Tag Archives: Superação

Afinal, o que querem as otakas? – Ele terminou comigo, o que faço?

22 fev

otakas

A seção sobre conselhos amorosos entra de férias, mas o amor não para. Eu nunca mais ia falar dicas para otakus, mas recebi um email tão maravilhoso que eu preciso compartilhar. Pegue todo o seu conhecimento amoroso absorvido do Ele não está tão a fim de você e IKIMASUUUUU ler o email.

Olá, Mara. 

Gostaria de um conselho seu sobre um garoto que estou apaixonada. É uma paixão virtual que já dura quatro meses, frequentamos o mesmo fórum sobre animes e mangás. Comecemos a trocar e-mails e num desses e-mails eu me declarei para ele. Ele me respondeu com muita educação e perguntou se eu não gostaria de ser a namorada dele, eu aceitei e começamos um namoro virtual. Ao contrário da maioria dos otakus, ele sabe falar de vários outros assuntos também. Uma coincidência que me deixou ainda mais apaixonada é que ambos somos ateus e frequentamos quase que os mesmos sites ateístas. Foi tudo muito bonito no começo, nos falávamos todas as noites e algo surpreendente aconteceu: ele terminou comigo. Isso aconteceu já tem um mês e não consigo esquecê-lo de jeito algum. Eu ainda estou muito triste, e gostaria de um conselho seu. 

Desde já agradeço.

Minha okaasan (“minha filha”, se você não domina o idioma do MESTRE Kurumada), eu poderia escrever um grande conselho sobre como Deus vai iluminar sua vida, ou citando o Datena e dizer que você não presta por ser ateia, mas estou aqui ocupada rindo feito uma porca da sua frase “Ao contrário da maioria dos otakus, ele sabe falar de vários outros assuntos também”. Nem em três anos de blog dei uma alfinetada nesse nível, então você vai ganhar um PRÊMIO do blog:

valenamorado

Imprima apenas uma cópia e seja feliz.

Nabuco foi na floresta caçar borboleta, encontrou com a velha com a mão na bu…

22 dez

Há algumas semanas, recebi um email de um garoto falando sobre o mangá que ele tinha escrito e pedindo ajuda para divulgar. Como eu estava na hora sem nada pra fazer, abri a história e comecei a ler. Minha idéia seria esculhambar o mangá do menino, assim como faço com os outros mangás.

Fui lendo e achei o traço meio estranho, mas fui lendo… e fui lendo… e fui lendo… quando vi, havia terminado o mangá do garoto.

O traço é meio deficiente, mas isso não afeta em nada o mangá. O traço parece até perfeito para a história proposta. O autor equilibrou o texto, não deixando ser algo fácil de ler e sem deixar longos monólogos (que nem eu critiquei aqui na primeira edição da Ação Magazine). E achei que a história tinha uma profundidade muito interessante, pegando coisas filosóficas que existem de verdade e aplicando numa história curta que tem carisma próprio. E o autor tem só 18 anos!

O mangá dele é perfeito? Não, tem umas falhas, óbvio, mas pela idade do autor e pelo número de acertos, eu posso afirmar que ele já tá melhor que muito profissional que vemos aí.

“Mas Maracutaia, sua gorda implicante, por que tá divulgando isso? Você vai ganhar dinheiro?”

Não. Como aqui é meu blog e eu posto o que quiser, achei que poderia falar um pouco sério e divulgar algo que eu gostei. Esse post e essa divulgação é um voto de confiança para o autor, porque achei que ele tem habilidades muito boas e quero ver até onde ele consegue ir. E, acima de tudo, ele pareceu ter humildade o suficiente para ler uma crítica e usar isso para melhorar.

Então, se você leitor ficou curioso para dar uma lida no Outside The Woods (o nome é cafona pra cacete, mas é o que tem pra hoje), é só clicar aqui para ver o site oficial. E aproveitem que tem promoção:

Esse post ficou parecendo patrocinado… só faltou o dinheiro no meu bolso.

***

(@maisdeoitomil)

Experiência Mais de Oito Mil + MdOM Mangás – É hora da ação!

16 set

Tinha um episódio dos Animaniacs que eu adorava. Eles tinham uma máquina de misturava coisas, aí eles faziam crossovers entre as esquetes do programa, misturando os personagens. E o que isso tem a ver com o blog? Porque, assim como na quarta-feira, em que eu misturei o Grande Debate com o Mais de Oito Mil Investigations, hoje vamos ter mais uma fuuuusão rá de seções do blog!

A não ser que você só acesse o Jbox e more numa gruta, você deve saber que a DC decidiu resetar todos os seus quadrinhos assim como você fazia com o seu Rakuraku Dino-kun quando ele virava carnívoro. Com essa atitude, a editora americana quis trazer leitores que nunca tinham lido uma HQ e que tinham medo dos trocentos anos de cronologia cheia de guerras, mortes, ressurreições. Era tipo pegar a Bíblia.

Decidi fazer então uma experiência bem pessoal. Como eles falam que o quadrinho agora é acessível a qualquer um que não conhece a história, fui TESTAR se isso é verdadeiro, analisando um dos comics novos da DC. Cheguei no meu Kareshi, que conhece dessas coisas mais do que eu, e falei meu plano:

- Vou pegar um desses heróis da DC pra analisar.

- Tá, Mara, vai pegar qual?

- O Homem Aranha! Acho o Andrew Garfield tão gostoso!

- Ele é da Marvel.

- O Chris Evans?

- É Capitão América, e é da Marvel.

- Tá, a DC tem o quê?

- Tem o Lanterna Verde, o Flash…

- E por que eu analisaria essas pessoas chatas?

Depois de muita discussão, escolhi a icônica ACTION COMICS #01. Então se preparem para esse post patrocinado pela DC… até parece que alguma editora gastaria algum dinheiro com post patrocinado nesse blog, elas ainda acham que o humor pode sujar a imagem.

Então desculpem a introdução longa e IKIMASU conhecer o Superman e ver se uma leitora de mangá, como eu, como você, como a dona Maria, pode gostar disso!

Começa com um grande jantar de executivos, todos de roupa impecável conversando coisas tipo “Dinheiro dinheiro?” “Dinheiro!”. E como nos quadrinhos todos os empresários são malignos por usarem o capitalismo ao seu lado, já sabemos que esses são os vilões.

Só que o Superman, que não é Lohane mas também é Rarará de Raio Laser, chegou como um raio para impedir toda a maldade.

A polícia chegou e o Superman tá tentando arrancar uma confissão do vilão, que releva rapidinho que usou mão de obra ilegal, subornou pessoas, ignorou a segurança… Gente, só em Metrópolis pra isso ser um crime. Se fosse no Burajiru, esse cara já tinha cargo político.

O Superman tem poder de rejuvenescimento? Porque esse cara dessa página está uns 40 anos mais novo que o outro. É como se naquela página fosse o Antônio Fagundes, e agora é o Caio Castro.

Depois de arrancar a confissão do Salomão Hayalla de Metrópolis, a polícia, sempre prestativa, quer prender o Superman. Ele até pediu que atirassem nele para que confirmassem os boatos de que as balas não o atingiam.

É tipo o que a Marilac fez com o vídeo no verão da Europá.

Olha, eu não questiono a verossimilhança de um cara super poderoso, que pode correr rápido, saltar longe e que tem super-força. Mas eu questiono a verossimilhança quando uma câmera de um Blackberry, que não consegue fotografar uma estátua sem sair embaçada, registrar uma imagem nítida do Superman.

Aí apareceu o Lex Luthor tomando uma breja e planejando um plano para capturar o Superman para um senhor idoso que é o pai da Lois Lane. E a maior dúvida que eu tenho é… custava fazer um Lex gatinho tipo o de Smallville? O que foi? Só eu acho ele gatinho?

O Superman, todo cagado da batalha, volta para seu apartamento alugado e assume a identidade de Clark Kent. Só eu achei que esse brutamontes não convence como um nerd? É tipo o Alexandre Frota vestindo um suéter vermelho, um óculos redondo e ganhando 10 pontos para a Grifinória.

Ele dá uma ligada para o Jimmy Olsen, e num diálogo natural e super-explicativo, a Lois conta pra gente que o Clark trabalha no jornal rival. Ela tá no metrô de Metrópolis porque quer flagrar um criminoso perigoso.

Provavelmente é o cara que tá encoxando a Janete.

Só que o metrô é uma cilada! É tipo a linha roxa de São Paulo! Na verdade é uma armadilha para fuder com a vida do Superman, pois o trem tá desgovernado e ele precisa impedir.

Pronto, já tivemos a primeira morte do Superman do reboot? Confere, produção?

E assim terminou a primeira edição da Action Comics que, ao contrário do nome, não teve nenhuma Lobo-Guará vestida de Tomb Raider.

Minha avaliação desse negócio? Zoadamente divertido.

***

(Me siga no Twitter!)

(Já me curtiram no FACEBOOK?)

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 3.120 outros seguidores