a esse AF. Bom evento prá quem vai; espero que suas expectativas sejam correspondidas! :D

    Curtir

  30. Jacqueroll 06/06/2011 às 11:24 #

    Na imagem do staffs de colaboradores aparece a família LOMAX, game adventure de PSONE: http://media.classic-gaming.net/screenshots/normal/95/958-1.png

    Curtir

  31. Yasmin 06/06/2011 às 12:15 #

    @Marskel

    aaaaaaa
    que bom que respondeu! =]
    É o papo chato e sério daqui mesmo, não que eu não goste, mas é como o pessoal ver dessa forma hehehe, eu gosto de papos chatos é sérios! =]

    Quanto à obrigação, eu realmente não me sinto obrigada a continuar com a conversa, eu gosto de conversar! =]

    “Você diz mais adiante que esse tipo de produto/serviço é o que temos por hoje. Quer dizer que se eu quiser que esse produto/serviço melhore… eu não posso reclamar? Não devo reclamar? Existe algum problema nisso? Porque, até onde eu saiba, nenhuma crítica ou exemplo citado foi leviano, por mais que existam outros pontos de vista acerca dos mesmos tópicos.”

    reclamar pode, eu não defendo a Yamato,eu só defendo uma reclamação pacífica como as desse blog e como as suas, tenho visto reclamações totalmente erradas, motivadas por violência, o meu “foco” é apenas esse, tentar explicar que para protestar não é preciso sair batendo em pessoas e destruindo coisas ! =]

    Reclamar pode, e deve, é só que às vezes penso, ruim com Yamato… pior sem ela?

    HUm! Vamos montar um empresa de produção de eventos?
    =]
    hehhee

    Hum, não tem problema em dizer que gostou ou que não gostou, eu mesma falei que não gosto dos caras e que não vou pro show deles, mas que vou pros outros, o fato é falar que não gostou e ficar ofendendo ou investindo negativamente ( isso também tem limites, porque não sei pra vc, algo como “Ah! Que merda de banda, não vou!” tudo bem, agora algo como “Que porra de banda, vou é quebrar esses emos tudo!” ai sim é problema, é só fazer a distinção entre, não acha? – quanto a esses comentários, foram alguns que vi aí pela net)
    Quanto a Yamato, não discuto mais, vou fazer uma nova avaliação esse ano =], sou do tipo que sempre espera melhoras e o que passou, passou ( caso perdido eu sei)

    Ah! eu sei que a empresa tem maior responsabilidade no evento, é que geralmente todo mundo pensa que o fracasso de um evento é sempre da empresa, eu prefiro pensar que é tanto do público, quanto da empresa, pois apesar da empresa possuir maior responsabilidade o evento é feito para nós (ou ao menos deveria ser), já fui a um show que a produção estava quase perfeita, mas alguém decidiu que era bom de mais para se encher de droga e bebida e morrer de overdose! Isso estraga sabe! Ou as pessoas que apenas por estarem em um dia ruim decidem socar a primeira pessoa com quem não foi com a cara! Vamos dividir responsabilidades, neh? 85% pra Yamato, 15% pra gente! E olha que 15% é muito! =]

    “vá a um show de rap, funk ou axé

    Isso me soou um pouco preconceituoso, não?”

    Ah! não, não é preconceito, já frequentei e ainda frequento alguns eventos do gênero, sou uma pessoa sem preconceitos e eclética, é só observação e comparação, em eventos desse tipo eu tenho que tomar muito cuidado, e já aconteceram coisa não agradáveis, em eventos de anime é onde fico menos preocupada e onde ainda não ocorreu nada de ruim comigo ou com alguém que eu conheça… eu realmente espero que isso não mude! =]

    Pessoalmente, o público do Rap é mais difícil de se lidar…ao menos em minha observação, o que não quer dizer que eu não curta os eventos também! =]

    “Anyway, um erro não justifica o outro, ainda mais depois de ver três marmanjos de toquinha esmurrando na boca um quarto otaku por causa de um fone de ouvido. Esse sábado.”

    Viu só, é disso que eu estou falando, isso é a coisa ruim, sério. Não acredito que um erro justifique o outro, o de antes foi apenas uma comparação, mas são coisas como essas que eu gostaria que não ocorressem. Já tive a honra de ir a eventos (de anime) onde não houve uma confusão do tipo sequer , e gostaria que isso se repetisse no AF! É mesmo tão impossível? São só pessoas, certo? São pessoas, não deveriam agir assim! Se já pude presenciar antes, por que não de novo? =]

    Oh! Não vai por AF? Hum, pena! Gostaria de te conhecer pessoalmente! Suponho que não more no mesmo estado que eu!
    Mas agradeço pelo desejo de boas expectativas! =]
    Vamos esperar melhoras!

    Obrigada pela conversa!

    Resposta?

    Curtir

  32. Cheffcris 06/06/2011 às 13:51 #

    Mas o fato que acabou com as minhas esperanças de ir no AF foi o preço dos ingressos e a tal hotzone. Isso já é pisar na cara do publico, pq vc paga 30 reais num ingresso que eles justificam com as atrações internacionais e ainda tem que pagar mais 20 reais de hotzone. Não sei se vou mais, antes eu até tava animado pra ir, mas a yamato está cada vez se enterrando mais e mais …

    Curtir

  33. Matheus Gustavo 06/06/2011 às 19:54 #

    Agora já está confirmado no site oficial xD Eu tô achando que isso vai dar merda ainda, a otakaiada não vai gostar disso não

    Curtir

  34. mariana 07/06/2011 às 02:23 #

    querida Yasmin, dica: esse é o mundo em que nós vivemos. pessoas morrem por causa de 25 centavos, porque não têm nada pra comer, crianças são trancadas em porões e estupradas pelo pai e têm filhos com o próprio pai e enfrentam as dores do parto apenas com um tylenol…

    existem coisas muito piores que eu e várias pessoas já presenciamos pra ligar pra um bando de gente dentro de um show se socando, foi mal, mas eu sou meio anestesiada pra desgraças alheias, seu sentimentalismo barato funcionaria melhor com outra pessoa.

    Curtir

  35. Marskel 07/06/2011 às 16:04 #

    Yasmin! _o/

    (…)Ah! eu sei que a empresa tem maior responsabilidade no evento, é que geralmente todo mundo pensa que o fracasso de um evento é sempre da empresa

    Concordo com você! Nem tanto no fato de que parte dessa responsabilidade deva ser atribuída ao público (apesar de eu achar que cada um deve sim responder pelo que faz), mas mais pelo fato de que a empresa, enquanto organizadora, tem a responsabilidade e a obrigação de assumir as rédeas quando esse público não se mostra capaz disso.

    E tem que ter infra-estrutura prá executar esse tipo de ação, também. Prá não dar sorte pro azar! :)

    Já tive a honra de ir a eventos (de anime) onde não houve uma confusão do tipo sequer , e gostaria que isso se repetisse no AF! É mesmo tão impossível? São só pessoas, certo? São pessoas, não deveriam agir assim!

    O AF é um evento relativamente grande, e que se extende por vários dias, o que facilita a “ação” do acéfalo que quer estrapolar. Juntando isso ao seu comentário anterior de ainda não ter topado com uma situação desagradável em evento, é questão de “dar sorte” e não estar no mesmo lugar/dia que dê alguma merda. Não que sejam desastres de proporções bíblicas, mas são coisas desagradáveis que não precisariam acontecer, saca? É aí que entra a função da empresa de proporcionar a você, que quer curtir na sua, um dia agradável, de acordo com o que você pagou, como eu citei anteriormente. Garantir que, já que até agora correu tudo bem, que você não tenha que amargar pela cagada alheia no futuro! Não acho que seja pedir demais de quem quer que esteja organizando, sério mesmo.

    Suponho que não more no mesmo estado que eu!

    Moro em SP, tô bem abastecido de eventos (prá não dizer saturado). Acredito que é por isso que eu me sinta no direito de reclamar, pois entendo que quem gosta (mas não tem muita opção) acabe engolindo sapo prá não perder o pouco que tem acesso. Mas bom evento, e vamos esperar por mais um review! :D

    Curtir

  36. Vincent 07/06/2011 às 16:10 #

    Yasmin, concordo com algumas coisas com você e discordo em outras, acho legal essa sua atitude de pedir que as pessoas respeitem os gostos de uma das outras, contudo sabemos que a realidade não é bem essa. Tenho um conhecido que está salivando com essa notícia, pois uma das suas coisas preferidas é implicar com emos/coloridos, isso quando ele não resolve bater em um, eu cheguei a perguntar para ele o motivo dele fazer isso, a resposta foi: “Todo mundo tem preconceito e esse é o meu, não suporto emos, acho eles patéticos, ridículos….se pudesse exterminava com todos eles”.

    Pelo que eu conheço dele, acho que não vai agredir ninguém, por se tratar de um evento, mas com certeza ele vai pisar no pé de um, empurrar outro, fingir tropeçar com um copo de refrigerante na mão só com intuito de molhar outra pessoa, entre outras coisas.
    Até entendo que a Yamato queria diversificar as atrações, mas é muito perigoso, misturar pessoas com gostos tão distintos em um mesmo ambiente, me lembro até de uma confusão que teve num evento, acho até que foi no próprio AF, entre otakus e fãs do Massacration, além disso otaku é pacifico até certo ponto, pois o que já vi de confusão em evento e nos arredores não está no mangá.

    Eu não pretendo ir ao AF, pois isso já não me desperta tanto interesse, para ser sincero acho que esse tipo de evento só vale mesmo para você se divertir com os amigos, conhecer outras pessoas com um gosto parecido com o seu e comprar alguma coisa.

    Já ia esquecendo: a Yamato precisar melhorar muito o seu sistema de segurança, pois em edições anteriores pessoas foram assaltadas na fila do AF. Está certo que tem otaku que é idiota e fica “dando mole”, no entanto isso não deixa de evidenciar que a segurança é falha no AF.

    Curtir

  37. Yasmin 07/06/2011 às 23:07 #

    mariana , muié! =]
    Só uma coisa!
    No dia em que eu disser que esse é o mundo em que vivemos e que eu deva aceitar que não posso e não devo fazer nada para mudar! No dia em que eu me acostumar e achar normal toda desgraça que ocorre a redor do planeta, seja ela grande como o estupro de uma criança, ou até menor como carinhas se quebrando de porrada por motivo algum, eu sinceramente pedirei para que alguém me dar um soco, pois nesse dia deixaria totalmente ser uma pessoa e ou uma humana!

    Sei que muitos pensam como vc, e estão acostumados a isso, mas sério, pode parecer pequeno, só que o mundo não é assim, ele ESTÁ assim, quer dizer que pode mudar, e do mesmo jeito que nós somos os que tornamos esse mundo podre, somos nós os que podem melhorá-lo!

    Não é sentimentalismo, muié, são apenas experiências! Gostaria apenas que não visse a violência entre pessoas como algo normal, e muito menos engraçado, não é, não deve ser, entende? Eu não acharia engraçado se eu estivesse apanhando, por consequencia não riria se alguém apanhasse!

    Mas obrigada pela objeção, é vivendo que se aprende, neh?

    Beijin pra ti!
    Vai por AF, mesmo com toda a confusão? =]

    Curtir

  38. Yasmin 08/06/2011 às 01:05 #

    Marskel
    Hi!

    Sim, sim, sei que a responsabilidade é da organizadora, mas sério, para parar cada idiota que queira começar uma briga pq alguém pisou no pé precisaria de um brigadista, ou um policial por pessoa… De qualquer forma, eu vou por AF e te conto como estava a organização, geralmente xingo muito no dia que me faz passar raiva, depois já estou feliz e contente novamente, por isso vou anotar tudo na hora que estiver observando! hehhehe =]

    Ainda acho que deveriamos montar uma empresa? Poderíamos fazer melhor? è um negócio a se pensar, muitos me disseram que a gente acaba mudando quando estar em um lugar diferente… Divagando aqui, vamos ao assunto!

    Quanto a minha sorte, eu acho que ela se aplica só a eventos de anime, pq os outros…. sério, já passei cada sufoco! =/ Mas são tempos passados! Torcer para esse evento ser pacífico da melhor forma possível! Torço mesmo, até aparto briga se for necessário… falar nisso, já levei umas por tentar fazer pessoal parar de brigar também… foi tenso! =/ Qualquer dia desses eu acabo morrendo, mas enquanto isso… vamos continuar tentando! hehehe

    Ah! SP! Eu moro no DF, aqui é mais ou menos, mais pra menos em relação a eventos de anime, mas a gente se diverte como pode, só acho o povo daqui meio parado? Fiquei sabendo q povo de BSB é conhecido como um povo chato de alguns amigos meus… o q vc acha?=]

    Agradeço pela conversa

    Curtir

  39. Yasmin 08/06/2011 às 01:17 #

    Vincent

    Olá!
    =]
    Obrigada por concordar em alguns pontos e por discordar em outros também!, Ninguém é dono da verdade e somos todos passíveis de falhas, neh!

    Eu sei que infelizmente nosso mundo é cheio de problemas, mas penso que mesmo que não possa mudar muito, posso começar a tentar algo? Afinal só nós podemos mudar o mundo, neh?

    Quanto ao seu conhecido, fale para ele se comportar direitinho, ninguém é obrigado a gostar de ninguém, mas respeitar é pré requisito. Curta o evento e se divirta, não cace confusão, muitas tragédias poderiam ser evitadas apenas com isso! !Hoje você se acha no direito de bater em alguém, amanhã se sentem no direito de matarem você!” ouvi essa frase de um amigo meu que passou por dificuldades horrendas… peça pro seu conhecido pensar um pouco nisso!

    Quanto ao AF! Caramba, assalto na fila? Yamato tem que melhorar, e logo! EU realmente sou sortuda em eventos de animes, de alguma forma nunca acontece nada do tipo comigo neles e nem próximo a mim… queria q essa sorte se estendesse a outros lugares… ou não, talvez seja melhor presenciar e tomar uma atitude do que pensar que está tudo bem, neh?

    Levar camera pro AF! Se ver algo do tipo vou colocar as evidências para a Yamato e cobrar respostas… será que dá em algo?

    Bem, custa nada tentar!

    Afinal câmeras não são proibidas no evento! A não ser no show do pessoal do Japão, mas isso já é coisa internacional de direitos autorais e bla, bla, bla! =/

    Pena que não vá pro AF, mas entendo após sua decepção com o evento, outra pessoa q seria interessante conhecer pessoalmente!

    Obrigada pela conversa!

    Curtir

  40. Marskel 08/06/2011 às 16:56 #

    mas sério, para parar cada idiota que queira começar uma briga pq alguém pisou no pé precisaria de um brigadista, ou um policial por pessoa…

    Hum… não, também não é prá tanto, hehehe. Tendo profissionais bem distribuídos pelo perímetro, com treinamento adequado e informação (porque “falha de comunicação” nos dias de hoje é tenso) , resolve-se boa parte dos problemas. É pura logística; é diferente de dar merda, ninguém vê e ninguém faz nada! :/

    Ainda acho que deveriamos montar uma empresa? Poderíamos fazer melhor? è um negócio a se pensar, muitos me disseram que a gente acaba mudando quando estar em um lugar diferente…

    Confesso que, se eu tivesse verba prá investir, não seria nesse segmento! Mas supondo que fosse o caso, dá sim prá fazer algo interessante e “melhorado” pegando os problemas já levantados como exemplo. E pessoalmente não acho que eu pensaria muito diferente estando no papel de organizador ou investidor, pois como eu falei antes, muita coisa é questão de logística, e não um “luxo” que eu peço enquanto consumidor, e essas ações podem sim serem revertidas em lucro prá própria empresa. Todo mundo sairia ganhando! Mas claro, isso é [b]um[/b] modelo de gestão – todo mundo quer lucro, mas cada grupo tem seus prazos, metas e prioridades. Não é incomum quem cancele projetos a longo prazo por algo de retorno mais imediato, mas pegando esse público que entra mais em conflito entre si do que reivindica, até eu fico curioso de ver até onde as coisas vão nesse passo!

    Ah! SP! Eu moro no DF, aqui é mais ou menos, mais pra menos em relação a eventos de anime, mas a gente se diverte como pode, só acho o povo daqui meio parado? Fiquei sabendo q povo de BSB é conhecido como um povo chato de alguns amigos meus… o q vc acha?

    O Kodama é daí, não é? Nunca fui, mas parece bacaninha… :P

    Só conheço uma garota que mora em Brasília, ela é de SQS 414, eu acho. Ela é gente boa, mas se você tá me perguntando enquanto público, aí eu não sei diferenciar… o__o

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: