Qualé? Tem problemas com Fairy Tail?

19 out

Esse final de semana rolou o Sei-Lá-que-nº Fest Comix em São Paulo, evento que não pude prestigiar porque eu tinha mais o que fazer. Mas o Mais de Oito Mil mandou um enviado especial para o evento (o meu namorado). Além de se esquecer de comprar as coisas que eu pedi (tipo o livro da Sandrinha) ele ainda me traz o que eu não queria. Sim, minna, meu kareshi querido me trouxe o primeiro volume de Fairy Tail.

E por que eu não queria Fairy Tail? Porque acho parecido com One Piece of Shit. Mas logo achei um novo motivo para não gostar desse novo mangá da editora JBC: a tradução. A pessoa chamada para tão fundamental função foi o nosso tomodachi Guilherme Briggs, o dublador, ator, cantor, diretor, tradutor, roteirista, desenhista, cozinheiro, redator, cosplayer, humorista, imitador e muitas outras profissões.

Não é a primeira vez que o dublador, ator, cantor, diretor, tradutor, roteirista, desenhista, cozinheiro, redator, cosplayer, humorista, imitador e muitas outras profissões traduz um mangá. A primeira investida foi o Tenjo Tenge, que ficou bem ruim e cheio de gírias.

E em Fairy Tail ele decidiu seguir pelo mesmo caminho. Confira alguns exemplos durante o post, comparando a versão brasileira com a versão americana.

Agora alguém me responda: a JBC tá precisando tanto assim de tradutor de japonês que chama qualquer um que traduz do inglês? A tradução deveria incluir essas piadinhas que ele costuma colocar em suas dublagens? Qual o sentido de colocar uns diálogos que não fazem sentido (desculpa, mas ainda não entendi a da zebra)? E por que a Lucy fala um “qualé” a cada 10 páginas? Qualé?

Agora falando sério, eu acho que a tradução e a dublagem têm coisas em comum. Ambas devem buscar não serem notadas. Um filme bem dublado é um que você esquece que está dublado. Um mangá bem traduzido é aquele que você esquece que foi traduzido. E é difícil esquecer que um mangá foi traduzido quando o tradutor quer aparecer mais que o texto, incluindo suas piadas e gírias características.

E não entendo de chamar um dublador pra traduzir mangá. Dublador vive reclamando quando ator global vai dublar desenho, dizendo que aquela não é a área deles, e agora fica pegando o trabalho de tradutores profissionais?

Na verdade o que me incomoda muito é a editora JBC, que sempre faz coisas baseada no idioma da Grande Nação Japonesa, decidiu traduzir as coisas mal da língua do Império do Capitalismo. A mesma editora que saiu anunciando para os otakus que Dragon Ball Kai estava sendo traduzido do japonês, deixa que um dublador faça o serviço pegando o texto americano.

Por isso eu quero iniciar a campanha:

Fazendo um dublador feliz, fazemos todos os otakus felizes!

***

(@maisdeoitomil)

127 Respostas to “Qualé? Tem problemas com Fairy Tail?”

  1. boogiepop 19/10/2010 às 17:13 #

    decididamente apoiada, o processo de tradução não é simplesmente jogar num translator, deve haver também uma ADAPTAÇÃO. mas o que foi feito é ridículo e até mesmo desrespeitoso com a obra original (pra qual eu não dou a mínima).
    Guilherme Briggs vive da glória da boa dublagem de YuYu Hakusho pra justificar esse tipo de adaptação mal feita. e tem gente que ainda o considera o máximo.

    Curtir

  2. Rkun18 19/10/2010 às 17:44 #

    @-@
    Sabia que a tradução ia ser ruim, mas nem tanto!
    Que eu saiba, um tradutor ou adaptador deve manter a originalidade da obra, e não incluir piadas sem-graça inventadas por sua mente megalomaníaca!
    Abaixo Briggs! Apoio sua campanha, Mara, sério!

    Essa é a hora dos fãs se unirem e fazerem um “otakus contra o Briggs”

    Curtir

  3. Kuroi 19/10/2010 às 18:41 #

    Cara, tipo, minha opinião = 100% idêntica ao que você disse. Quando você escreveu: “Agora falando sério, eu acho que a tradução e a dublagem têm coisas em comum. Ambas devem buscar não serem notadas. Um filme bem dublado é um que você esquece que está dublado. Um mangá bem traduzido é aquele que você esquece que foi traduzido. E é difícil esquecer que um mangá foi traduzido quando o tradutor quer aparecer mais que o texto, incluindo suas piadas e gírias características.” Eu me senti quotado, pois vivo repetindo isso com quase essas mesmas palavras (já escrevi isso em resenhas para o JBOX).
    Não sabia que a coisa tava assim tão feia com Fairy tail, ainda bem que os meus volumes são da Del Rey e vou esnobar esse lixo da JBC.

    P.s. A piadinha com cavaleiros foi sinistra.

    Curtir

  4. Apo 19/10/2010 às 21:39 #

    Provavelmente ele pegou o programa Translator que Sandy da dupla SANDY e junior usava para fazer versões nacionais de hits internacionais. Deprimente demais.

    Curtir

  5. Apo 19/10/2010 às 22:39 #

    Desculpe, mas tive que fazer um duplo post porque acabo de terminar de ler o link que você postou. E destacar esse trecho:

    Após a tradução, faz-se a adaptação da obra que em muitos casos se faz necessária… como em expressões e ditados que perderiam o sentido se traduzidos literalmente. A adaptação é uma arte. Não existe formula para se adaptar um texto, mas o que deve ser levado sempre em consideração quando se adapta é a intenção do autor com aquela fala e o universo em torno do personagem. Nesse quesito, ele causa mais polêmica ainda. Termos como “passar cerol na pipa” foram usados no mangá em uma adaptação um tanto infeliz, já que ao invés de tornar a compreensão mais fácil ao publico alvo a torna mais difícil. Do outro lado, ele mantém traduções literalíssimas e que ficam completamente fora de lugar como “stripped of his powers” se transforma em “desnudados de seus poderes”.

    Porra tradução literal é sacangem. Nem meus professores de Inglês do meu curso recomendavam isto. Traduzir qualquer coisa você precisa entender em Inglês e depois sim transcrever como seria em Português. Parece que o Briggs teve aula com minha professora de Inglês do fundamental (que ensinava inglês nas coxas).

    Curtir

  6. Horo-Horo 19/10/2010 às 22:51 #

    Ah … sei lá, acho que voce exagerou um pouco com cara (já tive uns probleminhas com ele mas foi esclarecido e ficamos de boa) mas, acho que a JBC tem parcela na culpa do texto ficar desse jeito. Pq po, eles não iam aprovar um texto cheio de diferenças do original se alguem la de dentro não curtisse as mudanças.

    E One Piece é bom ta =P Se voce não leu 1/8 da história então não tem como julgar xD (levando que 1/8 eh coisa pra caralho xDD)

    Curtir

  7. sandra monte 19/10/2010 às 23:03 #

    Quer apostar como ele vai avacalhar sua pessoa por você ter tido a coragem de dizer que não gosta do trampo dele?

    Isso que você fez é uma heresia (para ele)…

    Sandra Monte
    http://www.papodebudega.com

    Curtir

  8. David Denis 19/10/2010 às 23:08 #

    Apoio totalmente… Parabéns pela coragem de publicar a critica! Ele merece!

    Curtir

  9. Mara 19/10/2010 às 23:13 #

    Tarde demais, Sandrinha, ele já mandou uma série de mensagens pelo Twitter.

    Curtir

  10. Mara 19/10/2010 às 23:13 #

    Obrigadinha!

    Curtir

  11. Denis 19/10/2010 às 23:24 #

    Só lamento o texto (como muitos outros do blog). Deveria procurar conhecer mais sobre o trabalho do Guilherme Briggs, que é um excelente dublador.

    Curtir

  12. Denis 19/10/2010 às 23:25 #

    Em tempo, ele pode não ser bom para tradução, mas o trabalho de dublagem dele é de alta qualidade.

    Curtir

  13. Denis 19/10/2010 às 23:27 #

    Ah, mais uma coisa: a versão americana então é original? Pensei que o original fosse o japonês. Quem garante que a tradução americana não tenha adaptado as falas e textos?

    Curtir

  14. Horo-Horo 19/10/2010 às 23:47 #

    Ah, esqueci de falar das traduções:

    Acho que adaptar um texto é bacana, mas não existe uma linha tênue que divide uma boa adaptação com termos mais próximos do publico alvo (no caso, nós brasileiros) de um amontoado de girias soltas.

