Aleatoriedades · Games

Moacyr e Sua Quixotesca Luta contra os impostos

Oi minna. É com muita alegria e satisfação que venho aqui pegar no pé das pequenas coisas. Porque nas pequenas coisas que encontramos os grandes fracos… ou algo assim.

No último dia 21, o nosso querido Moacyr, o idealizador do Jogo Justo e pessoa muito importante no campo dos videogames, concedeu uma entrevista a uma pequena blogueira do blog Mesa pra Dois, que consegue ter menos acessos que um certo blog de quinta que fala mal do mundo dos animes e mangás.

A entrevista foi de uma qualidade tão grande que sinto que a autora só pode ser a Regina Casé. IKIMASU ler as perguntas de altíssimo nível?

Só eu achei estranho o Moacyr responder uma entrevista dessas? Para alguém que fala que “não dá autorização para brincar com algo sério como o Jogo Justo”, essa entrevista tá bem descontraída.

Gramática nunca más [Sic]!

Que linda essa entrevista. É sempre bom que o Moacyr vá a todos os grandes sites do Burajiru dar entrevistas sobre assuntos pertinentes ao mercado de games no país.

A entrevista em si foi uma droga e esse post foi sem graça. Mas sabem qual foi o motivo de eu ter feito ele?

Só para poder mostrar essa incrível paródia que meu namorado fez para o Moacyr usando a música do seriado do Bem Amado e chamando uma cantora internacional para dar um tostão de sua voz. Vamos seguir a bolinha? IKIMASU DAR O PLAY, MACACO!

O bem amado

O grande gamer

Ele é o ganhador

O povo quer DS

O povo quer memória

Ainda bem que ele lutou

O nerdão,

Desempregado,

O otaku,

O jogador,

Seja Link

Seja Zelda

Seja o virgem que for

Quem vende com imposto nunca vai ficar rico

Toma no furico

No Dia do Jogo Justo para o Entei eu suplico

É o grande mico

É o grande mico

***

(@maisdeoitomil)

Anúncios

10 comentários em “Moacyr e Sua Quixotesca Luta contra os impostos

  1. Na hora que fala “o nerdão” eu entendi o negão, mas ri demais desse googlekê.

    Mas já que o tio Moacyr tem dinheiro para comprar e jogar fora pelo menos 3 Xbox’s, bem que podia fazer o dia do jogo solidário e doar uns consoles pras crianças carentes, não?

    Curtir

  2. Há, demais Mara! Eu pensei que ninguém mais lembrava do Bem Amado, eu rí demais da música… só aho que se o tio Moacyr não vai gostar nadinha, e deve pensar: ‘não pode brincar com isso que é muito sério’. Ah, tá bom! =D

    Curtir

  3. por que ele gasta tanto tempo com o jogo justo e a acigames se postou no twiiter que sabia desde o começo que não ia dar em nada?

    Curtir

  4. Vejo que esse blog me ama fala sempre de mim. Não se preocupem estou bem calmo e não pretendo reclamar.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s