    E a culpa não é so do Briggs, mas também de outros tradutores da JBC que colocaram até um “Cê é loco, mano?” numa fala de Shaman King onde o personagem só dizia “O que?” em japonês. Eu que sou carioca achei no mínimo ridiculo essa fala do personagem. Imagino o pessoal de outros estados que pegam um texto cheio de girias do pessoal daqui. É um pensamento errado mas compreensivel.

    Sobre a personalidade do cara eu.. nem falo nada =P

    Curtir

  15. Dass Jennir 20/10/2010 às 00:01 #

    Realmente Mara é impressionante como a JBC insiste em fazer essas “adaptações” ridículas.
    Ótimo artigo. Vou guardar meu dinheiro para algum mangá que não tenha sido tocado pelo senhor Briggs :D

    Curtir

  16. Maurício 20/10/2010 às 00:07 #

    E mais uma vez venho ler uma postagem aqui e me decepciono
    É melhor procurar pesquisar/saber para depois falar sobre detrminado assunto
    O Guilherme Briggs é um dos profissionais mais competentes que conheço e como pessoa é um ser humano extramamente educada, tranquilo e bem verdadeiro

    Curtir

  17. Dass Jennir 20/10/2010 às 00:09 #

    Porque o comum são jogos com as palavras no japonês e não gírias. E mesmo que tenham a DelRey tem o costume de colocar notas explicativas no volume quando uma adaptação é necessária.
    Além disso não é a primeira vez que Briggs e JBC fazem uso de gírias bizarras e de falas do pânico, chaves [etc] só para deixar a adaptação mais “legal” ( para quem eu não sei).

    Curtir

  18. Dih 20/10/2010 às 00:10 #

    Na versão americana, adaptaram. Na brasileira, detonaram.

    =P

    Curtir

  19. Carol 20/10/2010 às 00:28 #

    Eu sou fã do Briggs.

    Mas apoio MUITO a campanha!

    Porque sou fã, mas não misturo as coisas.
    Se for traduzir, que façam o mínimo de traduzir do original.
    Mesmo porque americano adora meter o bedelho onde não é chamado (nunca engoli o lema péssimo da Equipe Rocket e as versões toscas das aberturas de Digimon e Naruto – só pra ilustrar).

    Não tá na hora de pararem de tratar brasileiro como besta, não? Respeita, pô! =P

    Curtir

  20. Dass Jennir 20/10/2010 às 00:37 #

    Talvez como dublador, mas como tradutor essa é a segunda vez que ele faz m3rd@.

    E ele não foi nada educado quando respondia as questões dos fãs sobre a tradução de Tenje. Ele pode ter apagados os comentários no twitter mas print screens sobre as discussões que ocorreram existem circulando pela net

    Curtir

  21. boogiepop 20/10/2010 às 00:43 #

    só faltou você soltar um “se vc não gosta é pq não entendeu”.

    Curtir

  22. boogiepop 20/10/2010 às 00:45 #

    sua opinião. que pode diferir da opinião da Mara. cada um é livre pra pensar do jeito que quiser sobre o que quiser.

    Curtir

  23. Ryoma 20/10/2010 às 00:53 #

    Eu faço curso de japonês, não estou no estágio básico mas já sei o suficiente pra ler um balão de mangá, tenho tanto o mangá japones quanto o americano originais e posso garantir isso.

    Curtir

  24. denisbruno 20/10/2010 às 01:03 #

    O que o pessoal esquece é que o Guilherme não é o único responsável pelo texto final da tradução. Pesquisem um pouco mais sobre o processo.

    Curtir

  25. Leandro 20/10/2010 às 01:17 #

    Será que estamos falando da mesma pessoa?

    Tranquilo e educado um cara que dá piti no twitter pra qualquer um que critique o trabalho dele? Que profissional é este que não sabe receber críticas?

    Verdadeiro? Bom, só vi ele jogando a culpa da tradução de Tenten pra cima da JBC, mesmo depois de ter feito um texto no blog dele (ou da esposa, não lembro) sobre como era legal usar gírias do país inteiro e blablabla.

    Olha, a JBC cagou no pau mesmo. Não compro FT, nem fodendo!

    Curtir

  26. Mithsiel 20/10/2010 às 01:47 #

    e espero que essa série de mensagens renda um post.

    Curtir

  27. Vinicius 20/10/2010 às 02:09 #

    nossa q escrto esse cara nao gostei dele

    Curtir

  28. Tomaz Turabando 20/10/2010 às 02:19 #

    Eu quero é que se fod4 todos vcs kkkkk
    Não tão satisfeitos fiquem calados e se sabem tanto de japones, outra razão pra colocar o ovo na boca e ficarem calados.

    Curtir

  29. renamodys 20/10/2010 às 03:23 #

    affs, ja comprava mangás pq pensava que dava pra ler tranquilo e sabendo q a traduçao era confiavel, mas pqp, da vontade de dar um tapa na cara desse cara e de quem contrata um cara desse. Fairy Tail nao compro mais, ja sabia que a jbc faz cagadas na vida, mas nao sabia q fazia com as traduçoes. Sera q a panini salva?

    Curtir

  30. Mithsiel 20/10/2010 às 06:47 #

    Ficar calado é a típica atitude de alguém sem opinião própria que aceita qualquer merda que os outros falem.

    O trabalho está ruim e sem qualidade, e eu como consumidor de um produto (pois mangá É UM PRODUTO) eu tenho todo o direito de DEVER de reclamar quando o resultado final não me agrada. Afina, estou pagando por ele, e tenho todo o direito de exigir um MÍNIMO de qualidade.

    Curtir

  31. sandra monte 20/10/2010 às 06:49 #

    O que é espantoso é ver a JBC fazer um bom trabalho com Ranma ou Tsubasa e fazer cocô em outros…

    E só para constar, a dita pessoa não aceitae nunca aceitará uma crítica. Apesar dele já ter feito VÁRIAS, até mesmo para com colegas dubladores.

    Ou alguém jáesqueceu quando ele desceu o cacete na dublagem de Madagascar, sendo que até fico bom para uma “adaptação”?

    Raras vezes digo isso, mas, se está tão ruim assim galera, vejam os scans. è melhor.

    Sandra Monte
    http://www.papodebudega.com
    PS: Que acha que o Harrison Ford tem que ter a voz de macho que teve em Indiana Jones!!!

    Curtir

  32. Erike 20/10/2010 às 08:58 #

    Uau!!! Minha cachorrinha já traduziu coisas de uma maneira horrível, mas esse cara nem chega perto!Horrível ao cubo!!Eu não compro mais mesmo, não sabia que ia a esse pé não!!!!!

    Curtir

  33. Ken-Oh 20/10/2010 às 08:58 #

    Putz, venho pra ler mais um post do blog pra dar risada e me deparo com isso.
    Cara ñ vo contestar o trabalho do Briggs como dublador pq ate acho ele um dublador acima da media (mais ñ chega a ser o fodinico ñ), alem de q esse ñ é o ponto ao qual o post trata.

    Mas no momento em q ele pega o manga pra fazer graça é passar dos limites, se ele é um profissional tão serio pq ele faz essa cagadas. Fico uma droga ainda nem tinha comprado Fairy Tail mais depois desse post to pensando em continuar a baixar do scanlator mesmo.

    To nessa campanha também e ainda sugiro um adicional para o Briggs baixar a bola dele pq ele ñ o bonzão ñ (ou o “pica das galáxias” já q ele adora gíria).

    Curtir

  34. Horo-Horo 20/10/2010 às 09:16 #

    Conclusões sobre o assunto:

    1-Otaku é tudo chato e reclamão.
    2- Alguns desses deram pra pagar pau de editoras americanas, o que é pior ainda. Acho que nunca ficaram sabendo das cagadas da DelRey com Negima.
    3- O Briggs tentou uma coisa que deu certo na dublagem, mas não muito no mangá. É como nos filmes: tem gente que curte uma adaptação abrasileirada, enquanto que outras pessoas são chatas ao ponto de reclamar da dublagem, mesmo quando se tem a opção de ativar legendas.
    4-Longe de mim querer defender alguem que não tenho nem intimidade, mas o povo aqui ta usando a historia da tradução do Fairy Tail como gasolina pra queimar o cara, isso é sacanagem. Sei lá, ele é uma pessoa que não aceita criticas? Então critiquem ele de forma civilizada. Se ele não aceitar, paciência. Da mesma forma que se alguem acha ele um dublador ruim, é so criticar. O objetivo das criticas é para que ele se torne uma pessoa/profissional melhor, certo? Ou vocês querem realmente abaixar o ego dele na porrada pra que ele se sinta na merda? Isso é um sentimento meio porco.

    E eu curto pra caralho esse blog, porra! Continua postando coisas, menina! Mas tenta ser mais coerente!

    Curtir

  35. fanfinir 20/10/2010 às 09:35 #

    Bom, quanto a odiar Fairy Tail e one Piece tem meu total apoio.

    Agora, sendo um pouco chato, creio que a forma como vc esta criticando esse dublador que nao conheço e não faço questão de conhecer (ate pq nao fico me apegando a esse detalhes) creio que a forma de abordagem que vc fez foi muito agressiva. digo isso pelo seguinte o texto como foi escrityo e a imagem colocada fazendo ampanha contra (mesmo sendo uma brincadeira que no fundo é um a verdade intalada na garganta) cria um problema jurídico o qual um profissional de direito cibernetico, no minimo conseguiria a suspensão do site e provavelmente pelo texto comprovar difamação. então sugiro que no futuro ou ate agora se achar plausivel minha resumida argumentação mudar o tom e ser critico de forma mais indireta e amena, afinal não somos obrigados a gostar de nada e de ninguem porem uma critica ou comentario agressivo e publico pode gerar problemas futuros. Bom ta ai meu recado. Morte a Fairy Tail!!!!!!

    Curtir

  36. Betto Mendes 20/10/2010 às 10:45 #

    ainda que ele traduzisse do inglês, mas fizesse o serviço direito…
    mesmo com todo mundo reclamando das adaptações do Briggs eu ainda pretendia dar uma chance à história e tirar minhas próprias conclusões, mas sinceramente, depois da mancada de colocar o garoto dizendo que queria se tornar um “cavaleiro do zodíaco” eu não sei mais se compensa adquirir essa história. :~

    Curtir

  37. b 20/10/2010 às 12:33 #

    Não acho que a cultura japonesa seja a mais rica, fora isto estou apoiando o resto.

    Curtir

  38. mikie-chan 20/10/2010 às 13:26 #

    Nooooo!!!!

    Putz, de novo esse povo aperecido traduzindo/adaptando mangá? Será que a experiência anterior em TenTen já não foi ruím o bastante JBC?

    Puxa vida… e Mara, concordo plenamente contigo, se te ameaçarem com processo e essas viadices, mande ir à merda mesmo pronto!

    Curtir

  39. Fausto 20/10/2010 às 13:56 #

    Ele pertence a rodinha de amigos de Marcelo Cassaro? Achei tudo tão familiar…

    Curtir

  40. Rkun18 20/10/2010 às 14:50 #

    Segundo Maurício:
    “…como pessoa é um ser humano extramamente educada…”

    Ah, ainda bem que vc confirmou que ele é uma pessoa humana, porque estava pensando que fosse uma porta posando de tradutor.

    “um ser humano extremamente educadA”

    Será, ainda por cima, gay????

    Fico revoltado com gente que vê os erros e ainda defende aquele que os cometeu. Ser amigo, parente ou fã não significa que deve ser sempre parcial.

    Curtir

  41. Rkun18 20/10/2010 às 14:54 #

    Acho que todos que estão reclamando aqui deveriam escrever um e-mail reclamando para a JBC. Hoje mandarei o meu e incentivarei meus amigos a fazerem o mesmo, pois a empresa pode até ter boa intenção, mas se não souber o que desagrada seus consumidores, não poderá mudar.

    Curtir

  42. boogiepop 20/10/2010 às 15:58 #

    ninguém tem que amenizar uma crítica só porque a outra parte é delicada, what the fuck.

    Curtir

  43. boogiepop 20/10/2010 às 16:00 #

    acho que mandar e-mail não resolve nada, a única coisa que eles realmente sentem é quando fode NO BOLSO. boicote é a solução.

    Curtir

  44. boogiepop 20/10/2010 às 16:01 #

    a Mara comprou o mangá e comparou com outras traduções. ela está no direito de consumidora dela de reclamar do produto. e “calúnia” é um pouco de exagero, porque ninguém ficou falando “ele é um filho da puta, ele passa a perna dos outros” ou outras coisas que possam denegrir a sua carreira, é o que eu acho.

    Curtir

  45. horo-Horo 20/10/2010 às 17:18 #

    Não é amenizar a critica, é criticar sem falar que nem um bicho.

    Curtir

  46. Paulo 20/10/2010 às 20:05 #

    Putz quem postou isso não tem o que fazer mesmo ¬¬
    Pra começo de conversa esse individuo vem falar que One Piece é ruim? Para com isso, que falta de cultura, One Piece é um dos Animes mais famosos do Japão e do mundo, e vai la e traduz o Manga do FT melhor que o Briggs, o cara é o melhor dublador, e eu li o primeiro volume do FT e não vi nada de estranho, e outra, pra que a porrinha do seu namoradinho trouxe o manga pra você?
    Vá le um livro sua porra, e para de falar mal do que é foda!

    Boa Noite.

    Curtir

  47. Esqueceu do número 5: 20/10/2010 às 20:20 #

    5 – Se você não gostou é porque não entendeu.

    Curtir

  48. Tairy FAIL 20/10/2010 às 20:58 #

    “A mesma editora que saiu anunciando para os otakus que Dragon Ball Kai estava sendo traduzido do japonês, deixa que um dublador faça o serviço pegando o texto americano.”

    O texto pode ser traduzido do japonês mas os dubladores atuam em cima da versão americana, então dá na mesma m3rda.

    “…não estamos dublando direto do japa! O mais louco é que tá em inglês!Nada a ver a voz da Bulma americana…”

    Curtir

  49. Horo-Horo 20/10/2010 às 23:06 #

    Hm? Eu não sou contra nem a favor. Só que agir feito uma criança como você não torna seu argumento válido.

    Como eu disse, eu gosto do blog e gosto do trabalho do Briggs. Como pessoa eu sei lá, não me importo. To aqui meio que como juiz dessa bagunça (mesmo sem ser convidado para tal xD).

    Quer criticar? Fale com a pessoa sobre o que você acha. Pelo menos eu acho isso mais certo do que cuspir um monte de coisa de um jeito estupido. Parece que o cara comeu a mãe de vocês, sei lá.

    Falo com a experiência de quem já tomou muita porrada por agir dessa forma. As vezes uma conversa relaxada tem muito mais efeito do que palavras de ódio. É como eu já tinha falado: as criticas são pro cara melhorar ou pra tentar deixar ele na merda porque traduziu um mangá que os otakinhos brasileiros torceram o nariz por não ter tradução a lá dattebayo-br ?

    Tem quer ver isso ai.

    Curtir

  50. Horo-Horo 20/10/2010 às 23:09 #

    Se tem gente que gosta até de Naruto, né… gosto é que nem cu, meu amigo.

    Curtir

  51. Roney Cacau 21/10/2010 às 00:22 #

    Po manolo, novela faz o maior sucesso aqui no Brasil. RBD fez sucesso aqui, AXÉ e FANQUI fazem sucesso aqui. Só por fazer sucesso o negócio é bom? Então corre pra baixar os capitulos de passione ^^

    Curto as dublagem do Brigs, mas o manolo é Dublador e não sabe japones, que ele ta fazendo como TRADUTOR de um Mangá, cuja língua original é japa?

    E manolo, mangá foda é Take On Me. Muita Foda.

    Curtir

  52. Roney Cacau 21/10/2010 às 00:28 #

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  53. Tatsu Oni 21/10/2010 às 08:51 #

    Ai pra fazer este nível de tradução faço de graça ……..
    Tenho minima ideia de quem seja esta cara + aprendeu fazer tradução no parquinho?
    Acho que deveríamos fazer baixo assinado pra tirar ele do projeto Fairy Tail muito foda não pode ser deixado na mãos de um tradutor de primário.

    Curtir

  54. Wallen Fallen 21/10/2010 às 12:28 #

    Como um blogeiro consegue ser tão ignorante, valhe-me deus, e eu achando que encontraria argumentos válidos nesse post que justificariam o opinião de quem postou.

    Maldita inclusão digital. ¬¬

    Curtir

  55. Grave 21/10/2010 às 14:39 #

    Caramba. Mesmo que eu concorde com quase tudo o que você escreveu.
    Perdeu quase toda credibilidade quando li isso aqui:

    “E por que eu não queria Fairy Tail? Porque acho parecido com One Piece.”

    Que só mostra que você não leu nenhum dos dois.

    Curtir

  56. hater 21/10/2010 às 15:24 #

    Quem pintou as zebras?

    Curtir

  57. Pss 21/10/2010 às 15:24 #

    Eu gosto muito do trabalho do Briggs como dublador, e não conheço seu pessoal para criticar.

    A sua critica/opinião é muito válida, mas eu considero importante um abrasileiramento, porque se não algumas piadas se perdem e fica algo muito forçado em termos de linguagem. Alguns coloquialismos não matam e fazem bem ao coração!

    É claro, também não precisa encher de gírias e citações, porque senão fica igualmente forçado.

    O problema com os atores globais é que muitas vezes eles não são chamados por seu talento, e sim pela fama da sua voz, o que desbanca outros profissionais (pq dubladores tbm são atores!).

    Não foi o caso do Briggs nesse trabalho, obviamente.

    Um dos trabalhos da dublagem brasileira mais aclamados foi Yu Yu Hakusho, famoso pelas gírias em seu enredo. Então gírias são um assunto muito delicado e pessoal para se discutir. Talvez o conservadorismo dos leitores esteja atrapalhando, ou talvez não caiba mesmo no formato do mangá. Não sei pq não o li.

    P.s: Idéia no mínimo estranha que a cultura japonesa seja a “mais rica” (que a americana talvez, maaas…).

    Curtir

  58. Burajirujin 21/10/2010 às 16:03 #

    “P.s: Idéia no mínimo estranha que a cultura japonesa seja a “mais rica””

    O correto é dizer DA GRANDE NAÇÃO JAPONESA e não apenas “japonesa”. ;)

    Curtir

  59. Luciano 21/10/2010 às 18:46 #

    Está uma merda mesmo! Tenjo Tenge, até que dá pra tolerar, mas fairy tail, se passa em um mundo iimaginário, totalmente diferente à nossa realidade? Brigs me perdoe, mas tem que fazer algo que é CERTO, SASTIFAZER QUEM PAGA SEU SALARIO E OS MANGÁS. Começando a fazer a tradução CORRETA DO ORIGINAL.

    Onde assina a petição online? |oO

    Curtir

  60. Robson 21/10/2010 às 21:31 #

    Sabem xerox? Então, os americanos quando traduzem/adaptam algo para o inglês inevitavelmente mudam algo aqui e ali, seja para chamarem a atenção ou é porque são limitados na hora de traduzir. E quando outra pessoa(um brasileiro querendo traduzir algo a partir do inglês, por exemplo) faz isso, o desastre tá feito.
    Com relação a animes dá pro brasileiro tentar consertar um pouco do estrago(falo isso como tradutor mesmo)porque tem a fonética, se você entende um pouco de japonês pode consetar algo. Pode adaptar uma coisa ali, outra aqui, mas tem que ser discreto e não ficar colocando palavras QUE NÃO ESTÃO ALI E NÃO SE ENCAIXAM NEM A PAU COM O QUE O PERSONAGEM ESTÁ FALANDO. Isso também pode ser alterar a personalidade de um personagem, tem alguns que nunca imaginaríamos dizerem coisas que os tradutores gringos e brasileiros colocam as vezes…
    Com mangá é mais complicado porque não tem a fonética que as pessoas que traduzem e assistem animes estão acostumados, é gramática mesmo que nem todos tem acesso. Então(ai é opinião minha), coloquem alguém que conheça o idioma bem ou faça o “feijão com arroz”.
    Tradutor tem que ser discreto, e não ser estrelinha.

    Curtir

  61. Shinigami Soul 21/10/2010 às 22:15 #

    em 1 lugar: falar, “uma pessoa extremamente educada” é o mesmo que dizer “um ser humano bastante educado” são só maneiras diferentes de dizer a mesma frase.
    Em 2 lugar: o cara só colocou uma letra no lugar errado, vai me dizer que voce nunca errou nada quando estava digitando ou escrevendo algo?
    Vê se para de dar uma de Sr. perfeito ¬¬.

    Curtir

  62. johnny-sasaki 21/10/2010 às 22:27 #

    adoro o Briggs,mas esse tipo de adaptaçao só cairia bem se o foco central da série fosse só o humor e nunca tivesse momentos em que se levasse a sério.
    Ranma 1/2 por exemplo,teve uma dublagem bem adaptada porque o estilo do anime permitia isso,mas Fairy Tail nem sempre permite esses momentos e aí fica estranho.
    Eu queria ver o Briggs cuidando do anime Panty & Stocking,quem ta vendo esse anime,sabe do que falo,aí sim ele tirava de letra.

    Curtir

  63. Shinigami Soul 21/10/2010 às 22:35 #

    “O correto é dizer DA GRANDE NAÇÃO JAPONESA e não apenas “japonesa”. ;)”

    Fanatismo é algo muito feio u.u .

    Curtir

  64. boogiepop 21/10/2010 às 23:40 #

    te faltou um conhecimento sobre antigos memes que zoam otakus pra entender o fato da cultura japonesa ser a mais rica e tal.

    e ninguém aqui está com conservadorismo, o que acontece é que essas adaptações estão RIDÍCULAS. simplesmente não existem no original. quando que Fairy Tail citaria Cavaleiros do Zodíaco? essa merda só é famosa no Brasil.

    Curtir

  65. boogiepop 21/10/2010 às 23:41 #

    ela não falou que acha a HISTÓRIA parecida, poderia muito bem estar falando sobre o TRAÇO, o que é verdade. O protagonista é o Ruffy e os amigos dele são os amigos do Ruffy.

    menos otakice e fanatismo, please.

    Curtir

  66. boogiepop 21/10/2010 às 23:42 #

    saia da minha internet, please.

    Curtir

  67. boogiepop 21/10/2010 às 23:44 #

    alguém ficou meio ressentido porque a Mara tem namorado que compra mangá pra ela. não fique assim, caro otakuxo balofinho e sem namorado(a), alguém em algum lugar há de querer você, mesmo que você goste de Fairy Tail.

    Curtir

  68. Shinigami Soul 22/10/2010 às 00:04 #

    Eu acho que quem postou essa opinião nesse blog devia ser mais imparcial e menos fanatista. Essa coisa de “a cultura japonesa é a mais rica mimimi…” é ridiculo, isso de cultura é muito relativo, por que a cultura japonesa é mais rica que a brasileira? Por que lá eles fazem animes e mangas? Não existe uma cultura mais rica que as outras, apenas culturas diferentes. Outra coisa ruim é que nessa matéria não teve informaçoes suficientes, tipo, é o briggs que faz sozinho toda a tradução? Não são varias pessoas?
    Eu realmente acho que os tradutores deviam manter a obra fiel ao original, fazendo apenas algumas poucas alteraçoes para deixar qualquer forma de enterterimento mais compreensivo pelo publico brasileiro em geral, e no caso dos mangas, fazerem notas no final dos volumes explicando o significado de alguns termos existentes nele, por isso também não irei comprar esse manga até fazerem algo a respeito. Sobre o dito tradutor, eu não conheço muito a respeito dele, mais acho ele um bom dublador, no sentido de conseguir adaptar sua voz muito bem dependendo do personagem que dubla (alem de ter a voz engraçada), só não gosto desse tipo de adptação que ele faz muitas vezes nas dublagens.
    Eu li o texto no link do post principal, e não me pareceu em nenhum momente que ele não estava aceitando as criticas, simplesmente estava mostrando o ponto de vista dele, ja vi alguem criticando ele no twitter, e ele educadamente perguntou o que ele deveria fazer para melhorar sua dublagem. Sinceramente estou desapontado com a pessoa que escreveu esse texto nesse blog, parece aquela historia de “otakus contra a globo” em que ficaram fazendo mimimi a respeito da novela sobre o japão que ela vai lançar por puro fanatismo, pelo menos nesse caso do fairy tail há razão em criticar.

    PS: Não sei por que tem essa gente que fala que one piece é ruim, eu tenho a impressão de que a maioria dos que falam isso ou só viram aquela droga de versão dublada editada pela 4kids ou nem chegaram na saga de alabasta (que é quando começa a ficar mais maneiro) já vi muita gente que dizia que odiava one piece por puro preconceito e depois que viu mais episodios passou a gostar, deem outra chance :).
    PS2:Desculpe pelo texto enorme.
    PS3:Já falei que odeio fanatismo?

    Curtir

  69. Mara 22/10/2010 às 00:11 #

    Se você não acha a cultura da Grande Nação Japonesa a mais RICA então você não é digno de ler mangás.

    #ProntoFalei

    Curtir

  70. Hyuuga Mhil 22/10/2010 às 00:46 #

    Não gostei do Post, nada a ver, as traduções estão normais, claro que pra passar de uma lingua completamente diferente da nossa teria que ser feito algumas adaptações, não achei tão chocante as traduções como vc pintou.

    Se vc quiser asber mais da opnião do Guilherme, é so escutar o PodCast que o pessoal do Jovem Nerd fez com ele…

    Bom, mas a parte da lucy falar Qualé ficou meio estranho…

    http://jovemnerd.ig.com.br/nerdcast/nerdcast-94-entrevista-guilherme-briggs/

    Curtir

  71. boogiepop 22/10/2010 às 01:19 #

    então pra gostar de One Piece -of Shit- você tem que assistir 130 episódios ruins pra depois chegar no bom? que imbecil. se você viu uns 3 e não curtiu ou viu apenas 1 e não curtiu, é decisão da pessoa não ver e dizer que não gostou. a chance é dada logo que a pessoa decide assistir ao anime, independente de quantos episódios ela queira ver.

    e aliás, a Mara não criticou a dublagem dele, criticou a tradução do mangá, o qual ela comprou e não gostou e é um direito dela como consumidora reclamar.

    e você REALMENTE não entendeu qual é o intuito do blog, não é mesmo? humor, sarcasmo e ironia não são parte do seu vocabulário?

    eu colaria pra você o vídeo “Otaku eh Vida”, com o qual você entenderia porque o Japão é a cultua mais rica, mas acho que a própria autora viu como estava sendo RIDÍCULA e deletou. pena, era uma pérola.

    Curtir

  72. renamodys 22/10/2010 às 01:19 #

    o q achar a poha da cultura rica tem a ver com ser digno de ler a poha dum mangá? se ele gosta, vá lá e leia. O mangá é so uma parte da cultura. Ele nao vai ler so se achar a cultura japonesa fodasticamente vou dar minha bunda pra ela. Nem imagino ele parando de ler mangá

    Curtir

  73. Shinigami Soul 22/10/2010 às 01:40 #

    Isso não tem nada a ver, qualquer um tem o direito de gostar do que quer, e não precisa necessariamente idolatrar aquilo.
    Adoro comida mineira e não é por isso que vou ser fã da cultura mineira.
    Esse seu comentario só confirma o que eu falei.
    Fanatismo.
    O mesmo motivo pelo qual esse monte de gente que o pessoal reclama que defende o Guilherme Briggs faz isso.

    Curtir

  74. Supootaa 22/10/2010 às 10:13 #

    Mara, você esqueceu de postar a capa do mangá:

    Curtir

  75. Ikari 22/10/2010 às 10:15 #

    Bom, apesar de toda as críticas, continuo acreditando que Fairy Tail vai ser um sucesso, se apenas alguns otakus hardcore deixarem de comprar, não fará grande diferença, quando uma editora lança um mangá desse porte, esta quer é alcançar um grande público e não apenas um pequeno nicho hardcore. Ainda não li Fairy Tail, mas tenho certeza de que vou gostar, e sim ao que reparei o tipo de leitura me lembra um pouco o One Piece, onde na versão brasileira também foram adaptadas algumas piadas, sem comprometer o conteúdo total da obra (lembro até hoje do “um mamão lava o outro” que o Luffy fala na versão brasileira). e só mais uma coisa: NINGUÉM É OBRIGADO A COMPRAR NADA, SE NÃO GOSTOU NÃO COMPRE, SE VOCÊ PREFERE AS EDIÇÕES GRINGAS COMPRE-AS EXISTE MUITA GENTE QUE QUER AS EDIÇÕES NACIONAIS, ESSAS SIM É QUE FAZEM O MERCADO DE MANGÁS NO BRASIL CRESCER E TER TANTOS TÍTULOS A DISPOSIÇÃO, COMO TEMOS HOJE!!!!!

    Curtir

  76. Miri 22/10/2010 às 10:18 #

    @Alma de Ceifeiro de Almas

    Se você não entende o VERDADEIRO sentido do que os outros escrevem então não é digno de estar na internet.

    #ProntoFalei

    Curtir

  77. Grave 22/10/2010 às 12:30 #

    Vai querer defender?

    Só pode chamar One Piece “of Shit” alguém que assistiu ou acompanha o mangá. O mesmo vale para Fairy Tail

    E nenhum lugar ela escreveu que está falando da história ou dos traços, o que não significa nada, já quem nem a história e nem os traços são parecidos. Ela está falando mal uma obra que ela nem leu, como se soubesse tudo dela.

    Curtir

  78. boogiepop 22/10/2010 às 13:21 #

    títulos com um papel de qualidade lixo, capa vagabunda e traduções mal feitas. é por isso que a qualidade não sobe, porque vocês continuam aceitando qualquer merda que eles soltam.

    não que eu vá comprar qualquer porcaria que as editoras trazem, considero meu gosto deveras refinado pra ler algo como Fairy Tail, que dirá comprar. agora pro “povão” creio que seja o idel mesmo, olha você por exemplo ADORANDO o lançamento =)

    Curtir

  79. boogiepop 22/10/2010 às 14:13 #

    adaptação é diferente de colocar falar que NÃO EXISTEM.

    Curtir

  80. Rkun18 22/10/2010 às 14:53 #

    Se eu fosse o sr. perfeito, reclamaria que você escreveu “2 lugar” ao invés de escrever “2º lugar”, mas não vou falar isso.
    E na verdade, ele errou também na redundância, já que falou que uma pessoa física é um ser humano….
    Assim, eu não estava corrigindo uma redação, só achei engraçado o fato de ele chamar o dublador de “educada”… e é meio difícil ser erro de digitação, pois o “o” fica bem longe do “a”… acho que foi uma safadeza oculta mesmo.

    Curtir

  81. Matheus Sales 22/10/2010 às 15:26 #

    Eu entrei pela primeira vez hoje por causa da matéria sobre Fairy Tail. Para mim o melhor mangá não deveria ser traduzido tão mal e com piadas tão sem nexo!!
    Mas eu não sei como apoio o projeto, alguém poderia me esplicar?

    Curtir

  82. puffing tom 22/10/2010 às 15:30 #

    eu nem vou comentar a tradução de Fairy Tail porque,ó, caguei pra ela. Acho o mangá bom no começo mas fraco no decorrer da história, acompanho os atuais e posso dizer com relativa certeza que a personalidade dos personagens é substituida por caricaturas e o mangá como um todo fica monotono e repetitivo.
    o que eu quero mesmo saber é porque a Mara não gosta de One Piece. Eu acompanho o mangá, acho o anime caça-níquel, desde as edições da Conrad e o acho o melhor shonen que eu já li. É, sem dúvida alguma, o meu preferido (dentre os shounens) e o acho bem construído, além de gostar muito do estilo de desenho do Oda, que começa simples e depois vai se enchendo de detalhes. Entendo quem acha o traço estranho, mas apostei que a autora do blog teria um motivo melhor pra não gostar dele…anyway, só curiosidade…responde aí! (please)

    Curtir

  83. Mara 22/10/2010 às 15:38 #

    Não gosto porque não gosto. :P

    Curtir

  84. Juliana 22/10/2010 às 17:27 #

    Guilherme Briggs = A pior coisa que aconteceu Tenjho Tenge, e agora, com Fairy Tail.

    Diferentemente da maioria do pessoal aqui, a primeira vez que eu soube que ele existia foi quando comprei o primeiro volume de TenTen (cheia de expectativas, afinal é uma das minhas séries preferidas). E indignada, procurei saber o nome do indivíduo que estragou um mangá que estava esperando por tanto tempo, para me deparar com isso.

    Até comprei os primeiros volumes da série para ver se a tradução da mesma melhorava. Porém, nada. E terminei vendendo meus 3 volumes de TenTen versão Briggs (…podre ¬¬”) para um sebo por R$ 2,00 cada, e comecei a importar a versão da CMX, que embora censurada, é plausível de se ler, você entende o que os personagens estão dizendo.

    A minha revolta aumentou ainda mais com o Briggs a partir do momento que eu vi uma discussão em um site – e eu cheguei a partcipar dela – em que o ele tentava fazer com que todos engolissem que a sua adaptação era perfeita e que críticas construtivas eram somente inveja alheia; e isso só fez com que eu desgostasse da pessoa, o que antes era somente pelo lado profissional.

    Enfim, a verdade é que eu realmente pretendia comprar Fairy Tail, e não, nunca li a história, mas a sinopse havia me agradado. Mas, a partir do momento que eu soube que o Briggs, o ser que acha que traduz maravilhosamente e não traduz coisa alguma, iria adaptar o mangá para o portguês, desisti imediatamente, porque eu sabia que essa merda iria ocorrer. Eu não comprei o mangá, então não posso falar muita coisa, mas essa revolta só é um confirmação do “sucesso” da capacidade de tradução e coerência do indivíduo.

    Se eu sou extremista? Que seja, cada tem a sua opinião e o direito de defendê-la.

    # Ótimo post, by the way.

    # E sim, One Piece é um pé no saco. Eu assisti os vinte primeiros episódios legendandos, só para não dizerem que eu “só vi o primeiro episódio pelo SBT e já vai falando merda”, e não gostei. Mas particulamente eu respeito quem curte a série, e estes deveriam respeitar a opinião daqueles que diferem dos mesmos. Ninguém é obrigado a gostar de nada, e respeito é bom e todo mundo gosta.

    Curtir

  85. Denys Fantasma Almeida 22/10/2010 às 17:35 #

    Engraçado é ler esses comentários de quem veio parar aqui no Mais de Oito mil de para-quedas e não entende qual é a do blog. Por isso que eu sou tr00 Mais de Oito Mil! Mesmo sendo X-9…

    Gyabbo!

    Curtir

  86. Rkun18 22/10/2010 às 18:09 #

    já que você me chamou de sr. perfeito antes, vou falar:
    “enterterimento” fez o prof. Pasquale ter um ataque cardíaco.

    (Só pra encher ele mesmo, huahauahua)

    Curtir

  87. Deyvisoon 22/10/2010 às 20:25 #

    É por isso que aprendi Nihongo e nesses casos só compro o mangá em japonês XD~

    Curtir

  88. Mariana Cardoso 23/10/2010 às 16:11 #

    Concordo com vc! Eu estava louca por Fairy Tail e fui na Fest Comix especialmente para comprar o mangá. Eu AMO história, mas concordo com vc… me deixou bem decepcionada na tradução. Vi que muitas coisas não tinham nada ver com o que eu já tinha lido e assistido…

    Não conhecia esse ser Gabriel… mas já estão na minha lista “negra”…

    Mas mesmo assim continuarei comprando o mangá… eu gosto. fazer o q!

    bjoesss

    Curtir

  89. Ikari 23/10/2010 às 17:49 #

    Bom, cara é como eu disse, se você não gosta da qualidade, “títulos com um papel de qualidade lixo, capa vagabunda e traduções mal feitas” e não gosta do título,”considero meu gosto deveras refinado pra ler algo como Fairy Tail”, o que cagas vc tá fazendo postando várias mensagens de um título que você não gosta e nunca vai comprar…… e sim vc faz parte de um pequeno nicho hardcore, que reclama de tudo e nunca tá satisfeito com nada…… se lançassem esse mesmo título, em edição de luxo vocês, “otakinhos brasileiros”, estariam reclamando do preço, e sim mangá é pro “povão” mesmo, quer você goste ou não.

    Curtir

  90. djbereta 24/10/2010 às 17:22 #

    Lamentável essa tradução! E mais lamentável ainda a JBC dar aval para isto.

    Agora entendo porque o pessoal prefere importar.

    Curtir

  91. Hayashy 24/10/2010 às 23:34 #

    puts que polemica….Enfim não há outro jeito, eu vou coomprar esta budega mesmo, to querendo este mangá. E acho que os meus amigos que vão ler, vão gostar, afinal, a JBC pensa que nós somos analfabetos…

    Curtir

  92. denisbruno 25/10/2010 às 11:30 #

    Nossa, depois dessa tinha que se jogar da ponte com um pedra amarrada no pé.

    Curtir

  93. Gustavo 25/10/2010 às 17:23 #

    Bando de otakus de merda! Enfia porra da “cultura mais rica” no cu!

    Enfia aquele país de merda no cu!

    Os EUA que não souberam fazer o trabalho deles… Deviam ter lançado pelo menos umas trezentas atômicas quela ilha de merda!

    Pau no cu da puta que te pariu Otaka de merda! Pau no cu dos Dubladores de merda também! Pau no cu do Briggs e também no seu!

    Curtir

  94. Valdoir 27/10/2010 às 01:31 #

    Eu não entro muito no campo do camarada ser vaidoso ou que destrata quem critica sua pose de trabalho e algum de seus trabalhos na dublagem (motivo tenho de sobra).
    Esse não é o ponto, o que interessa tanto agora nesse mangá aí do Fairy Tail como foi com Tenjoh Tenje (deixando as paixões por personagens e gosto pela trama de lado) é que o cara NÃO TEM FORMAÇÃO E ESTÁ ROUBANDO A CHANCE DE UM TRADUTOR DE VERDADE no trabalho.
    E o que acontece? é esse estrago.
    Porém é previsivel, quem cuida da linha dos mangás da JBC? O grande Marcelão Del Grecco, fãzaço VIP de Cavaleiros do Zodiaco no Brasil, tbm tradutor da série aqui (com pérolas como Fréia, em Asgard, e as novas fases de Hades e Lost Canvas).
    Aliás só ver a defesa ferrenha dele em um site chapa-branca aí para com o dublador.
    Eu não misturo as coisas, independente de eu desgostar do perfil e trabalhos do carinha aí, ele não tem competência profissional para traduzir mangás.
    E pior, direto do inglês??? Tá na cara que vai sair coisa ruim, e o ponto nevrálico é o passado do “estrela” em colocar girias e piadinhas, distorcendo e mutilando a obra.
    Ou será que o autor de Fairy Tail gostaria de ver seu trabalho ser mutilado e brinquedo de dublador que quer se aparecer em cima de uma manada de gente que se diz fã, mas não contesta os méritos e trabalhos do cara?
    Me limito apenas a este ponto, pois se me atrever a criticar suas posturas como profissional de dublador, aí o couro come e amanhã estarei recebendo intimação de danos morais e injúria.
    Pois só quem já criticou o cara sabe do ardil que ele age pra calar a quem futuramente poderia sim ser o primeiro a lhe dar créditos e gratificação.
    Parabens ao autor do blog por ter a coragem, e com ARGUMENTOS, de remar contra a maré de sites chapa-branca de animes e criticar a posição da JBC com este mangá.

    Sugiro a você que crie um banner linkando este post pra que outros desavisados BOICOTEM este título enquanto a JBC insistir nessa atitude de amador em contratar gente incapacitada para traduzir seus mangás.
    Temos muitos bons tradutores mal pagos e que perdem a chance de trabalho porque um camarada tem um fandom atrás pra bancar as tiragens do titulo.
    Não tem desculpa!

    E Horo-HOro, você é pau-mole, sabe do caráter do cara e fica em cima do muro, e ainda quer dar papo pro cara que bate na tua cara???
    Seu pai e sua mãe teriam muito orgulho de botar um filho que nem honra o nome e é cagão.

    Curtir

  95. Thaís 30/10/2010 às 21:15 #

    Cavaleiros do zodiaco é famoso sim no Japão, mas o caso é que essa citação não existe na fala original!!

    Curtir

  96. Pedro 31/10/2010 às 19:48 #

    Cara, pera lá. Foi justamente isso que o cara disse. Tá exagerando, hein?! Forçar a barra é dose. O que ele quis dizer é justamente isso. Adaptar a tradução não é traduzir aleotoriamente co0mo em muitos casos parece que o tradutor fez. Existem coisas realmente ruins dentro da tradução.
    Na teoria é bonito. Ainda não li qual foi a birra do povo aqui, mas creio que o lance , também, envolveu brigas pessoais. *facepalam*
    E se penso como foi o cara simplismente resolveu ser agressivo com as críticas, porém, não sei como essa crítica foi feita e em que termos. O caso é que , por mais que a crítica seja válida uma foto e o nome do tradutor para difamar o trabalho do cara são no mínimo trolagem de fórum. Porém, no que concrerene apenas à crítica considero a crítica válida. Inclusive que por mais que eu discorde sobre certas opiniões pessoais como One Pìece é merda a teoria de tradução está perfeita. Não sei se o cara é qualificado no curricullum, porém, na prática ele fez feio. A JBC fez cagadas, mas eu ainda lembro das traduções da COnrad. Goku em Dragon Ball falava Thank You. Como se ele tivesse cultura para tal. Daí a desculpa era pra deixar o mangá mais jeitoso. Puro lixo.
    É a vida. Ainda considero Fairy Tail uma boa adição apesar da cagada. A gente identifica fácil essas cagadas. Pelo menos ele não fez o favor de achar e criticar que a tradução não segue a língua certa na integra como alguns blogueiros mal formados que nem ao menos criticar um trabalho ruim sabiam e se mostravam piores que o tradutor.
    Acredito enfim que, sim a opinião dele é válida.

    Curtir

  97. Pedro 31/10/2010 às 22:10 #

    Fato, mas o cara pode não ter gostado do post. Sendo que é só uma opinião. Não vi argumentos. Talvez tenham sido só impressões do cara. E antes que falem : “Vá pra casa do caralho”. Falo eu mesmo. Fui lá ler monster hunter.

    Enfim cavaleiros do zodíaco foi de doer. Mesmo.

    Curtir

  98. Pedro 31/10/2010 às 22:21 #

    Enjtão, rapá. Eu gosto de Speed Racer e to ligado que mais pra frente tem sagas ruins e tal. Tanto que eu prefiro acompanhar pelo Scan por várias advertências de que Rave MAster é melhor. Eu gosto desse tipo de leitura. Não me vejo denegrido por querer ler ao lado de vagabond e Lobo Solitário algo como Dragon Ball ou Dragon Ball Z. Isso depende da opinião e do cliente. Tenho uma colega que le Hitman Reborn.ç pra mim Hitman Reborn vc limpa o chão, mas pá é divertido para algumas pessoas. Sendo um hit ele seria lançado. Indepndente da qualidade do trabalho dos envolvidos no projeto.

    Curtir

  99. Pedro 31/10/2010 às 22:28 #

    \hm\ By the way. menos extremista que fã boy. MAs de qualquer modo só o conhece pelas traduções. Como dublador acho-o ótimo e meio que falta o conhecimento aí de que ele atuou em outros ramos.

    Enfim. Como dublador ele é bom. Só acho que ele se meteu Seara alheia.

    Curtir

  100. Pedro 31/10/2010 às 22:29 #

    Desculpem o Double Post. Ele dublou Spike Speagle no filme do Cowboy Bebbop. Gosto dele como dublador. Só acho que como disseram outras pessoas: algumas pessoas estão levando essa guerra a sério demais sendo que é humor.

    Relaxem. Trollar tbm é vida.

    Curtir

  101. Pedro 31/10/2010 às 22:40 #

    Boa, mas ainda assim já falei. Tradução e dublagem são ramos dif. Searas Alheias. Só tenho isso a dizer. |de resto: bom comentário. Exceto por algumas ofensas. =)

    Curtir

  102. Julio 01/11/2010 às 00:26 #

    a industria de animes e mangas esta indo de mal a pior…
    .
    ja nao basta o autor do topico fazer uma critica ridicula de uma obra…e tem isso tbm…
    .
    e a primeira vez que visito este blog e ja nao gostei dele

    Curtir

  103. L.Umbelino 03/11/2010 às 15:46 #

    Eu tenho uma sugestão, as pessoas que são fãs de fairy tail
    comprem o exemplar, leiem e analise.
    Se não gostarem no site da JBC tem um negocio chamado falem com conosco
    e um telefone de atendimento para as pessoas que são clientes da JBC nessas fontes de comunicação vocês podem reclamar, dar dicas, ente outras coisas.
    Primeiro temos q comprar o temos q conhecer o produto p/ saber o conteudo e temos direito de reclamar sobre o produto ou elogiar pois não adianta falar agora pois o produto naum chegou em tdo Brasil ainda.
    Se houver muitas reclamações algo vai acontecer.
    Obrigado pela compreensão!
    Vlw!

    Curtir

  104. Rodrigo-kun 04/11/2010 às 10:09 #

    Fiz isso.

    Caro Rodrigo,

    A Editora JBC agradece seu contato e pede desculpas por não atender as suas expectativas.

    No caso de Fairy Tail #1, a Editora JBC não faz somente a tradução, mas a adaptação com base no japonês com intuito de deixar o título engraçado e dar o tom mais brasileiro para alguns diálogos.

    A Editora JBC respeita a diversidade de opinião e a espontaneidade dos leitores, levando em consideração suas críticas.

    Estamos à disposição para demais esclarecimentos através desse endereço eletrônico ou pelo Atendimento ao Consumidor (011) 5574-0045.

    Atenciosamente,

    Japan Brazil Communication – Editora JBC
    Rua Loefgreen, 1291 – 7º andar
    Vila Mariana CEP 04040-031 São Paulo/SP

    Em 22 de outubro de 2010 12:13, Rodrigo
    escreveu:

    assunto: duvidas e sugestoes
    nome: Rodrigo Carneiro

    ==================================
    mensagem:

    Bom dia Srs da JBC,

    Gostaria de saber se o Titulo Fairy Tail é traduzido/adaptado do Inglês ou do Japones?

    E por que

    “forget about the council members” [texto do mangá fairy tail]

    foi traduzido como:
    “o conselho que vá descobrir quem pintou as zebras]

    E

    “I should become a knight when i grow up”

    foi traduzido como: “eu quero me tornar um cavaleiro quando eu crescer E DO ZODIACO”.

    Peço que por favor, mantenham a obra fiel a versão original. Essas piadinhas que não sei por que ou para quem são feitas, apenas estragam o mangá. Por favor não façam com fairy tail o que fizeram com o ten tenje.

    Sem Mais,
    Rodrigo

    ==================================
    localizacao:
    SãO PAULO – SP – BRASIL


    Atenciosamente,

    Japan Brazil Communication – Editora JBC
    Rua Loefgreen, 1291 – 8º andar
    Vila Mariana CEP 04040-031 São Paulo/SP
    (11) 5575-6286
    http://www.editorajbc.com.br

    Curtir

  105. gwy 17/12/2010 às 20:29 #

    Achei engraçado alguém ter dito aqui nos comentários “Fairy Tail começa legal depois fica ruim”. Esse depois é quando o cara pára de copiar One Piece na caruda?
    Não ligo a mínima pra Fairy Tail (nem pra erros medonhos de adapatação no mangá), mas esse balões ficaram rídiculos… Mesmo sem ver o original.

    Curtir

  106. lulugluglu 21/12/2010 às 23:23 #

    O Briggs tem um problema sério. Não aceita ser contrariado. Ele conseguiu convencer a grande maioria dos fãs que é um santo. Ele é muito talentoso pra dublagem isso é verdade. Mas atrás daqueles óculos e de todas aquelas caretase humor, afinal ele é um cara muito engraçado, existe um sujeito muito articulado com o dom da palavra. O papo dele é quase hipnótico e extremamente convincente. Só tem mesmo aquela aparência de bonzinho. Ele é o mestre de ilusão. Do lado dele uma legião de fãs que o seguem como se fosse uma religião. Mal sabem que ele os usa pare se promover. Ele tem um ego gigante que consegue esconder com aquela papinho de sou humilde. Se você está lendo isso e é fã dele pode ser certeza de que não estou falando por inveja. Ele já prejudicou algumas pessoas e precisa ter aquela máscara arrancada. Não quero que ele perca o emprego. Quero que ele tenha muita saúde e seja feliz. Mas aquele pose de bonzinho não pode ficar impune.

    Curtir

  107. Cidão Oliveira 01/01/2011 às 21:26 #

    Isso de “ah, sou um santo. Não é bonito isso?” realmente, por vezes, me incomoda um bocado, mas não o conheço ao ponto de dizer que é forçado.

    Não sei também se ele já “prejudicou muita gente”, mas, a galera deve saber a quem cabe o ônus da prova, certo?

    Quanto ao caso da tradução, a editora escolheu alguém, se os consumidores não estão satisfeitos têm duas opções: Não consumir ou reclamar a quem cabe reclamação.

    Pessoalmente sou a favor de adaptações, as acho úteis, de bom grado. São inúmeros os exemplos de casos em que a adaptação deixou um desenho mais divertido, um filme e\ou série mais bacana. Por outro lado, houveram exageros, de fato. A inclusão de falas como “E do zodíaco” é grave, na minha opinião. Outro equívoco, pra mim, é o tratamento dado aos personagens, como se fossem todos personagens dele, como se ele os tivesse escrevido, é nesse ponto que faz a diferença um tradutor profissional.

    Há, no entanto, uma grande falha nisso tudo. A galera que mais reclama é a que menos sabe escrever. Não que só letrados possam reclamar desse tipo de produto, mas há de se ter um posicionamento respeitoso e com um mínimo de critério, do contrário seu argumento se perde num mar de irrelevância.

    No mais, acho que Felipe Ricotta estava certo quando disse “Você não entendeu porra nenhuma”.

    Curtir

  108. Cidão Oliveira 01/01/2011 às 21:30 #

    Ah, esqueci. Cultura mais rica? O Título do negócio é em Inglês! Vejam as coisas como elas são.

    Curtir

  109. caioalb8 14/04/2011 às 20:36 #

    tomah no cu porra fairy tail eh um otimo anime e manga, se vc n acha vai assistir essa merdinha de saylor moon ai._l_
    Jah o caso do Briggs eh outra historia pq ele traduz as merdas mt mal msm… aquela bixa
    PS. no manga do Fairy Tail(acho q eh o 3 ou 4) o gray fala:”Tem cachorro nesse mato”…
    Sem comentarios neh ¬¬

    Curtir

  110. Pedro 11/06/2011 às 12:45 #

    que coisa idiota. GÌRIAS? Esse é o motivo de não gostar? Os Japoneses tbm usam girias, sabia disso? E a maioria não ia fazer o menor sentido aqui . Pra não deixar os textos dos mangás ficarem padronizados e com linguagem coloquial( que é o que eles usam) o GUILHERME BRIGS Apenas deixou num tom mais suave e naturalizado. O cara é muito bom no que faz. E não estragou nada .

    Curtir

  111. Rafael Gt 03/08/2011 às 12:53 #

    Bem, isso foi nitidamente exagero da parte de todo mundo aqui.
    Realmente, adaptações forçadas usando gírias doem nos nossos olhos, mas também não podemos simplesmente pensar que uma equipe de tradução profissional é que nem grupo de scanlator qualquer, em que se tem só um tradutor e um editor (às VEZES um revisor, mas que geralmente não faz nada – só coçar o saco e escrever “ok”).
    Também é meio chato ficar DEDUZINDO que eles traduziram do inglês. Lembre-se que a versão em inglês também veio da original em japa, logo, é óbvio que terá várias coisas similares.

    Eu só fico um pouco triste da JBC não usar expressões como -kun e -chan, que cá entre nós dão aquele charme oriental que todo mundo gosta.

    Enfim, ao menos eles são pontuais, diferente do pessoal da panini…

    Curtir

  112. David Denis Lobão 05/12/2011 às 23:27 #

    A discussão só não teve mais comentários pq o blog ainda tava no inicio. E tem muita gente (como eu) que se recusa a falar sobre este ator.

    Curtir

  113. thiago225 06/12/2011 às 00:11 #

    passando mais uma vez só pra dizer q a tradução dele ficou lixo :D

    Curtir

  114. MakotoBakura 08/12/2011 às 06:45 #

    E parece que o post relembrando as discussões do blog vai reativar vários outros posts…

    Quanto ao Briggs… Adoro ele como dublador, e a aparência dele é de alguém simpático, mas já li tanta gente dizendo que ele é como alguém usando uma máscara que esconde o verdadeiro Briggs, que já nem sei mais

    Bom, que a tradução ficou realmente forçada pra caramba nos exemplos, isso ficou… Parece que tentaram fazer o mesmo que quando dublaram Yu Yu e SF 2 Victory, mas o tiro saiu pela culatra

    É, parece que a mesma fórmula não funciona sempre…
    Fora isso, continuo gostando das dublagens dele

    Curtir

  115. xukrute 16/12/2011 às 01:53 #

    namoral o cara nao traduz ao pé da letra que eu ja vi os outros mangas guillerme briggs e um otimo diretor de traduzao e dublagem dublando o grand Freakazoid

    Curtir

  116. Matheus M. Franco 30/12/2011 às 19:19 #

    Cara, eu comecei a gostar de Fairy Tail por causa da tradução do Briggs, agora que vejo que é diferente da original… Fairy Tail é um cú -q

    Curtir

  117. QueL 26/02/2012 às 18:31 #

    Bem legal esse post ^-^
    Só não gostei da parte “E por que eu não queria Fairy Tail? Porque acho parecido com One Piece of Shit.”
    No começo tbm achava fairy tail um shit pq achava q era parecido com one piece (I hate one piece \o\)
    Mas percebi que o desenho só é parecido no começo ‘-‘
    Acho que lá pros caps 50 ou menos eles já estão bem diferentes de One piece, além de q eu gostei de fairy tail pra caramba u.u

    E quanto ao cara aí, Briggs, nunca ouvi falar nele ‘:D e tbm nem comprei o mangá da JBC mas mesmo o da Panini tem umas coisinhas chatas tipo “Qualé” toda hora e “Cê” em vez de você enche o saco kk xD

    Belo post \’-‘/

    Curtir

  118. Renato Ferreira (@Destroyzer) 07/06/2012 às 05:36 #

    Cara… Acho que o Google Tradutor faria um trabalho MUITO melhor que esse cara. Não tem nada a ver as frases que ele coloca na tradução. Acho que qualquer um consegue traduzir melhor que ele. Tem palavra aí que surgiu do nada…Por que diabos ele completou a frase “quero ser um cavaleiro” com “do zodíaco”? ¬¬

    Curtir

  119. Hevers7X 08/10/2012 às 12:24 #

    Estou vendo que me arrependi de ter assinado esse mangá ¬¬ Os Scanlators são bem melhores mas eu não curto muito lê mangás na tela do PC e tô começando uma coleção.

    Curtir

  120. Téh Moura 02/02/2013 às 18:45 #

    Assim, eu sou muito fã do Guilherme Briggs como dublador. O trabalho dele de dublador é sensacional, realmente muito bom. Mas de tradutor de mangás… p*** que p****, Guilherme! Ficou muito ruim. Po, “e do zodíaco” foi uó. CDZ é uma obra muito famosa, portanto não precisa ser referenciada por Fairy Tail. Sem falar que quebra a leitura sem necessidade.

    Tava pensando em comprar os mangás pela JBC, mas depois de ver como ficou o trabalho… Cara, as pessoas pedem para a gente incentivar o mercado nacional de mangás, mas desse jeito não dá. Prefiro ficar com scanlators mesmo. Scanlators cometem seus erros de digitação, diagramação às vezes, mas nunca deixam o texto tão cheio de gírias e outras coisas desnecessárias.

    Curtir

  121. Stéfano Paschoal 17/03/2013 às 20:46 #

    o briggs ja sabe japones shuahsuahsauh

    Curtir

  122. Artur Antunes 03/12/2013 às 21:30 #

    Engraçado que quem critica essa tradução, adora a dublagem de Yu-Yu-Hakusho que faz piada com Cidade de Deus.

    Curtir

  123. Thales 10/02/2014 às 22:51 #

    Respeito sua opinião, mas discordo de tudo o que vc disse.
    Para mim, Guilherme Briggs é simplesmente um dos maiores gênios que o nosso país possui, e tudo que ele toca vira ouro! Sua proposta de colocar seu jeitinho brasileiro nas obras em que ele mexe, adaptando gírias e piadas para algo comum em nossa nação, para mim é um chute no gol!

    Obrigado, Briggs

    Curtir

  124. Luana Domingos 16/03/2014 às 21:21 #

    Só tenho a te agradecer pelos seus comentários sinceros, ia começar a comprar a coleção porque amo a obra e não achava justo só ler o manga pela net, mas depois de saber o pouco caso e a falta de respeito da editora (considero a JBC culpada por permitir uma cagada dessas, já que vão ganhar rios de dinheiro que vendam um produto bem feito) desisti totalmente.

    Curtir

  125. gabriel herisson 30/07/2014 às 19:06 #

    tem que ser muito retardado pra criar um posts desse

    Curtir

  126. NEGRO DE DIREITA 18/08/2015 às 16:41 #

    BRIGGS = LIXO BRASILEIRO COMO TUDO QUE TEM POR AQUI!!!

    Curtir

  127. Lucas Westfal 21/11/2016 às 22:08 #

    O que é tradução?
    Sempre tive comigo que tradução não é trocar palavras em um idioma por outro, mas trazer o significado para outra cultura.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: